Apesar de ter subido Caíque e do São Paulo ter achado o salário de Cárdenas caro, parece que a diretoria baiana não vê isso como possível entrave.

Os dirigentes continuam esbanjando otimismo no negócio que traria um reforço a eles e ainda livraria um jogador que não é utilizado.

Se dentro do São Paulo o negócio parece ter morrido, no Vitória-BA o cenário é diferente.

Ninguém quis comentar internamente o caso mas será que ainda sai negócio?

Quem será o último jogador inscrito no Paulistão?

Blog do São Paulo