Hora de mudar o trajeto do “Caminho Certo”

Iremos entrar 4° semestre da atual gestão à frente do São Paulo.

E como o tempo é senhor da razão, é hora de analisarmos se “Planejamento foi bom” e “Estamos no caminho certo”, que torcedores cansaram de escutar desde o começo de 2016.

2016, SAÍDAS (COMEÇO DO ANO):  Rogério Ceni, Alexandre Pato, Maicon, Luis Fabiano, Edson Silva.

2016, ENTRADAS (COMEÇO DO ANO): Mena, Lugano, Kieza, Calleri, Kelvin e Maicon.

2016, SAÍDAS (MEIO DO ANO): Ganso, Calleri, Kardec, Kieza, Rogério, Centurion, Caramelo

2016, ENTRADAS (MEIO DO ANO): Ytalo, Cueva, Gilberto, Chavez, Douglas, Buffarini, Jean Carlos, Robson

2017, SAÍDAS: Mena, Kelvin, David Neres, Lyanco, Michel Bastos, Hudson, Carlinhos, Daniel, Ytalo, Pedro, Matheus Reis, Auro e Artur.

2017, ENTRADAS: W. Nem, Sidão, Neilton, Cícero, Pratto, Jucilei, Edimar, Thomaz, Marcinho e Morato!

2017, SAÍDAS: Breno, Welligton, Rogério (contratado pelo Sport), Chavez e J. Schmitd.  Especulação sobre saída de Rodrigo Caio

2017, ENTRADAS:  Especulação sobre Fernando Bob

Tenho uma dificuldade enorme, em entender o percurso que escolhemos para esse “Caminho Certo” e esse “Planejamento foi bom”.

Acredito que o ponto alto do time na atual gestão tenha sido na Libertadores 2016:

Denis; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Kelvin, Hudson, T. Mendes e Michel Bastos; Ganso e Calleri

Sobraram 5 jogadores, sendo que os 2 primeiros são reservas, Maicon foi banco no jogo passado, a torcida não perdoa o Fair Play de Rodrigo Caio, e Thiago Mendes é contestado.

A impressão que fica, é que é duro ser jogador do São Paulo, por mais de 1 ano, sendo acompanhado nas boas e más partidas.

A esperança é sempre os que chegam e “vai que dá certo, tem que ser otimista”.

Ao invés de PLANEJAMENTO, contamos com a ESPERANÇA, que enfim, Kieza, Ytalo, Gilberto, Thomaz, Douglas, Edimar e W. Nem, sejam no São Paulo, o que não foram nos últimos meses em suas carreiras, jogador pronto para time grande.

E muitos dirão: “Ah, mas Welligton Nem, em 2012 (estamos em 2017), foi muito bem no Fluminense”.  Ora, e pela mesma lógica então Paulo Miranda, Cortes, Douglas, Denilson, merecem uma nova chance no São Paulo?

W. Nem em 3,5 anos na Ucrania, jogou 50 partidas!  E teve problemas que vinham desde 2013 no Fluminense, que são problemas com joelho e coxa.

Além desses, tem Getterson, Robson, Jean Carlos, Neilton, Marcinho e Morato!

Podem dar certo?  Qual a probabilidade?  Bom, se tiver análise sobre os analistas de desempenho, a probabilidade de darem certo é talvez 10%.

Afinal, Cueva foi contratado, porque foram assistir uma partida de Buffarini (indicado por Paton), entre Toluca x San Lorenzo.  Cueva, aberto pela esquerda, infernizou o Buffa!  Não foi análise de desempenho em números apenas.

Maicon, foi capitão do Porto por muito tempo!  Foi encostado, e pagamos multa, por inscrevê-lo um dia após o prazo da Conmebol.

Jucilei, é conhecido de todos, e Pratto nem precisamos dizer!  Marcava gols em todos jogos que nos enfrentava.

A análise pode ser considerada uma crítica de um pessimista, mas, acho que pode ser muito bem utilizada, se pensarmos que é uma sugestão otimista.

As contratações que dão certo, são de jogadores que passaram por seleção, que ficaram mais de 2 ou 3 temporadas no mesmo time e como titular.

Se temos pouco dinheiro, é melhor usar a base (pois são nossos, e cada partida amadurecem e estamos desenvolvendo nosso próprio patrimonio), e investir apenas na certeza!

Se temos carência em determinadas posições, tem que ser pontual!

Não tenho dúvidas, de que se juntarmos o que pagamos por Kieza, salário de Ytalo, Gilberto, Kelvin, Robson, Neilton, W. Nem era possível contratar um ótimo atacante!

É hora de entendermos que jogadores que fazem pré-temporada em outro clube, chegam aqui “voando” e em pouco tempo conquistam a torcida como Buffarini, Cueva, Maicon e Pratto!

