Coincidência, Fatalidade ou Incompetência: Preparação Física do São Paulo

Ultra criticado e com um desempenho amadorístico para não dizer cômico, o Departamento de Preparação  Física do São Paulo hoje é uma das maiores vergonhas do clube.

Representa o declínio do clube que era vanguardista dos títulos há uma década.

Hoje, representados por uma conduta pífia na gestão do futebol, os números não mentem. E não é à toa que os resultados se refletem em campo.

Se até mesmo Leco sob pressão ameaçou trocar a comissão técnica, por que agora recuou?

Veja os números de 2016 de  todos os clubes levantado pelo GE e como tivemos o TRIPLO de problemas que o Flamengo, por exemplo e como já estamos em 2017:

Há quem possa discordar ou querer achar explicações mas o fracasso é sequencial, evidente e inaceitável.

Eu, por mim me pergunto: É coincidência, fatalidade ou incompetência?

O que me diz, irmão tricolor?

Alexandre Zanquetta

Anúncios

100 comentários

  1. Algo de muito estranho ocorre no SPFC há algum tempo, quantos jogadores saem do clube e arrebentam em outros clubes, não só na parte física, mas tática e até na alegria de dar entrevistas, muitos, basta pesquisar, os jogadores do SPFC não conseguem criar liderança, personalidade e chamar a responsabilidade para si, criar um clima de elenco vencedor, todos criticam o louco do Felipe Melo, discordo com seus exageros, mas o cara impõe respeito, achava que o Maicon nosso zagueiro fosse criar essa liderança, mas desde que o clube o comprou, virou mais um.

    Curtir

    • O problema é que nossa torcida é grande… sim grande. o Gremio possui uma torcida pequena e o R possui um padrão intelectual diferente do resto do pais, aqui – no RS- os torcedores entendem que Maicon é um meia, nao um meia atacante e nem volante, simplesmente um meia. Nos clubes de menor expressao os jovens são apoiados e ninguem pede acabeça de jogador com menos de 20 anos – como lucão… o problema do tricolor é ser grande.

      Curtir

    • O setor de preparação física do São Paulo que já foi modelo hoje é a causa principal do mal desempenho do time.
      Quinta feira, na eliminação da sulamericana, todo o time estava de perna dura, sinal de excesso de exercício físico, com pouco tempo para recuperação. O time morre no segundo tempo, qualquer atacante vence na velocidade os zagueiros dos São Paulo.
      A diretoria e o Rogerio Ceni são cegos – Estão ferrando o elenco, vão trazer mais jogadores e vai dar no mesmo.

      Curtir

  2. Bom, ou a diretoria assume que uma macumba foi feita no morumbi ou então assume sua incompetência por manter preparadores físicos de qualidade discutível no clube.

    O Rogério Ceni falou que os caras são ótimos? Problema do Rogério Ceni. Nessa estrutura toda ele é só mais uma peça. Agora se o presidente é um banana e os conselheiros escolheram ele, não sou eu quem vai ficar esperneando aqui.

    O negócio é só esperar mesmo.

    Curtir

    • Exato, nem to defendendo o Rogério mas acho que ao perguntarem publicamente para o líder do time sobre se ele apoia o trabalho que vem sendo feito em alguma área, é até “obrigação” ele falar que apoia.
      Isso é algo que deve ser tratado internamente.

      Agora se apoia mesmo internamente, o presidente ou o profissional do futebol que tem que reformular a parte da preparação física e o Rogério apenas aceitar pois é só mais um funcionário do clube.

      Não adianta criticar o tecnico pela omissão e sim a parte superior do clube

      Curtido por 2 pessoas

    • Assino embaixo, Fabio!
      E eu disse exatamente a mesma coisa em Post anterior!
      Leco tem que chamar a responsa e resolver a questão!
      Mesmo porque está muito claro quw tem algo errado no clube!
      E o Rogério, como funcionário, tem que acatar!
      E ponto final!

      Curtir

      • Então, vocês defendem uma intervenção da diretoria na comissão técnica, impondo seus integrantes sem aval do treinador???

        Veja, não é uma crítica, mas um questionamento.

        Eu, particularmente, prefiro comissões fixas e que o treinador chegue com direito de escolher um, no máximo dois, auxiliares.

