Hoje tentarei ser o mais ameno possível e não desejo falar de política além do que realmente importa e falarei menos de Aidar, Juvenal etc e mais do que devemos esperar do Tricolor daqui em diante em termos de time e menos institucionalmente.

Entrenador? Só falta sua liberação do Atlético Nacional e parece que o sonho de Aidar será realizado. Entre São Paulo e Osorio está tudo alinhado. Um treinador da nova geração, estrangeiro, com metodologias diferentes e atualizado, com currículo promissor é o que aparece na frente do presente do Tricolor. A derrota para a Ponte Preta marcou o fim da paciência com Milton Cruz e logo na 2ª feira, Sampaoli confirmou que não viria pois ficaria no Chile até 2018.

Na reuni√£o do conselho avisou aos mais exaltados que em dias teriam respostas concretas. Pois bem, Osorio devem enfim assinar com o S√£o Paulo nesta semana. A reuni√£o com Peseiro segue uma inc√≥gnita e a √ļnica informa√ß√£o concreta √© que pode ser um favor a empres√°rios para erguer o nome do treinador.

Os perfis não tem a menor comparação. Osorio tem um currículo infinitamente superior e um histórico muito melhor que Peseiro. Vem de títulos sequenciais, de uma trajetória vitoriosa e não de fracassos retumbantes como português.

Os n√ļmeros de Osorio s√£o impressionantes: Em 3 anos, foram 6 t√≠tulos, 124 vit√≥rias contra 33 derrotas, 19 jogadores revelados da base do Atl√©tico Nacional, super√°vit de vendas de U$ 16 milh√Ķes em rela√ß√£o a suas aquisi√ß√Ķes sempre baratas e praticamente sempre certeiras.

Aidar se impressionou com o respeito que ele possui no mundo dos treinadores e como ele é reconhecido por sua época de estudos na Europa. Aidar chegou a afirmar que nem o Guardiola tem o currículo dele. Sua visita o deixou ainda mais animado e a ponto de afirmar assim.

Visita a Osorio. Aidar e Ata√≠de perguntaram o que achava do S√£o Paulo e o que ele entendia que dever√≠amos fazer em termos de investimentos sem altos valores. Osorio de cara disse que resolveria tudo com 4 nomes apenas. Para o lugar de Ceni, Vargas, goleiro Vargas. Para a ala esquerda, nosso principal problema, Valencia. Para vol√Ęncia, Mejia. Torres seria seu grande homem de confian√ßa em campo. Podendo alternar ataque, compacta√ß√£o de meio e at√© arma√ß√£o, o experiente jogador √© amigo pessoal dele e as chances de traz√™-lo aumentam muito com essa proximidade.

Porém, se não quisessem contratar, Osorio acredita que com o plantel do São Paulo e com aproveitamentos da base, consegue montar uma equipe bem competitiva que permita que o Tricolor dispute o título de 2015.

Detalhes. Osorio é responsável pela maior série invicta do Atlético Nacional na história com 24 jogos invictos. Com uma filosofia pragmática porém eficaz e ofensiva, joga pelos resultados. Consciente de que mais valem grandes vitórias do que jogos brilhantes porém sem equilíbrio que acarretem em derrotas, Osorio agride mas sem aquele conceito de que futebol só se joga defensivo ou ofensivo.

Um aviso √† torcida. Logo que chegou ao Atl√©tico Nacional, Osorio desmanchou o time que se pautava em toque de bola, que se aproximava com o toque e tinha no meio a espera de seus resultados (alguma semelhan√ßa?). Osorio colocou seu time que apresentava estilo defensivo, com todos os jogadores marcando e que exigia que todos corressem atr√°s da bola, inclusive Macnelly Torres, o craque do time. Em pouco tempo, os resultados surgiram mas a torcida ainda desconfiava do estilo alternado que mexia em jogadores em todos os jogos, que n√£o repetia escala√ß√Ķes e para cada advers√°rio, tinha uma forma√ß√£o. Em muitas vezes, reclamavam do estilo defensivo demais, em outros, muita agressividade e o time n√£o dava muita certeza nunca do que encontrariam. Parece confuso mas √© isto que Osorio queria para sua equipe: uma inc√≥gnita para quem estava fora e somente claro para quem estava no grupo para a partida.

Pouco a pouco, limava os nomes de alto gabarito com pouco rendimento na equipe e n√£o enquadrados em sua filosofia. Trazia jogadores baratos e que conversava muito antes de trazer ao clube. Recuperava jogadores em m√° fase e subia garotos que rapidamente davam seu melhor. Aos poucos, a torcida se adequava ao estil√£o dele e t√≠tulos e mais t√≠tulos vinham. Eliminado em 2013 pelo S√£o Paulo da Sul Americana e vice campe√£o ano passado nos eliminando, Osorio sempre teve postura e declara√ß√Ķes de muito respeito e conceito com o Tricolor.

Sua forma√ß√£o com 3 defensores, jogadores abertos em extrema velocidade nas pontas, altern√Ęncia t√°tica e de velocidade muitas vezes decidiam partidas com estas mudan√ßas bruscas de forma√ß√£o confundindo seus advers√°rios.

Perfil completo e dados técnicos e táticos de Osorio, confira aqui: https://saopaulo.blog/2015/05/21/juan-carlos-osorio-quase-la-x-jose-peseiro-a-piada/

Para resumir, se ele dar√° certo ou n√£o, √© imposs√≠vel dizer. Mas, vemos que no hist√≥rico, no Atl√©tico Nacional, chegou quando um time era caro e com grandes nomes e n√£o rendia. Com ele e suas mexidas, passou a ser uma nova equipe at√© que ele constru√≠sse um time que passou a ser refer√™ncia na Col√īmbia e passou a medir for√ßas com os grandes do continente. Numa equipe como a do S√£o Paulo, j√° com um grande plantel, um time tradicional, muita press√£o, grandes nomes e precisando render, como ser√° que Osorio vai reagir? Resta-nos torcer.