Mas, é só fazer uma pré-temporada no clube, que eles caem drasticamente de rendimento!  Estão chegando atrasado em dividida, não conseguem ganhar na corrida, cansam no segundo tempo!

Então é preciso analisar quais os jogadores estão em má fase por conta disso, e por isso caíram de rendimento, e quais os que realmente não servem mais ao clube.

Pois é importante lembrar, que Osório e Bauza, trouxeram com eles, preparadores físicos, e nessa época, muitos contestados corriam muito!

Pelo discurso de Pinotti, que caso saiba que o clube tem dinheiro, vai querer que paguem pelo menos uma parte do dinheiro por ele emprestado, acredito em mudança!

E essa mudança pode acontecer com jogadores que estão com contrato vencendo e que tem DNA tricolor:  Miranda e Lucas Piazon!

Que vendam Douglas, e somando o salário de Breno, Douglas e Lyanco, pague luvas e bom salário para Miranda!

Com a saída de Neilton, que tentem devolver o W. Nem (R$500K de salário, para um jogador com histórico de lesões nos últimos dois clubes que passou nos últimos 4 anos), e com esse dinheiro que ofereçam luvas e um bom salário para Piazon (23 anos, e ainda considerado por revistas da Europa como um das 50 maiores promessas do futebol mundial).

É hora de parar com o ciclo vicioso, que é vender promessas, para pagar dívidas, pegar jogadores com empréstimos de 1 ano ou 6 meses “gratuitos”, que no ano ou semestre seguinte, não ficam, e temos que pegar outros emprestados, e o time nunca tem uma base com 6, 7 jogadores para começar o ano!

Ernani Takahashi

Anúncios

98 comentários

    • Eu tbm tenho essa impressão! O Palmeiras é diferente do Corinthians do “Cover do Tite” e do Cruzeiro de Mano, ou do Defensa Y Justica.

      É um time que quer propor o jogo!

      Se tivermos atentos a bola parada com Mina, acredito que possamos matar o jogo em contra-ataque com Luiz Araújo!

      E com ele jogando aberto pela direita!

      Curtido por 2 pessoas

  1. Até 2020 já sabemos que o esquema vai ser este.
    Se algum “emprestado” agradar a diretoria vai deixar para tentar comprar na última hora, ai todos ja sabem..
    Sem contar que tem jogador que quando renova cai de produção também, não sei o que acontece.

    Curtir

  2. Acho que jogadores como Morato e Marcinho são baratos e tiveram tempo pra ser analisados no paulista a ponto de serem contratados pra compor elenco (impossivel o elenco inteiro ser formado de Prattos e Jucileis) ou numa dessas até surpreender e virar titular (a primeira partida do Morato deixou uma impressão excelente). É diferente das péssimas contratações do Ytalo, Jean Carlos e Robson que foram feitas as pressas sem analise alguma. E essas ultimas eu sou contra.

    Concordo sobre o uso da base, o Fluminense tá indo bem no ano e seus principais jogadores são da base. E tambem sobre a devolução do W. Nem. Até esse cara recuperar a forma física.. mesmo que ele volte bem (coisa que nao aconteceu na ultima lesao), o tempo que ele vai jogar e ajudar vai ser muito pequeno pra justificar o investimento e nao teriamos como manter o jogador ano que vem. Tenta devolver e poe o Natel e o Caique pra jogar. Eu realmente acredito que o Natel tenha o potencial pra entrar jogando bem que nem o David Neres.Talvez nao no mesmo nivel, mas bem tambem.

    Curtir

    • A base do flu e do Fla foram bem na selecao da sulamericana de base, alem do Neres, Lucas e Lyanco.
      O Richarlison jogou muita bola.
      Cara que joga bem em selecoes de base constantemente tem base para jogar em time no adulto.

      Curtir

      • É verdade! A falta de paciência com nossa base x paciência com jogadores de times pequenos, que é difícil compreender!

        Ou tem algo muito errado na base, que jogadores que fazem 25 partidas profissionais, sendo 13 pelo Remo e 10 pelo São Bernardo merecem mais chances que a base!

        Curtir

    • Concordo Hugo,

      Ytalo foi vice-campeão do Paulista do ano passado! Teve um campeonato inteiro p ser observado tbm.

      Jean Carlos jogou o Paulista do ano passado, pelo São Bernardo, mesmo time de Marcinho que caiu esse ano para segunda divisão.

      Enfim, respeito sua opinião! Mas, preferia q não vendessem Neres, que mantivesse Kelvin (que não foi para Europa, China, Arábia, foi pro Vasco) titular boa parte do ano passado, desse chances para Caíque, do que apostar em Marcinho, que tem até hoje, 25 partidas profissionais (13 no Remo e 10 no São Bernardo), e 1 gol marcado!