        Mas, foi dado ao Rogério a liberdade de escolher sua comissão. Neste caso:

        1) deve-se passar por cima do treinador (que prefere manter os profissionais)??
        2) adianta mudar a preparação física agora, quando já teve pre-temporada e intertemporal forçada?
        3) as lesões são fruto de defict de preparação, de sobrecarga de trabalhos (treinamentos intensos e jogos ou da combinação das duas coisas?
        4) não seria o caso de rodar mais o elenco e não sobrecarregar jogadores?

        Veja, estou extremamente insatisfeito com a preparação física do time bom desde 2015, o que me preocupe é não haver tempo hábil para uma mudança radical neste momento, possivelmente um melhor aproveitamento do elenco minore os problemas.

        Curtir

        • Alagoano,

          O problema é crônico, se estende desde anos, e coincide mais ou menos quando o JJ
          fez o favor de mandar embora profissionais gabaritados.
          Pode ter sido só uma infeliz coincidência, mas… para mim isso diz algo!
          E diz algo dentro de um contexto muito maior, do qual fazem parte inúmeras decisões e
          ações desastrosas que prejudicaram o time (e à instituição como um todo).

          Antes fosse só isso, mas não é!

          E nesse caso, o Rogério teve a opção de trazer 2 auxiliares técnicos, que foram aceitos
          pela Diretoria dentro na filosofia que ele disse pretender implantar… e só. Os demais são
          contratados fixos do clube, e se a Diretoria entende, dentro de uma análise coerente e
          criteriosa, que essa equipe que é fixa está deixando a desejar, pode sim intervir e mudar
          seus integrantes, independente do que o Ceni ache ou não!
          E, na minha opinião, sim, esses funcionários fixos da área de preparação e fisiologia estão
          deixando a desejar, há tempos!!!

          Por outro lado, Leco vetou o retorno do Milton Cruz (cuja volta foi solicitada pelo Ceni).
          Ora, se a Diretoria nesse sentido se vê com poder de decidir (e o tem) e entende que por
          motivo A, B ou C não é válido ter certo profissional, ela tem o direito sim de agir conforme
          entende ser o melhor para o clube. Aliás, tem também o dever!

          Curtir

        • Zé Mário Campeiz está lá desde 2011. Como preparador físico principal, desde 2013. O acerto com Rogério Ceni foi apenas pela chegada de seus dois auxiliares, Charles Hembert e Michael Beale. Acredito que nem o retorno de Haroldo Lamounier ao time principal (amigo e próximo do RC) tenha sido uma decisão que partiu do próprio treinador. Basta ver o desempenho pífio de Carlos Gallo em 2016 e a proximidade entre Ceni e Lamounier quem qualquer um com a caneta e um pouco de cérebro iria sugerir que seria melhor para o ambiente de trabalho no profissional a volta do preparador do ex-goleiro.

          Até gostaria que Rogério tivesse indicado um preparador físico, mas duvido que ele tivesse algum nome “de confiança”. Todos os preparadores com quem ele trabalhou nos últimos anos foram “homens dos treinadores”, além de Carlinhos Neves e o próprio Campeiz.

          A decisão deveria partir de cima, uma vez que – em tese – já há alguns anos o SPFC tem comissão técnica fixa, cabendo ao treinador – independentemente de quem seja – trazer um número reduzidíssimo (normalmente 2) de auxiliares “próprios”.

          Curtir

  3. Em outras épocas o cara chegava no clube com joelho estourado , em um mês estava recuperado , Luisão , Amoroso , e outros , hoje o cara chega machucado e continua machucado , pra mim o caso do Luis Fabiano , chegou e foi uma demora pra jogar , quando estava no clube vivia machucando , no ano passado fora do clube jogou normalmente . e na questão condicionamento , futebol também é imposição física , não existe futebol moderno sem correr , o Barcelona o real . os caras são técnicos mais correm muito , o Neymar já vi matéria que faz treino a mais fora o que é feito no clube , Zé Roberto Palmeiras , tem uma academia na casa , Cristiano Ronaldo vi matéria , que o Ferdinan , falou que o Cristiano ficava treinando físico a mais fora a rotina de treino que era passado , treino não mata ninguem , só se for feito errado .

    Curtir

    • Mas aqui o Rogério, o Neymar do nordeste, falou pra quem quisesse ouvir que não gosta de correr pra marcar, e ainda tem torcedor que pede a volta dele. O problema é geral no clube, a começar pela torcida.

