Complexo, Massa Cr√≠tica e Imprensa. Falar sobre o S√£o Paulo hoje virou bagun√ßa. Todo mundo se acha especialista, quer dar um pitaco e acha que √© expert em futebol, finan√ßas, administra√ß√£o etc. At√© acusa√ß√£o inventam, repetem not√≠cias, n√£o confirmam dados e fazem absurdo e total sensacionalismo com muitas coisas como se ao inv√©s de futebol, o S√£o Paulo fosse parte do mundo de ‚ÄúCaras‚ÄĚ.

At√© a√≠, nenhuma novidade. O que realmente me incomoda √© como os torcedores do S√£o Paulo caem nessa. N√£o √© poss√≠vel que os s√£o-paulinos, com informa√ß√Ķes dispon√≠veis, com todos os recursos para um bom acesso a dados, n√£o o fazem e mais, ao verem o time n√£o estar no topo, entram em colapso nervoso, come√ßam a temer pela fal√™ncia do clube e que o S√£o Paulo acabou perto dos demais. √Č muito complexo de inferioridade. Fruto de imprensa mal intencionada, este complexo enraizado, estima baixa e massa cr√≠tica que ao ser massacrada com as vit√≥rias tricolores nos anos 90 e no quadri√™nio 05-08, quer ver nossa imagem ruir. E n√£o estou dizendo que n√£o ruiu muito j√° mas eles querem sepultar o S√£o Paulo, se divertem com nossos problemas e fazem quest√£o de dar mais luz do que os dos outros.

Exemplos claros. Palmeiras vem de rebaixamentos, vergonhas monstruosas e desastres de gest√£o que s√£o corrigidos unicamente com capital de Nobre em meio √† enorme crise no pa√≠s e com isto, nadam de bra√ßada. Contrataram 26 jogadores em um ano depois de 18 em 2014, est√£o 1 m√≠sero ponto acima de n√≥s que estamos em ‚ÄúPROFUNDA CRISE‚ÄĚ como diz a imprensa e cheios de problemas.

J√° o Corinthians, deve mais que n√≥s em TODAS as esferas: federal, banc√°ria, privada etc. Al√©m de dever mais aos jogadores. E exaltam. O Internacional, elevado at√© os jogos das semis, agora pipoca problemas, jogadores implorando para sair, devendo a metade do Brasil e do mundo pelas contrata√ß√Ķes. Santos id√™ntico. Gr√™mio h√° pouco fez o mesmo. Vasco afirmou a Justi√ßa que corre o risco de fechar as portas como fez o Botafogo. Cruzeiro hoje vive os mesmos problemas. Todos possuem problemas e quem n√£o exp√Ķe muito como o Galo, deve MUITO. Galo √© o maior devedor do Brasil mas o momento em campo, ajuda a ofuscar.

O resumo é um só: TODOS estão com enorme problemas e CORRIGIR é agora. Vai doer, vai sangrar, será difícil mas podemos e acredito que a gestão está focada em mudar, sair do problema.

Cabe a n√≥s agora, parar de dar eco aos jornalistas que s√≥ pregam crises, problemas e sensacionalismo. Al√©m dos gestores, est√° nas nossas m√£os sermos inteligentes e termos este discernimento. Menos copo meio vazio e mais copo meio cheio, mais f√©, mais moedas caindo em p√©…

Modelo de Gest√£o hoje no Brasil. Estamos sim num momento p√©ssimo. Fruto do descaso das gest√Ķes anteriores e de erros da atual. O Flamengo, considerado como modelo de gest√£o e recupera√ß√£o, por meio de Eduardo Bandeira de Mello seu presidente, gerou uma revolu√ß√£o no clube em que estancou gastos, come√ßou a renegociar contratos antigos, parou de contratar grandes jogadores e grandes treinadores, assumiu que trabalharia com pouco e conduz sua administra√ß√£o assim desde 2013 junto com o comit√™ de gest√£o que criou.

Naquele ano, disputou para n√£o cair e ganhou a Copa do Brasil com uma arrancada no final que surpreendeu a todos, caiu na primeira fase da Libertadores e em 2014, disputou para n√£o cair de novo. Em 2015, caiu nas semifinais do Carioca, passou rodadas sequenciais na zona do rebaixamento e ent√£o, resolveram abrir os cofres. Notem que passaram 2 anos sem contratar ningu√©m de nome, n√£o fizeram nada de relevante e somente agora come√ßaram a gastar pois o balde estava entornando. O caminho de se corrigir contas em um clube de futebol que se vive de resultados √© muito t√™nue entre a euforia de sanar d√≠vidas e dos resultados em campo n√£o acontecerem. √Č sempre complicado.

O momento do São Paulo e similaridades. Agora, o São Paulo, notem faz coisas muito similares: está na pauta montar um comitê de gestão, contratou um CEO, um executivo financeiro e vejam: corta gastos, renegocia dívidas, parou de contratar jogadores e passou a usar a base, está trabalhando com pouco e procura reconstruir o clube. Claro que impacta no campo os resultados. Eu não estou concordando e nem gostando das mudanças por alguns pontos que exporei à frente mas quero fechar esse assunto gestão antes.