      Curtir

      • Sim. Mas eu tenho a impressao de que o Ytalo nao foi observado. Tanto que demorou pra ele ser contratado ao contrario do Camacho e do Tche Tche. Foi meio que “precisamos de alguem. Vamo buscar alguem do audax q nem o Palmeiras e o Corinthians” como se todo jogador do audax tivesse ido bem no paulista. E o msm com Robson e Jean Carlos. “Precisamos de alguem, vamo atras de alguem q estejam faland bem na serie B”. Duvido q tenham passado pela comissao tecnica ao contrario de Marcinho e Morato. Acho q o David neres foi uma boa venda e o Kelvin muito fraco.

        Mas eu concordo com vc, se temos W. Nem, LA, Leo Natel e Caique, tinha que trazer só quem realmente foi destaque. Eu acho que o Morato foi bem no paulista, poderia vir pq tbm nao sabemos o rendimento dos moleques. O Marcinho nao foi nada demais. E o mesmo vale pro Edimar. E isso é algo q eu critico muito no trabalho do Rogerio. Militao, Shaylon, Natel, caique ja eram pra estar testados no final do paulista…

        Curtir

  3. O texto foi ótimo Ernani, mas você esqueceu de citar a preparação física do time que é uma lástima e isso também atrapalha demais!!

    Curtir

    • Lucas Piazon, em 5 anos de carreira, fez 121 partidas, jogando na Espanha, Holanda, Alemanha e Inglaterra!

      Por exemplo, W Nem, em 3,5 de Europa jogou 50 partidas!

      Douglas, que veio da Europa, jogou em toda a sua carreira, 180 partidas aproximadamente (ele tem 27 anos).

      Marcinho tem 23 partidas (13 pelo Remo e 10 pelo São Bernardo).

      Enfim, Lucas Piazon participou de todas as seleções de base!

      Foi formado no São Paulo! Tem identidade!

      Curtido por 1 pessoa

      • Perguntei isso porque parece que o Piazon não se firma pelos clubes que passa. Ou seja, não empolga.
        W.Nem se fosse analisar o histórico não era para estar aqui mesmo. Tenho um amigo torcedor do fluminense que já me alertava que ele se machucava muito.
        Valeu!

        Curtir

        • Importante é que Piazon, jogou frequentemente em todos os clubes que passou, e ganhou experiência JOGANDO na Espanha (jogando com Isco, Julio Baptista e Lugano), JOGANDO na Alemanha no Frankfurt, JOGANDO na HOLANDA no Vitesse, e na Inglaterra no Reading e Fullham.

          Acho que é um currículo melhor que de Thomaz, Jean Carlos, Neilton, W. Nem, etc. etc. etc.

          Curtir

  4. Bom dia, tai um texto em que concordo 100%. Os jogadores que vem de outros clubes encontram dois problemas gravíssimos pra render aqui. A preparação física e a falta de cobranca, daí por mais que o cara seja bom a medio prazo o resultado a gente já conhece. Por isso não me iludo muito com “reforcos” pois a gente conhece o filme, parece o Chavez, começa bem a gente de empolga e daqui uns três meses estamos querendo trocar de novo. Complicado resolver esse problema pois é na estrutura do clube e pra mexer nisso tem que mexer nas feridas e Leco tem pinta de ser politiqueiro quer ficar bem com todo mundo lá dentro e ai…… só o acaso mesmo. Parece que se o jogador “jogar bem aqui” é um favor que está fazendo, pois “outros recebiam e não jogavam nada” aliás boa parte da torcida pensa assim. O SPFC precisa de profissionalismo, gente competente em cada área e com experiencia, e cobrança por resultados como toda empresa “seria” tem. Mas isso é apenas um sonho em curto espaço de tempo.

    Curtido por 2 pessoas

  5. Prezado Ernani!
    Mais um texto interessantíssimo para ler e debater!
    Suas análises continuam sendo normalmente precisas, ainda que
    possa haver opiniões parcialmente ou totalmente contrárias, o que é normal.
    Mas, eu no caso, estou sempre aprendendo e quase sempre concordando com suas análises…
    Rsss

    Sds tricolores!!

    Curtido por 1 pessoa

  6. Sobre o post anterior:
    ————————————————————————————————————————————-
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Essa história do Paulistão 90 ainda rende… Até os palmeirenses jornalistas PVC e Mauro Beting
    afirmaram em várias ocasiões em programas esportivos que o SP não caiu aquele ano!