      Curtir

  4. Apesar de não concordar com a postura do Blog em diversos post, e com parte dos comentários que são alarmistas, quase sempre citando um quase apocalipse. Mas esse post está de parabéns, no jargão popular, matou a cobra e mostrou o pau. Faltou uma análise melhor dos números, e também do atual grupo de profissionais do São Paulo que cuidam dessa parte e se houve alguma mudança do ano passado para esse ano em relação a isso.
    Mas parabéns, por mais post como esses, por mais post estilo PVC e menos post estilo Dr. Osmar.

    Curtir

  5. Vamos ser mais objetivo é se apegar na “coxa” que geralmente é a contusão muscular que deixa o jogador um bom tempo sem jogar e depende muito da preparação física e prevenção.SPFC 34,Travecos 19,Pepas 15 (menos que a metade e foi campeão brasileiro),Santos 11.Isso é uma comparação com nossos rivais.Lembrando que essas contusões na coxa geralmente fica de três semanas a um mês fora e lembrando que hoje falam que existe teste pra ver quem corre risco maior de contusão.Conclusão,a preparação física e fisiológica está uma m…..e isso sem contar os casos desse ano em comparação com nossos rivais….Lecao vai trocar o “sofá” ainda???????

    Curtir

    • O Carlinhos atuou como Coordenador do Departamento de Futebol no ano passado, os preparadores físicos foram das comissões do Aguirre e do Marcelo Oliveira. Acredito que justamente pelos números do ano passado, Neves voltou ao trabalho no campo em vez do Galo se arriscar com outro preparador novamente.

      Curtir

  6. E Ceni querendo diminuir o plantel para 25 jogadores de linha… vai precisar improvisar colocar Sidão e Perri nas laterais, meio, ataque… se bem que penso que essa é a ideia do Ceni: ter que colocar jogador fora de posição pra ter desculpa de seu fracasso/incompetência.

    Curtir

  7. Até o gramado dos campos de Cotia sabem dos problemas físicos, que os responsáveis precisam ser trocados. É tão óbvio, mas tão óbvio, mas tão óbvio que acaba confirmando a teoria de que, hoje, o SPFC não é pensado para ganhar esportivamente. É pensado para gerar troca de elenco, vendas, contratações, e por fim, comissões.Time vai mal, precisa reformular, vender e comprar, e a “mercadoria” circula. Jogadores machucados, precisa contratar com urgência, aparecem as contratações bizarras de jogadores que mal jogam, mais “mercadoria” circulando e pixulecos rolando. Quando dizem que não há planejamento está errado. Há um planejamento, mas não do jeito que precisamos. Se instaurou a República dos Pixulecos no SPFC.

    Curtido por 1 pessoa

  8. Certamente, não é fatalidade. Os períodos mais vitoriosos do clube na história moderna do futebol (1991-1994 e 2005-2008) coincidem com a presença de equipes de preparação física e fisiologia de alto nível. Por outro lado, os piores momentos do Tricolor combinam com os desempenhos pífios de profissionais das duas áreas, como o mostrado hoje pelo blog.
    Passou da hora de a direção do clube ter o diagnóstico exato disso e resolver a situação.

    Curtir

    • Cara nosso ultimo titulo em 2012, quem era o preparador era o Carlos de oliveira carli o Riva, até ele era melhor que esse bosta do campeiz, em 91-94 tinhamos o saudoso Moarcir sant anna, na minha opinião um dos melhores preparadores fisicos da história do futebol. É desses tipos de profissionais que o spfc precisa, caras de nivel seleção eu torraria uma grana mais, pra trazer uma comissão técnica descente, com preparadores, nutricionistas, medicos, fisoteurapeutas e até psicologos de ponta, ao invés de gastar com jogadores como o Wesley por exemplo.

      Curtir

  9. Vendo os números de lesões que o elenco teve ano passado principalmente na coxa. É de se pensar que realmente há incompetência por parte do preparador físico. Muitos falam que devido a intensidade nos treinos aplicados pelo Ceni, estão ocorrendo muitas lesões, o que não é verdade.

    Curtir

  10. Novamente boa materia para analise mais criteriosa de ocorrências. Chama-me atenção os numeros no quesito “coxa”. Se compararmos com nossos rivais daqui do estado, campeões recentemente, nossos dados são absurdamente maiores. Não sou especialista, claro, mas excesso ou prevenção de lesões nesta regiao esta associada diretamente a atuaçao dos profissionais de preparação fisica. Cabe sim explicações da comissao técnica. Espero que algum iluminado faça esta pergunta na próxima coletiva e/ou solicite a presença do responsavel pela preparação na mesma coletiva.

