Fora dos últimos nove jogos do Tricolor após sofrer dois entorses seguidos nos tornozelos, o zagueiro Dória está de volta e à disposição do técnico Muricy Ramalho. E disposição não falta ao defensor, que vive a expectativa de poder atuar novamente neste final de semana, quando o São Paulo visitará o Botafogo-SP pela penúltima rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista de 2015.

Com o defensor em campo no Estadual deste ano, o time são-paulino ainda não foi vazado: goleadas sobre Bragantino (5 x 0) e Audax (4 x 0). “Agora estou bem, de volta e à disposição do treinador. Todos os zagueiros no elenco querem uma oportunidade, e eu também. Não tem essa de titular absoluto. Quem está bem, tem de jogar. Vou mostrar que tenho condição de jogar e ajudar o São Paulo”, afirmou o camisa 26.

Doria

Na goleada sobre o Danubio-URU (4 x 0), no dia 25 de fevereiro, o marcador sofreu um entorse no tornozelo direito. Após se recuperar com os fisioterapeutas do REFFIS, Dória treinava normalmente quando sofreu a mesma lesão no tornozelo esquerdo, na véspera do clássico contra o Corinthians (1 x 0), pelo Campeonato Paulista. “A lesão acontece. Jogador está sujeito a isso. Fiquei muito triste por não poder atuar”, lamentou.

Agora, porém, sem qualquer restrição, o zagueiro quer reforçar o Tricolor e recolocar a equipe no caminho das vitórias na temporada 2015. “Faço parte do grupo e sinto junto com os jogadores, mas temos condição de dar a volta por cima. Temos futebol para vencer os clubes que nos derrotaram. Por isso, sabemos que temos de mostrar mais”, avaliou o atleta, durante a coletiva de imprensa desta Sexta-feira Santa (3), que acrescentou.

“Conversamos muito nessa semana, sabendo que podemos melhorar e apontando erros para não repetir. A partir de agora, tenho certeza de que coisas melhores virão pela frente. Estamos focados e com disposição para dar a volta por cima”, finalizou o xerifão são-paulino, que defendeu o clube em quatro jogos até aqui.

 

Fonte: Site Oficial