    Queria apenas incluir no brilhante texto:
    – Telê realmente não era técnico na oportunidade pois chegou em Agosto, já durante o Brasileirão.
    Aliás, que eu me lembre, o Forlan chegou no meio da Copa do Brasil (ficou uns 2 meses treinando
    a equipe), logo após o estadual (ou no final dele), pois o técnico que iniciou no Paulista era outro, e
    não me lembro agora quem era exatamente…

    – Além do parágrafo sobre “não rebaixamento no campeonato de 90” (que de certa forma, por si só,
    já encerra a questão), havia algumas aberrações naquele torneio da FPF do Eduardo Farah:
    1o. Como “rebaixar” 10 equipes (sendo que o SP era a ,melhor pontuação entre elas) a um grupo 2
    e impedir deles disputarem as fases finais do torneio do ano seguinte??? Um absurdo completo!!!
    2o Como promover 4 equipes da 2a divisão para se juntar a essas 10 da 1a divisão e essas 4 equipes promovidas continuarem… na 2a divisão!?!?!?!?!?! Pode isso, Arnaldo???
    Kkkkkkkkkkkkkkkkk
    3o Como definir antecipadamente o regulamento do torneio da temporada seguinte, sendo que essa
    definição normalmente ocorria sempre no início do ano, onde as equipes que disputariam a divisão
    em questão se reuniam no Conselho Arbitral para definir o formato da disputa???
    4o E sendo o Conselho Arbitral o momento de se definir a fórmula de disputa entre os participantes,
    porque então houve 28 participantes na referida reunião, e não somente os 14 de melhor campanha
    em 90?

    Teria pelo menos mais uma meia dúzia de incongruências acerca daquela disputa de 90, mas paro
    por aqui. Aquele Paulista de 90 foi um monstrinho criado pelo Farah, onde conseguiu a proeza de criar
    uma espécie de subdivisão dentro da própria divisão principal…
    Ou seja, uma invenção sem pé nem cabeça…

    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Abs e sds a todos tricolores.
    E amanhã (Hoje), prá cima das Peppas!
    (Mas, por favor, com inteligência, Ok Rogério?)

    Curtir

  7. Quando você trabalha em um lugar que passa por dificuldades financeiras mas vc vê a diretoria trabalhando forte, com planejamento e te incluindo nesse projeto, você se doa pro lugar e tem estimulo pra trabalhar. Você sabe que hoje é um passo pra trás mas o projeto é bem feito pra 5 passos a frente em um futuro próximo. Futuro que você ajuda a construir.

    No SPFC não há credibilidade, não há planejamento, não há transparência e não há inclusão. Jogador chega na Barra Funda, coloca suas coisas no armario, vai pro campo, e já se adapta ao que vê ali: um grupo sem rumo algum, sem perspectiva e sem saber onde quer chegar. E se perder mais um mata-mata?? Ah ta ok! Afinal meu treinador disse que os outros também perderam, então pq eu vou me abalar? Bola pra frente.

    Agora imagina isso se repetindo ano pós ano, abastecendo a Barra Funda de jogadores descompromissados, papeleiros, com presidente banana ou corrupto que não dá as caras nos momentos difíceis ou então que aparece pra fazer deboche. O SPFC hoje passa uma péssima imagem pra qualquer um. Um clube politicamente caótico, sem projeto, sem planejamento e sem identidade.

    Qual a nossa identidade? Não somos o time do mata-mata, não somos time dos pontos corridos, não somos clube forte internacionalmente e mal conseguimos algo da federação paulista. Não somos time de guerreiros e nem de bananas. Qual a nossa identidade, afinal? Se o presidente tem uma pauta, o tópico “projeto futebol SPFC” tá lá embaixo. Bem depois do “pagar tudo o que prometi pra quem votou em mim”.

    Curtir

    • Belo comentário!

      Não temos identidade! Pois não temos uma base montada! O time quando começa a entrosar, perde jogadores!

      Veja o Altético-MG, Gremio, Santos, Palmeiras e perceba quantos jogadores estavam no time em 2015!

      Curtir

    • Eu defino o SPFC “atual” como uma empresa com “objetivo” de vender jogares, fabricar e vender jogadores, algo apenas comercial. Quanto a competitividade, esporte, se vai dar resultados no campo, bom………….. isso é um mero detalhe, se ganhar algo será um bonus. Perdeu a vergonha na cara de perder, não existe mais ambicao, tudo é explicavel. Enfim é um bote no meio do oceano levado pra onde for a maré e esperando por milagre de esperar algum salvador. Hoje se perder pras pepas é capaz do Ceni falar pós jogo ” não fui o único a perder pras pepas até Tele em mil e novessentas e bolinhas perdeu” e assim caminha o clube…..

      Curtir

  8. Brilhante.
    Foi cirúrgico como sempre Ernani

    Concordo sobre o preparo físico. Buffarini chegou com status de craque e agora é contestado. Cortez chegou como jogador de seleção, foi dispensado e agora está sendo bem aproveitado no Grêmio.