    Curtir

  11. Acho q sao 2 coisas:

    A gde maioria dos participantes do blog a unica coisa q entende de preparacao fisica é q fez supino na academia da esquina na adolescencia e tomou uns shakes de whey.

    Entao sem ser formado em Educacao Fisica / so usando Google nao da para avaliar o trabalho de um profissional

    Outro ponto, se é um problema, o SP vai dar entrevista e dizer publicamente isso? Perguntaram para o Pinotti e ele disse q nao era um problema.

    Mas esperavam oq?

    Q ele dissesse sim sabemos inclusive ja estamos em contato com outros profissionais haha

    Imagina o profissional q trabalha la hoje?

    Entao se tiver algo sobre mudanca sera feito e anunciado na hora q fechar

    Curtir

  12. Tiveram a oportunidade de mudar e Ceni não deixou. Então todos são culpados pelo vexame, e incompetencia.
    É notório que a preparação física do time é deplorável.
    Sinceramente, a incompetência bateu e ficou.
    Quem quer um time bem capacitado precisa de profissionais qualificados. Então deveriam trazer de volta o Carlinhos Neves, ou então trazer o Fábio Mahseredjian e Bruno Mazziott, pro setor de fisioterapia.

    Os kras são caros, mas de longe são os melhores profissionais do País!!

    Curtir

  13. Com essa incompetência da preparação física/fisiológica do SPFC, não dá pra pensar em títulos.
    Lero Leco e Natel só estavam preocupados em se reeleger, o clube está nas mãos de gente incompetente e/ou safados, mas as múmias que apoiaram o traste do Juvenal continuam votando nessa corja.

    Portanto, não há esperanças, quando precisar de elenco,vai naufragar como na semifinal da libertadores do ano passado e esse ano com o Cueva.

    Curtir

  14. Caro irmão Alexandre Silva. VEnho dando murro em ponta de faca há muito tempo, mas não deixarei de escrever meus pequenos textos a respeito do que transformaram o nosso querido clube. Em 2003 estava na presidência o Fernando Casal de Rey que aumentou o número de vitalícios. de 80 para 160.
    Foi a pior coisa que ele poderia ter feito. Hoje esses homens estão com a média de idade de 80 anos e não mudaram a sua mentalidade. Só eles podem escolher o presidente e de acordo com o estatuto obrigatoriamente tem que ser um deles. Por isso tivemos Juvenal Juvêncio, Aidar, Leco e outros velhotes virão para ajudar a enterrar o clube. Lá não há mudanças. Chequei em São Paulo em 1966 quando o Morumbi estava ainda em construção. As caras são as mesmas. Quando um morre vem o filho, o genro, o neto e assim por diante. É como se lá, fosse uma companhia hereditária.
    A solução a meu ver é libertar o clube dessa gente que já provou ser nefasta. Como libertar? Eleição direta para presidente com voto dos sócios torcedores. É mudar para não morrer.

    Curtir

    • Cara, não me interessa como será ou não a eleição, mas que pelo amor de Deus, tirem estes octagenários do comando do clube e passem para pessoas mais novas, com idéias novas e com certeza, com mais capacidade.

      Curtir

  15. Agora vou tocar numa ferida fora do assunto do post.A gente bate no peito e fala que a “Leila” tá mandando nas pepas por colocar dinheiro e tal.Tava vendo a história do Pinoti,ele não é conselheiro e sem experiência no futebol ,empresário de uma empresa de cosméticos, ficou conhecido por emprestar dinheiro pra comprar o Cenrurion.Mas que curriculo e experiência no futebol ele tem pra ser num cargo tão importante como diretor de futebol?????o SPFC virou a casa dos ” benesses” ,estranho.A gente esperneia da Crefisa mas se o Abílio Diniz fosse o ” nosso Paulo Nobre” acho que ninguém reclamaria ,no fundo somos todos iguais e o dinheiro sempre fala mais alto….

    Curtido por 2 pessoas

    • Não precisa ter jogado, ter sido técnico ou ter sido agenciador de jogador para ser diretor de futebol. O torcedor comum entende de futebol , o Pinotti sabe o suficiente para ser diretor de futebol. Ou voce prefere o Adalberto porshe?