Ab√≠lio Diniz, o CEO, os planos de recupera√ß√£o e o Feudo de Tr√™s Cores. Alexandre Bourgeois entregou 2 modelos √† Aidar: um que o comit√™ assume o clube com 9 cabe√ßas e somente profissionais tomar√£o decis√Ķes importantes. Aidar apenas presidiria o Comit√™ em quest√£o fora das decis√Ķes do dia a dia. Essa op√ß√£o foi aclamada na reuni√£o do Conselho, diga-se de passagem. A outra, seria o comit√™ com independ√™ncia mas com palavra final de Aidar. √Č evidente que Aidar n√£o quer perder poder. N√£o √† toa, anunciou o que todos j√° sabiam: ficar√° at√© 2020, no que depender dele. Este segundo modelo apesar de agradar Aidar, desagrada seus aliados e os outros vice presidentes que s√£o n√£o remunerados por√©m estatut√°rios e que j√° sem receber gratifica√ß√£o, ainda ficariam sem poderes. Imaginemos n√≥s, ver estes senhores feudais entregando seus reinos assim t√£o facilmente…

Enfim, qualquer um destes passos, seria o primeiro para o clube empresa. Neste modelo, come√ßa a avan√ßar o formato europeu em que profissionais comandam o clube e n√£o senhores que dedicam horas vagas para comandar equipes de porte mundial como √© o S√£o Paulo e ainda acharam que est√£o fazendo favores e que algu√©m os deve algo. N√£o √© √† toa que vemos tanta emp√°fia e arrog√Ęncia nos dirigentes. Ou estou mentindo?

Tudo gira neste pilar principal para mim: conseguirão os senhores de ideias medievais com pensamento mais voltados a si, churrasqueiras, piscinas, reformas de salão de festas, vagas de garagem e loucos por poder no clube, abrirem a cabeça para deixarem de sonhar com poder em prol do clube?

Fator Ab√≠lio Diniz. Uma aula de como cuidar de dinheiro e ser decente com os torcedores Ab√≠lio deu. Ao dizer que n√£o tem que pressionar e insistir que o torcedor d√™ seu dinheiro e sim que a gest√£o fa√ßa bem seu trabalho, seja transparente e cumpra com aquilo que se prop√īs e prometeu fazer. Ab√≠lio n√£o quer que as pessoas coloquem dinheiro por amor e sim por valer a pena investir e retornar capital. Sen√£o, nunca essa conta fechar√°. E esta opera√ß√£o seria apenas em um primeiro momento pois depois, o clube teria que se gerir sozinho. Todo o clube deveria funcionar como qualquer empresa de verdade. Ter resultados para se manter. N√£o deu? N√£o √© fazer como Ata√≠de e outros que atingem n√≠veis de lava fervente de t√£o vermelhos e que continuam piorando e continuar√£o em seus cargos.

Ab√≠lio desde que come√ßou a ajudar o clube, cessou com planos de contrata√ß√Ķes grandiosas, disse a Aidar para vender todo mundo e refor√ßar o caixa e que utilizasse Cotia. Ab√≠lio se refere a Cotia como ‚Äúimenso patrim√īnio que precisa ser utilizado‚ÄĚ.

Espero que o entusiasmo emanado pelos conselheiros pós reunião e pelo próprio, seja real e duradouro. Precisamos MUITO que estes planos deem certo.

Cuidado com Ab√≠lio. Ab√≠lio √© notadamente um cara de sucesso. O que o motiva no S√£o Paulo al√©m da paix√£o, ele mesmo deu a dica: retorno. Colocando um caminh√£o de dinheiro para ajudar e se dedicando como est√°, n√£o pediu dinheiro. Pediu PODER. E como eu disse a um aliado de Juvenal e um aliado de Aidar nesta √ļltima semana ap√≥s o Conselho: Ab√≠lio est√° construindo uma ponte e em breve, ou ele acaba com Aidar na m√≠dia e junto √† torcida destro√ßando ainda mais sua imagem ou avan√ßa fortemente dentro do S√£o Paulo a ponto de romper barreiras e conseguir coisas l√° dentro que s√≥ a imagina√ß√£o pode permitir. Ou seja, fiquemos de olho tamb√©m com ele.

Pre√ßo da Realidade. Todos sabemos que isso ter√° um pre√ßo. Osorio recebe metade do que recebia Muricy. Sem os 6 jogadores que j√° deixaram o clube s√≥ agora neste m√™s e mais os que podem sair, caiu o n√≠vel t√©cnico, subiram garotos, veio at√© jogador de S√©rie D e de 1¬ļ colocado, despencamos na tabela e sofremos nas partidas. Tudo tem seu pre√ßo. 30 anos atr√°s quando Aidar colocou garotos com Cilinho e deu certo, n√£o necessariamente √© a f√≥rmula de que agora dar√° e estamos vendo isto. O futebol mudou e nada √© mais como era antes.