    Curtido por 2 pessoas

  9. O São Paulo FC não é mais São Paulo FC.
    E não sei se voltará a ser.
    São erros dentro e fora dos campos, em todas os níveis. E parece que quanto mais erramos, menos aprendemos.
    O Sao Paulo se perdeu num labirinto.

    Curtir

  10. Bom dia galera blza?

    O impressionante é que todo jogador que sai do SPFC volta a jogar bem, sempre assim…. Arouca por aqui não jogava nada, chegou no Santos foi campeão da L.A, Copa do Brasil e etc e jogando um bolão…Cortez hoje no grêmio voltou aos seus tempos de Botafogo e começou a jogar bola novamente, parece que o SPFC é um cemitério , jogador chega aqui e perde suas características, não sabe mais jogar bola.

    Fora essa preparação FÍSICA ridícula do SPFC, nossa mano até os caras do amador aqui da cidade são melhores que esse preparador que hoje está no SPFC, todo jogo jogador sai sentindo algo ou então fica dias e dias para se recuperar de uma lesão que outro jogador adversário se recuperou e já esta jogando… Rogério que desculpe, mas tem que despachar esse Mario Campeiz de lá, péssimo profissional.

    Parabéns Airnani, penso da mesma forma!!!

    Curtido por 1 pessoa

      • SPFC virou balcao de negocio…. esse ano pelo menos eu acho que acertamos em apostar : MARCINHO E MORATO, são boas surpresas, jogaram bem quando foram exigidos,mostraram garra e bom futebol , Morato infelizmente machucou , que em minha opinião, seria titular desse time em pouco tempo, parece aqueles jogadores ariscos, são objetivos não enfeitam tanto só que são eficientes e ajudam o time como podem?… ele ia cair nas graças da torcida rapidinho, infelizmente se machuca e perdemos um atleta promissor, espero que o SPFC prorrogue o contrato dele para que ele mostre o futebol dele.

        Curtir

        • rafa, é um acerto depois do desmanche feito só na Era Leco: Pato, LF09, Calleri, Kardec, Rogério, Centurion, Neres, Kelvin, etc!

          Aí competindo com Neilton e W. Nem que só machuca, a impressão que eles foram bem!

          Mas, compare Morato com Kelvin (N o acho um craque, mas tinha se entrosado)

          Compare Marcinho com Pato!

          A diferença é enorme.

          Sem falar em dinheiro! Falando de futebol, que na verdade é a única coisa que nos importa!

          Curtir

  11. Tive um pesadelo onde jogávamos em casa, não lembro o time que estávamos enfrentando, mas o resultado nos rebaixou, perdemos de 3 x 2 … Espero que não seja o placar de hoje ( contra nós claro) e nem uma coisa meio médium kkk… acordei assustado pacas srsrsrsr

    Curtir

  12. Claro que a incompetência geral grassa o Morumbi como uma epidemia, de Juvenal prá cá é cada vez mais visível o descompromisso, o “empurrar com a barriga” do Dpto. De Futebol em contraste com os discursos otimistas dos diretivos. Esse círculo vicioso, um dos que insistem em disfarçar, mais do que exemplo é sinal de conveniência: é lucrativo, interessa a muitos. Virou balcão de negócios. Leco, o imprestável, apenas perpetua o modus operandi, nisso mostra algum sinal de vivacidade. Títulos? Prá quê? O objetivo está sendo conseguido muito bem… prá eles.

    Curtido por 1 pessoa

    • Quando vc contrata um diretor executivo, cuja meta esta atrelada ao lucro na equação Preço de venda – preço de compra, e quando eu criticava isso, pois bonus tinha que ser por títulos, diziam que eu pegava no pé do filho do Sócrates.

      É claro a todos, que importante é venda de jogador! E tem gente que comemorou a venda de Neres, Lyanco, quase foram na Paulista comemorar!

      Curtir

  13. Concordo com parte do escrito: preparação física deficiente (péssima) e contratações ruins.

    Não concordo com alguns trechos, especialmente do critério de contratação estabelecido: “As contratações que dão certo, são de jogadores que passaram por seleção, que ficaram mais de 2 ou 3 temporadas no mesmo time e como titular”.

    Nessa lógica: Lúcio, Michel Bastos e Wesley eram para ser destaques aqui. E jamais contrataria nos Josué, mineiro, Danilo, Cicinho, grafite…. Se formos mais distante chegaríamos a Rai etc…

    Toda contratação é um risco. Envolve perfil de jogador e esquema tático adotado, envolve ambiente no clube, postura profissional do atleta (Ronaldinho Gaúcho for excelente no Atlético e um fiasco no Flamengo e no Fluminense) e outros fatores.

