Recuperado e com disposição!

Fora dos últimos nove jogos do Tricolor após sofrer dois entorses seguidos nos tornozelos, o zagueiro Dória está de volta e à disposição do técnico Muricy Ramalho. E disposição não falta ao defensor, que vive a expectativa de poder atuar novamente neste final de semana, quando o São Paulo visitará o Botafogo-SP pela penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista de 2015.

Com o defensor em campo no Estadual deste ano, o time são-paulino ainda não foi vazado: goleadas sobre Bragantino (5 x 0) e Audax (4 x 0). “Agora estou bem, de volta e à disposição do treinador. Todos os zagueiros no elenco querem uma oportunidade, e eu também. Não tem essa de titular absoluto. Quem está bem, tem de jogar. Vou mostrar que tenho condição de jogar e ajudar o São Paulo”, afirmou o camisa 26.

Doria

Na goleada sobre o Danubio-URU (4 x 0), no dia 25 de fevereiro, o marcador sofreu um entorse no tornozelo direito. Após se recuperar com os fisioterapeutas do REFFIS, Dória treinava normalmente quando sofreu a mesma lesão no tornozelo esquerdo, na véspera do clássico contra o Corinthians (1 x 0), pelo Campeonato Paulista. “A lesão acontece. Jogador está sujeito a isso. Fiquei muito triste por não poder atuar”, lamentou.

Agora, porém, sem qualquer restrição, o zagueiro quer reforçar o Tricolor e recolocar a equipe no caminho das vitórias na temporada 2015. “Faço parte do grupo e sinto junto com os jogadores, mas temos condição de dar a volta por cima. Temos futebol para vencer os clubes que nos derrotaram. Por isso, sabemos que temos de mostrar mais”, avaliou o atleta, durante a coletiva de imprensa desta Sexta-feira Santa (3), que acrescentou.

“Conversamos muito nessa semana, sabendo que podemos melhorar e apontando erros para não repetir. A partir de agora, tenho certeza de que coisas melhores virão pela frente. Estamos focados e com disposição para dar a volta por cima”, finalizou o xerifão são-paulino, que defendeu o clube em quatro jogos até aqui.

 

Fonte: Site Oficial

20 comentários

  1. Continuando… TEORIA DE TUDO = (LIBERTADOS_res)

    Vamos fazer a diferença… pensamento coletivo que dá certo.

    Próximo jogo contra o Danúbio… dois ou mais gols de diferença.

    Danúbio em casa perdeu pro papa de 2X1
    Danúbio em casa perdeu pro gamba de 2X1
    Danúbio fora de casa perdeu pro SAMPASHOW de 4X0
    Danúbio fora de casa perdeu pro gamba de 4X0

    Danúbio em casa VAI perder pro SAMPASHOW(TRI DU MUNDO) por 2X0 (já tá ótimo).
    Time do papa no gambódromo 1X0 na gambazada.

    Depois é só fazermos a nossa, ganhando da gambazada em casa de 2X0.
    E o time do papa ganhar de 4X0 do Danúbio.

    Pronto todos com 12 pontos e o SAMPASHOW… TRI DU MUNDO
    em PRIMEIRO lugar, com saldo de gol a mais que todos os outros.

    Vamos deixar o pessimismo de lado e pensar positivo que dá…
    Esqueçam os pipoqueiros…
    Esqueçam os estrategistas…
    Esqueçam os diretores e empreendedores da discórdia e vamos no nosso amor ao TRI DU MUNDO.

  2. Já que o técnico não vai sair e a maioria dos jogadores estão em má fase e não temos muito a perder (Nesta altura do campeonato o que vier é lucro) eu mudaria o time e tentaria um time mais jovem, mais leve e dinâmico contra o Danúbio.

    Curiosamente nesta má fase os únicos jogadores que tem correspondido um pouco mais e tem sido mais regulares são os 3 jovens da base (Lucão, Boschilia e Ewandro), daria chance para os 3 começarem como titulares.

    Rogério

    Hudson – Lucão – Dória – Michel Bastos (Carlinhos)

    Souza – Thiago Mendes – Boschilia – Ganso (Michel Bastos)

    Pato (Centurión) e Ewandro.

    • Coloquei o Michel Bastos na lateral por que o Carlinhos e o Reinaldo estão mal e como o próprio Michel Bastos também não está fazendo tanta diferença no meio, talvez na lateral ele se saia melhor que os 2 laterais que citei e abre a perspectiva do Ganso jogar com o Boschilia, se o Ganso continuar mal, volta o Michel para o meio e entra o Carlinhos na lateral.

      Também pode entrar o Hudson no meio no lugar do Souza e entrar o Auro na lateral, talvez o meio de campo ficasse mais forte ainda liberando Ganso e Boschilia para as tabelas, passes, enfiadas, etc…

      Acho que é um time mais leve do que os times que estão sendo escalados e poderia dar certo.

  3. São Paulo FC versão 2015. > blá blá blá blá blá blá blá blá ……futebol que é bom nada…..torcida anda cansada…..

  4. Tá publicado no Uol que o Centurión perdeu o voo de volta para São Paulo em razão de uma balada. Detalhe que a fonte é de um jornal argentino.

    Enfim, tomara que não seja um novo Cañete.