Amadorismo x Profissionalismo. Para isto que Alexandre entregou ao Aidar um plano de metas e resultados renovado. Cabe a ele agora fazer cumprir profissionalmente ou amadoristicamente. Precisa-se mudar para ¬†sair do buraco. E isso passa por ele, o presidente e todos os demais gestores. √Č inadmiss√≠vel que se saiba que sem o dinheiro de uma venda de agora at√© o final de Agosto como a de Boschilia ou Luc√£o, por exemplo, o S√£o Paulo n√£o tenha NADA para pagar contas comuns e jogadores em Setembro. Situa√ß√£o complicada que precisa mudar.

E temos tudo para mudar…eu acredito que eles querem o bem do S√£o Paulo e se doar√£o para isto. Preciso acreditar, precisamos acreditar.

Projeto S√£o Paulo 2016. A meu ver, o maior projeto para o pr√≥ximo ano chama-se: realocar Ata√≠de Gil Guerreiro, demitir Chimello e recome√ßar o futebol. Importante politicamente, Ata√≠de n√£o pode deixar Aidar e por isto fica. Chimello se mostrou ultrapassado, fraco e sem condi√ß√Ķes de estar no S√£o Paulo. Recome√ßar da√≠, j√° ser√° um enorme passo.

Mais perdas. Começaremos o ano de 2016 sem Pato, Luis Fabiano e Rogério Ceni. Edson Silva tem contrato a encerrar em Dezembro e ninguém o procurou para renovar e dificilmente irão. Serão mais 4 nomes de um plantel já pequeno com 30 jogadores sendo 5 de linha em que ficarão apenas 26 com 4 jogadores de linha.

Retornos? Enquanto avaliam como ficará a situação de Wellington cujo jogador tem proposta de troca por Bruno Gomes que foi refutada em primeiro momento por Ataíde, agora pode ser que volte ou gere um nome de retorno. Além dele, temos Maicon no Grêmio que está feliz e não quer voltar, Caramelo na Chapecoense, Roni no Chiapas, Ademilson no Japão, Luis Ricardo no Botafogo e outros meninos espalhados.

Reforços? Sem contar com estes nomes, Osorio quer montar o seu próprio time para 2016. Além de Guisao recém chegado, Cardona hoje no México e Julian Benítez seriam outros nomes os quais nosso treinador já trabalha nos bastidores. O paraguaio é o mais avançado até aqui. Até mesmo Lugano pode ser que pinte após a grande conversa com Osorio, por que não?

Osorio. O time que antes só tocava de lado, hoje tenta. Erra muito, toma gols, tem deficiências mas busca o jogo, nosso treinador procura alternativas. Há quem ache que tudo é culpa dele e que mereça mesmo que venha um cara do nível do Leão, do Adilson Batista, caras assim. Quem conhece futebol vê que o time está tomando corpo e se perdemos gols como perdemos, a culpa não é do treinador. Até porque, Muricy com time muito melhor, Milton com time cheio de gente não fizeram nada. E Osorio sem muito material humano em meio à crise brutal financeira e problemas salariais, vem fazendo o que pode.

Coerência. Osorio com isto mantém a coerência de que para o Brasil não vale a pena trazer volantes, laterais e zagueiros e sim homens de frente com velocidade e intensidade que é o que já rareia por aqui.

Patrocínio Master? Leia aqui: https://saopaulo.blog/2015/08/02/patrocinio-master-do-sao-paulo-ainda-esta-em-estagio-premilinar/

Promoção Futfanatics & Blog do São Paulo: Ganhe uma camisa da Under Armour.

Vote no vencedor da camisa masculina. Até a data de véspera de minha próxima coluna no dia 09/08/2015 serão aceitos votos. Escolha o seu bilhete e vote:

OBS: Frases aceitas somente at√© 140 caracteres que coubessem no Twitter, sem ofensas, inj√ļrias, inf√Ęmias e que fossem bacanas com o momento do S√£o Paulo. Na onda dos bilhetinhos de Osorio:

Bilhete¬†1 – Para os torcedores: “Entrego meu sangue, meu cora√ß√£o. N√£o quero dinheiro e cortejo. Quero emo√ß√£o, sonhos e gl√≥rias almejo. Ta√ßas e vit√≥rias √© tudo o que vejo!.

Bilhete 2 –¬†Aos jogadores: “Homens vestiram a camisa de tr√™s cores no passado e a fizeram grande. Vistam sempre com cora√ß√£o e alma e ela n√£o ser√° pesada, mas lembrada‚ÄĚ.

Bilhete 3 –¬†Advers√°rios: “A camisa tem hist√≥ria, o bras√£o imp√Ķe respeito, o campo um Coliseu, time de guerreiros temidos no mundo inteiro.¬†Tremam! Aqui √© S√£o Paulo!”

Alexandre Zanquetta

alexandrezanquetta@uol.com.br

twitter.com\blogdosaopaulo

facebook.com\blogdosaopaulo