    Curtir

    • Concordo. Se for para arriscar, que pelo menos seja com jogadores que não custem caro ao clube. Marcinho e Morato são duas apostas. O 1o não empolgou, mas o Morato deixou boa impressão e tinha tudo para crescer caso não se machucasse.
      Enfim, tirando os casos que estão na cara que não darão certo, como jogadores com histórico de contusões e outros em fim de carreira e caros, tudo tem seu risco. Mas algum critério para contratar tem que ter. Principalmente se a posição é carente no elenco e as características do jogador atendem ao esquema tático que o treinador quer usar.

      Curtir

  14. É isso mesmo… não jogou nada aqui que jogue lá na onde quiser.
    Somos e seremos o único time que ganhou três brasileiros seguidos… por pura exigência nossa, da torcida.
    Pode ser Messi, Cristiano Ronaldo, até o tal de Neymar, aqui tem que suar sangue pra camisa ficar vermelha.
    O resto é o resto coadjuvantes de nossas glórias… se não estamos ganhando ainda é porque não queremos ganhar… esse é o meu pensamento. KKKKKKKKKKK!
    Samapashow, 7(sete) a 0(zero) hoje, TRI DU MUNDO!

    Curtir

    • Eu penso diferente, e conheço torcedores que pensam diferente! Quando lembro do passado, lembro de ídolos. Em 85, 86, lembro de Muller, Careca, Pita, Dario Pereyra, quando penso em 92 e 93, vem Raí, Leonardo, Zetti, em 2005, Rogério Ceni, Mineiro Josué e Lugano!

      Enfim, cada um tem o direito de ter uma opinião!

      Curtir

  15. O início de ano foi promissor, porém foi contra times de menor expressão. Só que se fosse mantido o mesmo padrão tático e tivessem consertado a zaga, estaríamos melhores hoje.

    Acho que o RC ouviu muito a imprensinha e os jogadores não abraçaram a ideia, no mais, colocar Pinotti de diretor de futebol, vai arrasar uma terra já devastada.

    Curtir

  16. Airnani, muito bom o texto! Vejo da seguinte forma, o problema não são os jogadores e nem os técnicos, mas sim os últimos presidentes e diretoria. Imagina um jogador chegando no clube e vendo a zona que é o clube, jogador chega e sai em 6 meses, técnico chega e sai em 6 meses, presidente que só fala bobagem, apenas para exemplificar. Uma bagunça!

    Curtir

    • Exato! Só nessa gestão, demitiram 2 CEOs, trocaram o vice presidente de futebol (Ataíde por Medicis), trocaram diretores de Futebol (Rubens Moreno, Luiz Cunha, GVO, MAC, Jacobson), demitiram gerente de futebol Chimello, 6 técnicos, e o vice presidente Natel saiu pois queria concorrer com Leco nas eleições, caso não tivesse oposição!

      Muda tudo! O único que fica, é protegido pela imprensa e por alguns torcedores.

      Como sempre digo, critique jogadores e técnicos e ganhará várias curtidas.

      Critique Leco, e ganhará inimigos e ofensas!

      Curtir

  17. Pessoal, o que o Cosme Rimoli tem contra o SPFC? Olha o último post do cara. Basicamente, TODOS posts relativos ao São Paulo são de críticas. E basicamente, TODOS posts do Palmeiras são de elogios ou tem algo que deixam os porcos em evidência.
    Cara ordinário. Tem algo que possa ser feito?

    Curtir

  18. O texto é muito bom, porém acho muito bla, bla, bla. Não temos uma equipe excepcional, porém podemos montar um time razoável.
    Na realidade não temos presidente, diretoria e técnico de futebol. Como não podemos destituir a presidência pois esses velhos craquentos que votam preferem a vaidade aos títulos vamos rastejar no mínimo até 2020.
    Porém poderíamos ter um tecnico competente e experiente, porém vamos amargar até o perigo eminente da segundona.
    Hoje será mais uma vergonha para o time, vamos perder do Palmeiras dentro de nossa casa, mas queridos tricolores vcs podem ter certeza que teremos 89.25% de posse de bola, mais chutes a gol, bla, bla, bla……..
    E esse será nosso futuro se algo não for feito já.

    Curtir

    • Desculpe se achou muito blá blá blá! Procuro embasar o que escrevo!

      No twitter sou mais direto, pois não posso escrever muito!

      A grande questão é que não me contento com um time razoável! E a torcida de um tri-campeão do mundo, não pode se acostumar com isso, e achar que exigir um time à altura seja bla bla bla!

      Curtir

  19. Minhas esperanças estão todas lançadas à Pinotti. Tomara que este rapaz mostre sua verdadeira identidade como diretor e torcedor de “verdade” do SPFC. Tomara que ele não seja apenas um “Dom quixote” nos bastidores. Quem sabe ele faça jus ao sobrenome e lance alguns “pinotes” rumo as várias pessoas que só querem o mal para o clube e assuma de vez o comando da entidade.