      Curtir

  16. O melhor que eu posso fazer é deixar de acompanhar com tanta avidez as coisas do SPFC. Tem muita coisa errada e não posso fazer nada. É melhor me preocupar com as reformas trabalhistas e da Previdência e com a já aprovada terceirização, pois isso sim vai afetar a vida de muitos brasileiros e a nós sãopaulinos. Um dia no futuro o SP voltará a ser o glorioso clube que foi num passado distante e recente, basta saber eleger bons dirigentes; mas isso é uma tarefa para os pretensos sábios,os anciãos conselheiros.

    Curtir

  17. Além de preparadores ruins, tem que mandar benzer o morumbi. O edimar chega e tem estiramento, o Morato chega e rompe o ligamento. O morumbi está podre, é muita falcatrua, roubos, negociatas, mordomias. Muita pilantragem num lugar só. Atrai energias ruins.

    Curtir

      • Não existe isso , Heron. O que existe é uma herança de dívidas, com todos os setores do clube, principalmente o departamento de fisiologia e fisioterapia, literalmente sucateados. Não sei se Leco está à altura de liderar o clube nesta fase da reconstrução, ele me parece uma liderança fraca ( isto não é uma crítica pessoal, nem todos nascemos para liderar). Confio em que o novo modelo de gestão possa suplantar as deficiências de Leco e acelerar a retomada da reconstrução do clube. Mas a resolução do problema da preparação física é o problema mais urgente hoje no SPFC.

        Curtir

  18. Eu gosto do trabalho do Ceni…

    Agora bem que ele poderia explicar esses números aí….

    Ridículo …vergonhoso…..acho que depois dessa matéria a casa caí.

    Curtir

  19. Do post anterior:

    Paulo Scala
    Sem maiores análises precipitadas e sem comparações descabidas, mas a Chapecoense
    após a maior tragédia da história do futebol mundial …, perdeu diretoria, equipe médica,
    comissão técnica e elenco. Contratou 25 jogadores …, remontou toda a sua hierarquia de
    comando e hoje teu um time montado …, básico e eficiente …, sem maiores comparações.
    Nosso problema está longe, muito longe, mas muito longe mesmo do comando técnico do
    time. Ceni é funcionário subordinado à uma estrutura montada e que todos sabemos não
    funcionar em função da desejada eficiência …, ou seja, apesar de toda sua incomparável
    história no clube, impossível achar que o técnico do time irá reconstruir o clube …, e toda
    sua hierarquia.
    Força SPFC que nossa inabalável fé tricolor te acompanha.
    ……………………………………………………………………………………………………………………………
    Pois é, caro Scala!
    A questão é que o buraco é mais embaixo, e alguns ficam atrás de bodes expiatórios.
    A bola da vez é o Ceni na opinião de alguns.
    Fazer o quê, né?

    Sds!!

    Curtido por 1 pessoa

    • Acho o seguinte amigo, o mercado mundial está competitivo, em qualquer área profissional, não acho que o Rogério Ceni seja um bode expiatório, apenas é o treinador de um clube gigante com milhões e milhões de torcedores.
      Acho até que ele está blindado pelas conquistas em sua época de treinador, chegou falando grosso, trouxe auxiliares do exterior, realizou treinamentos que disse ter trazido de fora, indicou jogadores, dispensou outros e encostou outros, tudo isso leva tempo, SIM, porém em 4 meses (2 competições) no futebol onde se envolve milhões e paixão, 4 meses é o suficiente não para se mostrar todo o trabalho e sim um pouco da noção, e até agora ninguém entendeu a convicção de trabalho do Rogério, está se mostrando perdido e o pior, não tem humildade quando erra, vai na entrevista coletiva e afirma estar certo, isso é assustador, pois assumindo nossos erros é que melhoramos na vida e não da forma como ele está conduzindo as coisas.

      Curtir

  20. Coincidência !!

    O Loser Leco é ótimo gestor, fez trabalhos maravilhosos por todos os deptos do clube por onde atuou

    Na real??? O Leco é a cara do fracasso…até o sorriso amarelo dele é duro de aturar

    Curtir

  21. É o reflexo de incompetência diretiva que começou com Juvenal Juvêncio e se perpetuou até hoje, sem perspectiva de resolver. Quando voltaremos a ter um time igual ao passado???

    Curtir

  22. Os dois clubes mais organizados no país hoje possuem diretores de futebol remunerados, que vivem em função do clube e já tem experiência comprovada.
    Nós vamos colocar um milionário, sem experiência alguma na área, apenas por relacionamento?
    Acho que isso explica muito do que é e ainda será o SP por muitos anos… Triste demais e desanimador.

