Exposto? São Paulo é líder em desarmes

Transição defensiva foi apontada como um dos principais defeitos do Tricolor de Rogério Ceni na primeira fase do Estadual. Luiz Araújo, mesmo como atacante, é o melhor ‘ladrão’

Paulo passou a primeira fase do Campeonato Paulista convivendo com críticas ao sistema defensivo. O time do técnico Rogério Ceni foi, por exemplo, taxado de exposto, desprotegido. Mas as estatísticas do Estadual mostram contradição. A equipe que as 16h deste domingo encara o duelo de ida contra o Linense, pelas quartas de final, é a líder em desarmes no torneio.

Os números podem ser explicados pela postura agressiva que Ceni tenta implantar no Tricolor. Pressão na saída de bola do rival e reação imediata ao perder a posse. Tanto é que outra contradição aparece nas estatísticas do quesito. O atleta que mais desarma no elenco é um atacante: Luiz Araújo roubou a bola 28 vezes em dez partidas, o sexto melhor do Paulistão.

Por outro lado, o único zagueiro a aparecer entre os dez jogadores que mais desarmaram no São Paulo é Maicon, o décimo colocado com apenas nove bolas roubadas em seis jogos. O que então faria do Tricolor do Mito um time exposto? A média de desarmes dos meio-campistas da equipe pode explicar.

Se Araújo faz quase três desarmes por partida, o trio de volantes que jogou a maior partida da primeira fase tem desempenho bem abaixo. Thiago Mendes tem média 1,9 por jogo, Cícero de 0,9 e João Schmidt, o mais criticado pela falta de combatividade, 1,8. Para muitos, mora aí a causa dos 20 gols sofridos em 12 duelos, que deram ao São Paulo o posto de segunda pior defesa do Estadual.

Curiosamente, apenas o Linense, rival deste domingo, sofreu mais tentos na primeira fase: 25. Ceni, no entanto, tem valorizado a melhora da defesa nas últimas partidas. Nas oito primeiras, foram 17 gols sofridos. Nas quatro finais, apenas três.

O Tricolor aposta que Jucilei, que deve tomar o lugar de Schmidt como primeiro volante, possa melhorar ainda mais a capacidade de desarmar os rivais. O camisa 25, porém, também tem média baixa até aqui: 1,8 desarme por jogo.

L!

Anúncios

23 comentários

  1. Ser líder de desarme nem de longe significa q o time não está exposto.
    Alias uma estatística dessa era esperada já q o time marca pressão e joga em cima de muita velocidade, portanto devolve a bola pro adversario com muito mais frequência e rapidez, e rouba(va) a bola muito mais rápido. Em um estilo de jogo muito mais dinâmico, como foi o do sp até o clássico com o palmeiras, é esperado q o número de desarmes seja elevado.

    Curtir

    • Concordo foi o estilo de jogo até antes de jogo do Palmeiras , acho que de tanto ser criticado por tomar gols , infelizmente o RC mudou o jeito de jogar contra o Palmeiras e daí pra frente , infelizmente .

      Curtir

  2. Finalmente consegui ver um comentário que faço em quase todo jogo do meu tricolor , desde o ano passado (exceto o Cícero e o Jucilei ) o meio de campo “DEFENSIVO” é o principal problema do time , temos volantes que só marcam com os olhos (marcação tipo cercar galinha) (ainda bem que vamos ter que aguentar o João por pouco tempo) pra mim temos os melhores zagueiros de todos os times do campeonato paulista (prestem atenção na zaga dos galinhas e dos porcos) .

    Curtir

  3. Muito bacana o depoimento do casemiro, a gratidão que ele tem pelo SPFC o reconhecimento por tudo que o clube proporcionou na vida dele o arrependimento pelos erros que comeu, esse muito diferente do Oscar cresceu muito como jogador e como pessoa, todo sucesso pra ele na carreira.

    Curtir

  4. Já foi o tempo em que o SP tinha força na FPF, hoje a arbitragem na dúvida apita contra. Já vi juiz dar falta fora como dentro da grande área contra o Curica e gol de mão contra o SFC lá na Vila, mais gás no vestiário ser investigado e não ter dado em nada. Esses 12 anos de fila tem um nome: Marco Porco Del Nero, antes na FPF e agora na CBF, mas deixou tentáculos.

    Curtir

  5. Um pouco decepcionado com nossa torcida pelos 10 mil ingressos vendidos apenas. Apesar de termos a melhor média, em jogos decisivos a torcida tem se ausentado. Contra o ABC, se a torcida tivesse comparecido em melhor número, talvez o placar tinha sido mais elástico, podendo poupar jogadores no jogo de volta em Natal. Quem sabe o Cueva estaria hoje em campo.
    O mesmo pode acontecer hoje. Se tivermos um placar com diferença mínima de gols, R. CEni deve ir com os titulares no jogo de volta, desgastando os nossos jogadores nessa série.
    A torcida seria fundamental nesse gás a mais para golear.

    Curtir

  6. Jucilei ainda está fora de forma. É infinitamente melhor que JS.
    Acho que temos um time titular mto bom, mas o elenco é fraco. Torcer pro Thomas ser uma boa surpresa e que Shaylon tenha mais minutos em campo. W. Nem até agora não mostrou futebol, e Neilton é uma nulidade. Vamos ver oq nos reserva o mês de abril.

    Hj é dia de meter goleada, 4 X 0 pra ir pra Argentina e fazer pelo menos uns 2 x 0 lá e poupar o time na semana que vem pra pegar o cruzeiro, que é o confronto mais importante do mês.

    Curtido por 1 pessoa

  7. Nenhuma novidade nessa matéria.

    Muitos neste espaço cantavam essa bola faz tempo. Se não servimos para o lugar do Rogério, como alguns gostam de provocar, pelo menos na redação do Lance temos futuro, não?! hehehe.

    -=-=-=-=-
    Na vdd, há uma novidade: não imaginava que fosse o LA o maior ladrão. Só aumenta a importância dele no time. Talvez o mais importante após o Cueva.

    Curtir

  8. Em tese, a marcação alta propicia mais roubadas de bola. Nosso problema é posicionamento defensivo e erros individuais constantes.

    Nosso elenco tem muita qualidade, obviamente que poderia qualificar mais em algumas posições, mas se souber distribuir as peças nos jogos, dá para rodar elenco e evitar contusões.

    Renan – Sidão – Lucas Perri

    Wesley – Bruno – Bufarini
    Maicon – Breno – Lugano
    R. Caio – Douglas – Lucão
    Junior – Edimar – Caique

    Jucilei – Militão – Wellington

    Araújo – W. Nem – Shaylon
    T. Mendes – Araruna – Schmidt
    Cícero – Seijas (?) – Lucas Fernandes
    Cueva – Thomaz – Neilton/Natel

    Pratto – Gilberto – Chàvez

    Curtir

Comente aqui, Tricolor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s