Análise BR 2014: São Paulo 2 x 0 Peppa Pig

Segue de pé o tabu do Palmeiras no Morumbi e sua agonia para escapar do rebaixamento à segunda divisão. Na fria noite deste domingo, Luis Fabiano ratificou seu afiado poder de decisão em clássicos e ajudou a garantir ao São Paulo vitória por 2 a 0, com um belo gol, o seu centésimo pelo clube em Campeonato Brasileiro. O outro foi de Rafael Toloi.

Se o lado alviverde continua sem vencer o rival em seu domínio desde 2002 e vê a folga para a faixa de descenso cair de cinco para três pontos (39 contra 36), restando agora quatro rodadas, o time capitaneado pelo goleiro Rogério Ceni – que fez neste domingo seu centésimo e possivelmente último clássico no Morumbi – ao menos sustenta em quatro pontos a distância para o líder Cruzeiro, que tem um jogo a menos.

Os dois times voltam a campo no meio de semana, mas por interesses distintos. O São Paulo joga na quarta-feira em Medellín, contra o Atlético Nacional, pela primeira final da Copa Sul-americana. No mesmo dia, o Palmeiras estreia o Allianz Parque, seu reformado e rebatizado estádio, diante do Sport, em compromisso agora ainda mais importante pela competição nacional, na qual não venceu nenhum dos seis clássicos que disputou.

Na abertura da nova arena, o técnico Dorival Júnior já deverá ter Valdivia, meia que fez muita falta neste domingo por estar a serviço da seleção chilena. Enquanto o São Paulo dispunha de seu camisa 10 (Paulo Henrique Ganso) e do sistema ofensivo completo – com Alexandre Pato no banco, inclusive -, o Palmeiras foi para o jogo com Felipe Menezes responsável pela armação.

Sem ter nada a ver com o problema alheio, Muricy Ramalho lançou sua equipe para cima do rival, cuja proposta foi, desde o início, claramente se defender em busca de um empate. Aos três minutos, porém, Diogo tomou bola de Denilson na meia direita e partia com absoluta liberdade em direção ao gol de Rogério Ceni quando foi derrubado por trás pelo volante são-paulino. O árbitro entendeu que o lance havia sido legal e deu vantagem para o time da casa, em lance que poderia até ter custado um cartão amarelo.

Em um clássico bastante estudado pelos dois lados, o São Paulo chegou pela primeira vez à linha de fundo aos nove minutos. Só sete minutos depois é que houve a primeira finalização. Por parte do Palmeiras, que cruzou bola da meia direita para a área e viu o zagueiro Tobio, de frente para Rogério Ceni, desviar para fora com a perna esquerda. A resposta veio três minutos mais tarde, em ótimo cabeceio de Luis Fabiano que Fernando Prass precisou esticar ao máximo o braço esquerdo para evitar o gol.

Na disputa particular, o goleiro palmeirense perderia para o atacante em seguida. Aos 21 minutos, Hudson alcançou lançamento na linha de fundo e cruzou. Nathan esticou a perna e não conseguiu o corte, para felicidade de Luis Fabiano. O atacante pegou de primeira e colocou a bola no canto esquerdo baixo. Na comemoração do gol, tirou parcialmente a camisa e não foi advertido. Dorival Júnior e Fernando Prass chiaram com o árbitro, e o goleiro é que acabou sendo punido com cartão amarelo por reclamação.

Precisando sair um pouco mais do campo de defesa, o Palmeiras se revelou desorganizado no ataque e errou muitos passes. Marcelo Oliveira fechava bem o meio-campo, mas não tinha grandes opções para dar sequência ao jogo. Ainda assim, aos 38 minutos, o empate ficou bem perto. Henrique recebeu cruzamento de Juninho no meio da área e chutou de primeira, em cima da canela direita de Rogério Ceni.

Desperdiçada a rara oportunidade de gol, o Palmeiras viu o São Paulo aumentar o ritmo na parte final do primeiro tempo. Aos 43 minutos, após longa troca de passes, Alan Kardec foi acionado na área e cruzou para ninguém. Dois minutos depois, o ex-palmeirense teve chance ainda melhor, graças a uma furada da defesa, mas, de frente para o gol, finalizou mal, à direita.