    Uma observação polêmica, se Raí conseguir ficar mais de 3 meses em seu cargo, algo de novo pode estar sendo costurado ou ele pode estar sendo contaminado pelo restante do grupo?? É só uma preocupação e não uma constatação que acho que quem pode nos dar uma resposta, só mesmo o Zanquetta, sendo que para mim, o único “cara” que ainda mostra um resquício de vontade para com o clube é o Raí, ou estou enganado???

    Curtir

  20. Os meninos da base só tem valor pra torcida quando são vendidos. Ai dizem:”só valem isso, diretoria incompetente”; quando entram a torcida queima logo, nosso torcedor não tem paciência infelizmente essa é uma triste realidade.

    Curtir

  21. Clássicos são decididos nos detalhes e nem sempre o que está mais forte naquele momento vence.

    Dedicação, emocional, garra e aplicação podem vencer uma partida.

    O que pesa contra é o preparo físico e algumas invenções do treinador, que pode sim aproveitar bastante o que ele tem em mãos.

    2 X 0 pra nós.

    Curtido por 1 pessoa

  22. Certa vez vi o JJ falar que as curicas, após a vinda do Ronaldo e o cara de areia mijada, tinham se transformado no SPFC. Até o próprio andres falou que todo bom modelo tem que ser copiado…
    O que faltou o JJ dizer é que desde o golpe no antigo estatuto tínhamos nos transformado no que a escória era no passado, no que diz respeito a gestão (refletindo diretamente no campo).

    Acredito que títulos, no momento, só vai “tapar o sol com peneira”.
    Outra. Os travecas se acostumaram a ganhar competições com ajuda obscura. Já nós, graças ao bom Pai, os título vieram em momentos em que o time estava na vanguarda.
    Então, eu prefiro ver meu time sendo modelo de gestão do que ser campeão com essa bagunça que vivemos hoje.

    Continuo tendo orgulho de ser sãopaulino, mas triste por tudo o que vem acontecendo.

    Curtido por 1 pessoa

  23. Ernani , geralmente gosto de suas análises mas acho que nessa você se esqueceu de falar que times que estão sempre lá em cima invariavelmente tem mantido constante a sua proposta de jogo .
    Não ter nessa temporada 6 ou 7 jogadores da temporada anterior é importante , como também é importante ter uma boa preparação física .
    A proposta de jogo do São Paulo tem mudado a cada troca de treinador desde 2009 e teve seus melhores momentos com Bauza e Murici , um foi semifinalista da Libertadores e o outro vice campeão do Brasileiro 2014 .
    Coincidência ou não , os 2 tinham muito claramente para si e seus comandados sua proposta de jogo que , bonita ou feia , com vitória ou derrota , era sempre a mesma , privilegiando o sistema defensivo .
    Osório foi o que mais conseguiu fazer o time jogar bonito e ofensivamente só que isso aconteceu em pouquíssimas partidas que foram alternadas por desempenhos sofríveis com direito a algumas goleadas de até 4 a 0 .
    Rogério ainda não consegui perceber o que ele pretende .
    Tem discurso ofensivo e tentou fazer o time jogar assim mas o que conseguiu foi um time desequilibrado , se ataca muito não consegue se defender , se reforça a defesa não consegue fazer gols lá na frente .
    Parece que nem ele percebeu que seu melhor desempenho na temporada foi quando deixou o Santos pensar que dominava o jogo e matou o jogo no contra ataque .
    Esse jeito de jogar é que eu gostaria de ter visto mais vezes até agora .

    Curtir

    • Sim! Realmente abordar todos os problemas, o texto ficaria muito longo…rsrsrs…

      Mas, isso faz parte tbm! Leco não tem padrão nem nas escolhas de Vice, vice de futebol, se quer CEO, se naõ quer, 5 diretores de futebol, 6 técnicos isso de final de 2015 até agora!

      Parece que foi uma década, mas ele mudou tudo, e agora não sabem como recomeçar!

