juiz

Nesta noite de quarta-feira , o Tricolor foi a Medellin para o segundo jogo v√°lido pelas Semifinais da Libertadores.

A miss√£o era : fazer 2×0 e levar o jogo aos penais ou qualquer outro placar por dois gols de diferen√ßa caso o Atl. Nacional fizesse seu gol.

Os times entraram em campo assim:

 Atlético Nacional-COL: Armani; Bocanegra, Sánchez, Henríquez e Farid Díaz;Mejía, Pérez, Arias e Torres;
Moreno, Blaco Ibarg√ľen e Borja;T√©cnico: Reinaldo Rueda

S√£o Paulo-BRA:¬†Denis;Bruno, Lugano, Rodrigo Caio e Mena;Jo√£o Schimidt, Wesley, Michel Bastos, Thiago Mendes e Cent√ļrion (Ytalo);¬†Calleri¬†T√©cnico: Edgardo Bauza

Come√ßamos muito bem o jogo. Na press√£o, na ra√ßa e , aos 8 minutos Calleri (“toca no Calleri…”) marcou de cabe√ßa. Mas o time colombiano n√£o sentiu o gol e pressionou. Aos 15’Borja empatou. Falha da nossa defesa. E , de boa, achei que Borja estava impedido. Enfim..

Seguimos no lá e cá. Cada descida dos caras era de lascar. De matar qualquer um do coração. Mas não deixamos por menos e também demos os nossos sustos.

Mas a√≠, aos 46’Hudson √© derrubado na √°rea e o juiz√£o simplesmente n√£o d√° nada. Uma baixaria descarada, de desanimar .

 

Para o¬†segundo tempo o Atl. Nacional veio melhor. Atacou bem mais, foi aguerrido. N√£o precisava mas contou demais com a ajuda do juiz. Tiveram um penal duvidoso marcado, Luganos e Wesley¬†expulsos…

Como disseram Atl. Nacional venceu na bola e nem precisava da ajuda extra dessa arbitragem nojenta que hoje atuou em Medellin.

Do time não tenho nada a reclamar. Caímos em pé, lutamos com o que tínhamos.

Orgulho SPFC!. Vendemos caro essa classificação dos colombianos. Uma pena que quem protagonizou foi a arbitragem.

Que venham dias melhores e jogos em intervenção descarada de juiz. O futebol fica sem graça assim.

 

Bola Cheia

Calleri: Sentirei falta do nosso atacante. Deixa saudades, com certeza.

Denis: N√£o teve culpa no primeiro gol. Fez defesas importantes no segundo tempo. Tem de jogar assim sempre.

Ra√ßa e esp√≠rito de luta: Deu orgulho ver o time em campo hoje. Mesmo com limita√ß√Ķes, honrou nossas cores.

 

Bola Murcha

Juiz: Jogo que arbitragem aparece demais √© porque boa coisa n√£o teve. Hoje foi assim. Errou grotescamente n√£o nos dando um penal leg√≠timo quando Hudson foi derrubado na √°rea. Escandaloso! S√©rio, desanima ver futebol nessas condi√ß√Ķes. Desanima ver o clube se curvar a Conmebol aceitando todas as suas mazelas. Um jogo que tinha tudo para ser sensacional, independente do resultado, tem seu brilho roubado por uma arbitragem suja e comprada.