    • Depois de uma derrota o jogador nem deveria ter saído, precisa mostrar raiva nas derrotas e não ir pra balada e perder o voo.
      Não tenho nada contra o jogador, mas existe uma boa vontade excessiva por parte de alguns torcedores que endeusam o cara sem ao menos ele ter jogado direito, até pq se fosse o LF que nem no jogo estava e o mesmo fosse fotografado numa boite naquela mesma noite da derrota, o mundo cairia sobre sua cabeça

      • Aí eu te pergunto se o cara prejudicou o São Paulo FC indo em uma balada sendo que no dia seguinte era sua folga? Pq você comparar com um jogador que tem histórico de prejudicar o time quando o mesmo mais precisa dele é um absurdo, sendo que o gringo acabou de chegar e sempre quando entra não se omite, sendo que o outro só se esconde atrás de zagueiros, fica constantemente impedido e só reclama!

  5. Saudações Tricolores aos amigos do blog
    Espero que a volta do Dória seja um ponto positivo de mudança dentro do time, até pq o Dória jogou pouco e não mostrou ainda à que veio, mas certamente no atual momento tem que entrar no lugar do Tolói, que juntamente com os demais zagueiros do elenco não inspiram confiança, e no caso o Tolói tem feito é muita besteira e as duas últimas derrotas estão na sua conta.
    Dependemos de duas vitórias pra mudar a escrita, pra talvez a moeda cair de pé, mas os jogadores principalmente, tem que mudar de atitude e terem vontade de querer mais, no último jogo contra o SL, os atacantes e meias foram inoperantes, e o Centurion que foi um pouquinho melhor que os demais, foi muito fominha e suas jogadas acabaram morrendo com ele, e espero não ver mais o Reynaldo na lateral pois este certamente é muito fraco e não marca ninguém, uma verdadeira avenida na esquerda, e já que ele não apoia direito eu voltaria com o Carlinhos mesmo.

  6. Frequento o blog há pouco tempo, e diferentemente da maioria dos que aqui frequentam, eu gosto do Muricy e não acho que ele é o maior culpado pela falta de liga que este time ainda não deu, mas é claro que ele tem seu grau de culpa, e no momento sou contra sua saída.
    Mas se acontecer de tirarem o Muricy ou ele sair por conta própria, o único técnico que vejo com capacidade pra assumir o SPFC é o Luxemburgo, justamente por ser um técnico campeão, um passado vitorioso, conhece bem o futebol nacional e sabe trabalhar com estrelas, além claro de estar assim como o SPFC necessitando fazer um bom trabalho e voltar a ser destaque e talvez o melhor do Brasil novamente.
    Não em personalidade é claro, mas no momento ele me lembra o Telê que quando chegou no SPFC tb precisava se recuperar e ganhar prestígio novamente, além dele sempre dizer que sonha em dirigir o SPFC.
    Na minha opinião, depois do Telê, foi o melhor técnico no Brasil.

    • Muricy é patético em justificar derrotas, obsoleto na prancheta, ausente nos treinamentos (?), talvez tudo decorrente dos seus problemas de saúde. Queima velozmente sua já tênue imagem assim como o Mito por não largar o osso enquanto a diretoria omissa que não consegue patrocínio master desde que entrou, não consegue um substituto convincente por mais que tente. O torcedor perde a paciência e já nem comparece aos estâdios e a imprensa, branda como sempre tapa o sol com peneira quando o déficit cada vez maior mina as ambições e fornece munição pro Juvenal manter a guerra política que destrói a política interna do cllube. Enquanto isso, colecionamos freguesia com a escória, derrota inédita pra porcada e a 1 passo do abismo na Libertadores, sem perspectivas aguardamos bovinamente a providência divina pq de lá do Morumbi não dá pra esperar mais nada.

  7. Hoje o esquema que daria muito certo ou muito errado seria 3-4-3:
    Toloi – Rodrigo Caio – Dória
    Thiago M. -Souza- Ganso- Michel
    Ewandro – Pato – Cetúrion.

    O futebol do Cafú ainda é mistério, mas poderia ter uma sequência pra ver
    que jogador que é.
    O Pato não pode jogar contra a escória, então Kardek se não for ter que operar, seria o atacante de referência nesse esquema.
    Seria um time compacto e com chegada forte. Quem marca meu filho?
    O TIME MARCA!

    • pelo elenco que temos eu acho sua sugestao a melhor no momento. teriamos uma variacao com o Rodrigo flutuando de terceiro zagueiro e colocando um lateral de oficio – melhor um ala como o Bruno mesmo ou o Auro – mas opcoes de ataque. Ainda nao vi muito no TM…

  8. Sobre o argentino, a familia do cara mora do lado do estádio, o cara está há um tempo longe e clube deu um dia de folga para ele. Atrasou, foi multado, acho que tá tudo certo.
    Se ficar repetindo aí a coisa muda.

    • Prefiro ele na balada e não se omitindo em campo do que muito santinho que promete empenho e só fica de mão na cintura esperando bolinha no pé.

  9. Boa tarde!

    Com a volta do Dória ao time titular, acho que o treineiro poderia utilizar o jogo de amanhã para recomeçar um novo projeto de time.

    RC

    Lucão
    R. Caio
    Dória

    MB
    Souza
    Boschilia
    T. Mendes

    Ewandro
    Pato
    Centurion

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!