      Curtir

  24. Análise perfeita , no são paulo não existe um critério logico de avaliação , estamos em um barco a deriva sem saber onde pode chegar , com a esperança que a situação mude e alguém assuma o controle , vi uma matéria esses dias que a diretoria tinha ficado tranquila com a vitoria sobre o avai , avaliaram que nosso time é pra brigar com cruzeiro e fluminense e gremio , se pensar em elenco até que pode mais pelo trabalho feito ,pelo futebol apresentado estamos em nível inferior , outra coisa que ouvi era que o trabalho do Rogerio era melhor pelo aproveitamento de pontos , mais se esquecem que é contra adversários fracos , em termos de futebol apresentado o trabalho do Bauza foi muito mais consistente e jogando futebol foi o ponto alto , disputou um campeonato paulista com times melhores que o desse ano e foi eliminado por um time jogando muita bola o audax, e na libertadores o campeonato mais dificil de se jogar chegou na semi final , esse ano o Rogerio no paulista perdemos pro timeco do gambas e não passamos da primeira fase da sulamericana com times bem inferiores , tenho certeza que se o Bauza não saísse depois das vendas de jogadores no meio do ano, acertaria o time mais rápido do que Ricardo Gomes . se não houver mudança , gestão com critérios e avaliação correta continuaremos a deriva .

    Curtir

  25. Mas o texto revela o que se passou literalmente nos dois ultimos anos no SPFC. É um entra e sai de jogador que não permitirá nunca que se forme realmente uma equipe entrosada. Texto correto e muito bom.

    Curtir

  26. Essa é a junção das diretorias desde Juvenal Juvêncio: incompetência + corrupção! Está decretado a desgraça do SPFC e do Brasil! É muito claro! O Lula implantou o Projeto Criminoso de Poder e ficaram por 14 anos no poder e destruíram o Brasil e o juvenal juvencio fez a mesma coisa com o SPFC.
    O “parmera” que era o campeão da Série B e hoje consegue nos humilhar! As gayvotas vem aqui no Morumbi e fazem a festa aqui na nossa casa! Esses corruptos e incomeptentes deveriam ser todos presos!!!

    Curtir

  27. Sinceramente, acho que Miranda seria (realmente) um sonho. Na minha visão, ultimo grande zagueiro tricolor*, seria realmente um alento vê-lo de novo com nosso manto.

    * Rodrigo Caio, é um bom zagueiro, nada mais. Não pode ser comparado a gigantes como Miranda, Ricardo Rocha, Oscar, Dario etc.

    Curtir

  28. Uma coisa sempre me passa pela cabeça. o SPFC sempre foi o clube da elite, então como é possível não termos dirigentes de alto nível para comandar o clube? Como é possível uma cara tosco, como juvenal ter sido presidente do SPFC? Como é possível uma pessoa desprovida de personalidade, como leco, comandar um clube gigantesco como o SPFC? Será que não temos homens no corpo consultivo mais preparados do que essas figura spatéticas? Por que um homem de grande caráter e saber jurídico, como Ives Gandra , nunca se interessou ou conseguiu ser presidente do SPFC? E teno certeza de que entre os missivistas que aqui escrevem há pessoas muito mais preparadas do que leco para presidirem o SPFC, mas não detém o opoder, retido nas mãos de um conselho arcaico. O SPFC precisa ser repensado, as mudanças no estatuto foram claramente para inglês ver, em nada resultaram. A continuar no atual patamar tende apenas a ser coadjuvante nas competições, como tem sido nestes últimos anos. Mas, quem terá coragem ou poder de reformatar esse gigante? Confio que ainda exista vida inteligente no Conselho do SPFC e que alguém possa iniciar essas reformas de que tanto o clube necessita.

    Curtir

  29. Concordo… Para mim, o maior problema é q time tá sempre em renovação. Será q não seria melhor ter mantido o Mena ao invés de contratar Edimar? Tbem acho o Kelvin mais interessante q o Neilton… Mas enfim, muda elenco, muda técnico e estamos sempre partindo da estaca 0.

    Curtir

    • Kelvin melhor que neitlon umas duzentas vezes. Seria bom ter ele hoje, gostava de entortar e dar chapéu em um senhor de idade q vai jogar hoje contra a gente kkkk. Como faz falta o drible pra desmontar uma defesa,infelizmente o SPFC hoje não tem esse cara. Luiz Araújo tem muita velocidade, mas não é um grande driblador. A esperança é o cueva, espero que volte a boa fase hoje. Só falta as porcas pra ele destruir em um jogo.

      Belo texto Airnani, expõe bem o que aconteceu nesse um ano e meio. Alio tudo isso que disse a falta de um esquema que perdure, coisa que o Ceni não consegue fazer nem de um jogo pra outro.. sempre dando um jeito de inventar alguma coisa estranha.. imagina de um ano pra outro.E é claro que a falta de uma base de jogadores pra esse esquema continuar é importantíssimo.. assim como vc citou no texto. Acredito que o projeto desse ano começou um pouco melhor que o do ano passado, que se fosse um técnico com experiência, estaria fazendo um trabalho muito melhor.. essa é a minha opinião apenas. É claro q isso não muda a falta de planejamento para o ano que vem.. só ver o tanto de empréstimos que acaba no fim do ano.. assim nunca teremos essa base sólida q foi o diferencial dos times que ganharam grandes títulos nos últimos anos.

      Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s