Dorival Júnior não fez nenhuma alteração no intervalo, mas o Palmeiras voltou mais agudo na segunda etapa. Melhor ainda depois que, com apenas oito minutos, Wesley foi sacado para a entrada de Mazinho. Com as linhas adiantadas, a equipe alviverde aumentou a posse de bola e acuou o São Paulo. Aos 12 minutos, após cruzamento de Victor Luis, Tobio cabeceou por cima do travessão e fez Rogério Ceni se revoltar com sua retaguarda por conta da marcação frouxa. Antes de a bola ser reposta em jogo, o árbitro expulsou o técnico palmeirense.

Com alguma demora, aos 19 minutos, Muricy Ramalho reforçou seu meio-campo, deslocando para lá Michel Bastos e colocando Reinaldo em campo (no lugar de Alan Kardec) para atuar na lateral esquerda. A substituição recolocou o São Paulo aos poucos no jogo e, aos 33 minutos, após escanteio cobrado pelo lado esquerdo, Rafael Toloi completou para a rede para definir o resultado positivo.

GE

 

52 comentários

  1. Uma vitória importante, mas o time não jogou bem. Como disse o Rogério na sua entrevista, quando questionado pelo repórter da SPORTV, se tivesse jogado como hoje teria vencido o Inter, e ele disse que o time jogou melhor contra o Inter, só não venceu por causa do juiz ladrão e pela qualidade melhor do adversário. Realmente foi exatamente assim que vi o jogo. Não jogou bem, mas venceu pela fragilidade do adversário, que com certeza vai lutar até o final contra o rebaixamento. E CHUPA PORCADA..

  2. Apesar da vitória, não gostei do time….foi totalmente apático na partida. Só melhorou depois do 2º gol.

    No mínimo agora é terminar em 2º lugar no Brasileirão e levar a Sulamericana!

  3. Desculpa do Muricy pelo fato do Cruzeiro estar com uma mão na taça do Brasileiro:

    – O time deles está junto há 2 anos e é regular. Nós montamos o time durante o campeonato…é complicado.

    Desculpa para o ano que vem o Cruzeiro ganhando outro campeonato:

    – O time deles está junto há 3 anos e é regular…

  4. Surpreendentemente o time melhorou bastante depois que o Kardec saiu… como todos menos o tecnico sabem o time nao rola com o kardec e LF mas assim mesmo ganhamos. acho que o LF ainda esta suspenso para o jogo da quarta assim vamos de Pato e kardec. O time fica mais leve e com movimentacao – pelo que estao jogando o LF esta melhor que o Kardec. gostaria de ver o Pato na frente com o LF.
    outro aspecto – o MIchael ta jogando mais que o Kaka

    • E para o jogo contra o Santos o Kardec está suspenso também, então poderemos ter dois jogos com um ataque mais leve. E na minha opinião, no atual momento eu colocaria o Reinaldo de lateral e o Michel na vaga do Kaká, que fisicamente não está bem.

  5. Aprendem com o Michel Bastos como se cobra escanteio.

    Acho que o São Paulo já fez mais de 5 ou 6 gols em cruzamentos seus.

    E o Michel Bastos deu um gol de bandeja ao Osvaldo e ele chutou lá na Avenida Giovanni Gronchi….

    Jesuis!!!!

  6. e o Ademilson ainda eh jovem, portanto alem de potencial de venda ainda pode progredir tecnicamente. Ja o Osvaldo ta numa mesmice de mediocridade que da pena…
    Pena o Muricy nao tem coragem de botar o Kaka na reserva mas ele poderia usar a desculpa de preservar o Kaka..
    agora o Toloi domina o setor. estavamos sentindo falta dele – que bom que vai para a Colombia

  7. Eu não jogo a toalha, ainda há uma gota de esperança se ganharmos as 3 restantes e irmos para 75 pontos.

    Grêmio 2×0 Cruzeiro

    Cruzeiro 2×1 Goiás

    Chapecoense 3×1 Cruzeiro

    Cruzeiro 2×2 Fluminense

    Cruzeiro: 74 pontos e São Paulo campeão na última rodada lá no Recife.