    Curtir

  23. Realmente os números comprovam que há algo de errado, estamos disparados com Club e que mais lesiona jogadores muito triste situação para que sempre esteve anos luz na frente todos outros clubes, precisamos repensar muitas coisas no departamento de futebol!
    Ps: numero de lesões é assustador

    Curtir

  24. Sem querer pautar o blog, mas acredito que a incompetência da preparação física resta comprovada por esta reportagem juntamente com outra que saiu ano passado sobre o número de gols sofridos após os trinta do segundo tempo.

    Unir as duas seria importante para tornar essa conclusão incontestável.

    Curtir

  25. Para meu modo de ver e esperiencia de futebol por muitos anos que acompanho futebol no geral é principalmente o sp fico triste que essas coisas ainda está acontecendo no sp para quem sempre teve um dos melhores departamento físico do Brasil ou do mundo acho muita falta de competência desse departamento físico sp .

    Curtir

  26. https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/lancepress/2017/05/10/lesao-precoce-o-drama-que-dupla-do-sao-paulo-viveu-e-pode-abalar-morato.htm

    coitado do Morato, eu tava gostando dele jogou muito bem contra o Cruzeiro lá em minas, ae vem para um clube amaldiçoado sonhando em jogar num clube grande, mas com uma velharada que comanda o clube com a mente PEQUENA, e vê tudo ruir !!

    Hoje o jogador tem que pensar 2x antes de vim para o SPFC, pq pode ser amaldiçoado e se machucar gravemente

    Curtir

    • Se a proposta for real, algo totalmente possível, não duvidem que a diretoria vai querer vendê-lo. Já ganharam a eleição, já fizeram uma graça quando compraram Lucas Pratto no inicio da temporada, agora é época de vender e contratar jogadores que custam mixaria, isso “se” contratarem.

      Curtir

  27. Sem maiores análises precipitadas e sem comparações descabidas, mas a Chapecoense após a maior tragédia da história do futebol mundial …, perdeu diretoria, equipe médica, comissão técnica e elenco.
    Contratou 25 jogadores …, remontou toda a sua hierarquia de comando e hoje tem um time montado …, básico e eficiente …, sem maiores comparações.

    Nosso problema está longe, muito longe, mas muito longe mesmo do comando técnico do time.

    Ceni é funcionário subordinado à uma estrutura montada e que todos sabemos
    não funcionar em função da desejada eficiência …, ou seja, apesar de toda sua incomparável história no clube, impossível achar que o técnico do time irá reconstruir o clube …, e toda sua hierarquia.

    Força SPFC que nossa inabalável fé
    tricolor te acompanha.

    Curtir

    • A palavra é profissionalismo, simplesmente não existem pessoas competentes ocupando cargos de direção do clube. Um verdadeiro cabide de empregos onde competência fica sempre em segundo plano e a política em primeiro lugar.

      Ao mesmo tempo que a diretoria da carta branca para o Rogério Ceni atuar em vários setores e ele ao que parece gosta da ideia por ter um perfil centralizador, está dando corda para que ele se enforque, pois se na cultura do futebol por si só a culpa recai sobre o técnico, quando este também é responsável por manter em sua comissão profissionais contestados, sua culpa nos insucessos aumenta substancialmente.

      Curtir

  28. Muito grato ao pessoal do blog pelas informações publicadas neste post. Agora está comprovado que não são apenas opiniões e sim fatos verídicos. A pergunta sem resposta é : se é de conhecimento da maioria da nação tricolor, como os responsáveis ignoram o tangível ?? Qual a utilidade dos números, dos gráficos de desempenho?? Pra quê utilizam equipamentos que sofisticados que avaliam vários aspectos de um atleta ??? Qual a finalidade e quem avalia os resultados??

    Curtir

  29. Podem vender esse Maicon, não joga nada, não tem tempo de bola dentro da área, jogador alto e não tira bola de cabeça, e para sair jogando só vira o jogo do lado errado e para sair jogando é de uma lentidão irritante. Jogador supervalorizado pela torcida. Rodrigo Caio jogou do lado do Marquinhos (atual titular da seleção) na olimpiada e foi um monstro. Jogando com companheiro bom joga muito. Maicon é ruim demais.

    Curtir

  30. Tarde, galera!

    Nos comentários gente falando que o Rogério estourou todo mundo… pelamor né? Ele fez rodízio em quase todos os jogos… os que mais jogaram foi Thiago Mendes e o Tavares e eles nem se machucaram…

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s