banner_sou_tricolor_2Fosse apenas mais uma das especula√ß√Ķes criadas por ‚Äėmonstros‚Äô da imprensa esportiva, do naipe de Jorge Nicola, Juca Kfouri, Oscar Ulisses e Chico Lang, eu nem me daria ao trabalho de falar a respeito. Ainda mais porque estamos entrando naquele per√≠odo infernal de contrata√ß√Ķes e sondagens no futebol brasileiro.¬† Mas a informa√ß√£o veio de gente bem informada, e publicada em ve√≠culos de credibilidade como este blog e tamb√©m o Painel da Folha de S.Paulo, por exemplo.¬† Muricy Ramalho pediu Edu Dracena!

Que desespero!

Já escrevi na minha coluna, por uma ou duas vezes, sobre como admiro o nosso atual treinador. São-paulino, criado no Morumbi, sucesso como jogador e técnico. Conhece bem o clube, tem caráter e é um dos melhores do país há pelo menos 10 anos. Não bastassem os títulos, ainda nos salvou de um rebaixamento bem encaminhado no ano passado, e nos levou a Libertadores de 2015. Muricy é o cara!

Mas se tem algo que os nossos dirigentes precisam aprender, caso ainda n√£o saibam, √© a limitar o poder de indica√ß√£o de Muricy. N√£o apenas porque o Tricolor historicamente √© um clube em que os treinadores apenas ‚Äėd√£o o aval‚Äô para as contrata√ß√Ķes, mas tamb√©m porque Muricy Ramalho n√£o sabe indicar.

Um exemplo clássico que guardo na memória é o de Fábio Santos, um volante que atuou no São Paulo em 2008. Com fama de bad boy, chegou por recomendação de Muricy, com quem havia atuado no São Caetano, 4 anos antes. Para quem não se lembra, tratava-se de um jogador bem meia-boca. Um Felipe Mello bastante piorado.

F√°bio Santos n√£o foi o √ļnico caso frustrado ocorrido durante o per√≠odo do tricampeonato brasileiro. Eu tinha na cabe√ßa que Jo√≠lson, lateral-direito ex-Botafogo, tamb√©m havia sido sugest√£o de nosso treinador. Fui confirmar a informa√ß√£o no Google e me surpreendi com uma s√©rie de p√©rolas propostas por Muricy no per√≠odo em que comandava o time da Vila Belmiro. Craques do calibre de Ren√™ Junior, Fernando Bob, Pir√£o(?), Roger Ga√ļcho, Bernardo, entre outros, foram indicados por ele √° dire√ß√£o santista. √Č claro que uma not√≠cia ou outra podem ser incorretas. Mas corroboram com minha opini√£o sobre Muricy e suas op√ß√Ķes. D√° para entender inclusive como Paulo Miranda, Maicon e Ademilson jogam tantas vezes com o treinador.

Mas voltando ao caso especifico da semana, Edu Dracena não tem condição nenhuma de jogar no Tricolor. Foi um bom zagueiro em todos os clubes que passou, do Guarani de Campinas até o próprio time em que joga atualmente. FOI. Hoje, além de não ter mais a mesma qualidade de outrora, ainda passa mais tempo lesionado do que disponível para jogo. Será que não aprenderam nada com a contratação de Fabrício, atualmente no vasco?

Seria o mesmo que querer trazer o Lugano, com a diferen√ßa que o uruguaio traria retorno pelo menos midi√°tico e no marketing. Mas sou contra a vinda de Lugano tamb√©m. Se querem apostar em um zagueiro experiente, porque n√£o trazer o Andr√© Dias? Est√° parado h√° 6 meses, mas jogava o campeonato italiano, como titular. Ou ent√£o, bate na porta do Atl√©tico MG e pergunta sobre o R√©ver, que mal tem jogado neste ano, mas longe de ter a carreira decretada em decl√≠nio por causa de contus√Ķes.

Seja como for, Edu Dracena n√£o! Se as op√ß√Ķes no mercado s√£o escassas, √© prefer√≠vel apostar em Rafael Toloi e Rodrigo Caio, do que trazer o zagueiro santista. E deixem o Muricy fora das mesas de negocia√ß√£o.

 

Wagner Moribe

wmoribe@hotmail.com

twitter.com/wmoribe