Abílio Diniz: Quase um dono?

Tal qual fez Nobre com o Palmeiras, Ab√≠lio Diniz pode compor o c√©u do S√£o Paulo com estrelas e florescer a estabilidade econ√īmica de modo que n√£o destrua o clube como vem fazendo com os pagamentos de juros crescentes que encaminha o clube para gastar sempre mais para cada vez menos ter. A pr√°tica de JJ foi mantida por Aidar e aumentou no per√≠odo da gest√£o do ‚Äúnovo presidente‚ÄĚ.

Ab√≠lio que √© aliado e amigo pessoal de Juvenal, √© outro que costura o retorno do velho amigo cuja presen√ßa e relacionamento j√° n√£o √© mais belicoso com Aidar conforme eu vinha escrevendo semana a semana e informei dos acontecimentos ditos da reuni√£o do Conselho, a 1¬™ sem farpas e agress√Ķes de parte a parte e um JJ mudo.

Ab√≠lio quer poder de influ√™ncia no futebol. Uma esp√©cie de Celso Barros x Fluminense com moldes do S√£o Paulo. Isto doer√° bem em Aidar j√° que para tanto, Milton Cruz, Ceni, Muricy (sim, um poss√≠vel retorno) e Gustavo de Oliveira, ter√£o que ser engolidos pois tem respaldo de Ab√≠lio. Em compensa√ß√£o, Aidar quer o compromisso de n√£o ter aliados contr√°rios na pr√≥xima elei√ß√£o contra ele. O caixa se ajeita, o clube para de dever e pagar d√≠vidas, sobra dinheiro, pagamos Ab√≠lio e a paz reina nos dom√≠nios do Morumbi entre as fac√ß√Ķes. Esta seria a proposta de mundo dos sonhos. Ser√° que daria certo?

OBS: Abílio que nunca antes havia se mexido, se incomodou com a moral e força que Vinicius Pinotti ganhou após ajudar com Centurión. Depois, o mesmo Vinicius virou Diretor.

Michel Bastos. Renovou até o final de 2016 e temos prioridade até 2017. Até lá, Michel deverá estar com 34 anos. Bola dentro da diretoria.

P√≠fio. Milton Cruz ap√≥s 7 jogos e 6 vit√≥rias sobre ser treinador ap√≥s jogo contra o Cruzeiro: ‚ÄúEstou pronto! Falta me darem o contrato para assinar. A diretoria sabe meu potencial e conhece meu trabalho‚ÄĚ.

Ap√≥s o jogo contra o Cruzeiro e Ponte Preta, √†s v√©speras do jogo contra o Joinville: ‚ÄúSer treinador √© um mart√≠rio‚ÄĚ.

Milton, vai encostar seu burro na sombra de outro clube, vai…a √ļnica coisa que realmente sabemos √© que compet√™ncia para estar no S√£o Paulo voc√™ n√£o tem.

Trocas com o Corinthians? Do lado corintiano, afim de se livrar do grupo atual e renovar o plantel, procura com as peças que tem, conseguir peças novas na base da troca. Ou vender. Com o Tricolor, após Pato, agora o foco do time sem cor é Luis Fabiano. Um aumento do tempo de Pato no Tricolor, a cessão de Ralf, Fábio Santos entre outros é disponibilizada pelo rival. Já que perderão Guerrero, o centroavante é a opção da vez já que está completamente sem espaço no Tricolor, é amigo de Jadson que fez o mesmo caminho e poderia resolver o problema de Tite que quer muito o Favela.

Eu honestamente, n√£o sei o que pensar. Fico muito na d√ļvida sobre o assunto mas quando fico sabendo que LF foi embora antes do est√°dio, j√° n√£o contribui positivamente com nada e n√£o respeita os companheiros e ganha um sal√°rio absurdo, acho que devemos permitir que siga sua vida e seja feliz tal qual foi com o Jadson. Espero que se rolar a troca, seja por Pato, Ralf ou quem quer que seja, nos seja boa e n√£o nos cause arrependimentos.

Protesto do Enterro. LF √© um dos mais atacados. Reinaldo foi o mais atacado. Ganso e Souza tamb√©m sofreram. Agora, algum foi protestado por justi√ßa ou injusti√ßa? N√£o sei. Mas √© fato que o protesto foi financiado por algu√©m e em nenhum momento houve cr√≠ticas a Aidar mesmo com as pol√™micas e problemas de intermedia√ß√£o, problemas com dinheiro, gest√£o horr√≠vel etc. Coincid√™ncia ou todo mundo √© burro, cego, surdo e est√ļpido?

Sem master, mas com dinheiro? Depois da Gatorade, Copa Airlines e Under Armour, está muito perto de fechar com a Easy Taxi. Assim, garantiria com os patrocínios, um valor que já permite um conforto maior mesmo sem o master que ainda faz muita falta mas alivia um pouco os cofres. Vamos torcer também. Ah, espero que não haja intermediação nisto também, né Aidar?

Futfanatics. 70% de desconto em produtos no Saldão da empresa e mais desconto do Blog do São Paulo? Agora é a hora! Acesse e compre mais barato que em qualquer outro lugar!

http://www.futfanatics.com.br/sao-paulo-ct-100-311840.htm 

Alexandre Zanquetta

alexandrezanquetta@uol.com.br

twitter.com\blogdosaopaulo

facebook.com\blogdosaopaulo