    OBS:

    Grêmio não vai entregar igual o Santos entregou para o Cruzeiro, precisam da vitória para garantir Libertadores.

    Contra o Goiás coloquei vitória deles, mas do Goiás não duvido de nada, time muito imprevisível, apronta quando menos se espera, além do São Paulo poder mandar uma mala preta se estiver no páreo.

    Chapecoense no momento está na zona de rebaixamento, vai jogar fora contra o Flu na próxima rodada, se perderem precisarão ganhar do fraco Botafogo em casa e do Cruzeiro na sequência, podem ter que jogar o jogo da vida, tudo pode acontecer.

    Fluminense é asa negra deles e pode precisar do resultado na última rodada para irem para a Libertadores, se não tiverem mais chances de nada fica difícil, por isso é bom tentar secar também contra o Goiás.

    • Vitão,

      Até hoje estou tentando entender o que o Muricy quis preterindo o Tolói do elenco no começo deste ano. Liberaram ele pra Roma e ficamos como os limitados Antonio Carlos, Paulo Miranda e Edson Silva no elenco. Fora o Rodrigo Caio improvisado de zagueiro e o Lucão recém promovido da base.

      Sofremos com a defesa praticamente o primeiro semestre inteiro e metade do Brasileiro…perdemos vários pontos neste intervalo.

      O Muricy falou que montou o time no meio do campeonato e eu não vejo assim…o Tolói já era do São Paulo e ele não quis aproveitá-lo. Se for ver só chegaram o Kaká e Michel Bastos….

      Nosso “especialista” com suas limitações e teimosia fez o time demorar uma eternidade pra engrenar. Mesmo ganhando a Sulamerica, vejo que o trabalho do Muricy deixou a desejar muito este ano.

  8. concordo que o GRemio pode perfeitamente ganhar do Cruzeiro, dai no final de semana o Cruzeiro entra com o time reserva contra o Goiais – quem sabe nao sai um empate, dai a diferenca cai para 1 ponto.
    Cruzeiro perde a Copa do Brasil pro maior rival, abalados enfrentam a Chape precisando sair da zona do rebaixamento – empate nao eh impossivel…
    dai meu o campeonato esta aberto . empate contra um fluminense precisando da vitoria e vitoria nossa no Recife!!!

  9. Boa noite!

    Só gol bonito hj!

    Na Colombia, o correto era o MBastos jogar no meio.

    Eu começava com o Kardec de 9, já que esta suspenso no domingo.

    No 2º tempo vem com o LFabiano ou o Pato.

    No domingo ñ temos o Souza suspenso, Hudson no meio e Auro na lateral,
    imperdoável se entrar com o PM.

    Temos 7 jogos até o fim do ano.

    Se ganhamos os 3 do Brasileiro, pode pintar o titulo, a pressao é toda azul.

    E os 4 da Sula, nem peço 4 vitorias, um empate e uma vitoria na semi e na final, esta ok, hehehe

    Vai tricolor!

  10. Muricy provou que não entende mais de futebol.
    Os caras que ele resistia em colocar em campo ou que ele achava não servir foram os destaques.
    Hudson, Tolói, Auro (não jogou, mas tem provado seu valor).
    Enquanto isso, ele insiste em colocar caras que não rendem mais.
    Osvaldo, Ademílson, Paulo Miranda, etc

    • hahahhahahahahhah
      Eu tenho uma irmã de 9 anos, mas ela ja deixou de assistir essas coisas, graças a Deus. Ja basta o surto do patati e do patata e da galinha pintadinha.

  11. Assisti o jogo no Morumbi hj, Tolói jogouu demaiiiis, Ganso coitado não jogou nada, nem na bola pegou direito, Michel Bastos outro Monstro joga fácil ainda mais qnd joga no meio pela direita!

  12. Zanca, me tira uma dúvida. Existe alguma chance do SP vender o R. Caio mesmo ele machucado? E o Breno, vem msmo?

    E volta pra escuridão! Relembra os velhos tempos.
    Nunca fui de comentar muito, mas acompanho o blog desde os primórdios, acompanho seu trabalho e dos outros participantes do blog diariamente.

  13. se o discurso do muricy é mesmo de manter o time atual pro ano que vem e qualifica-lo com mais peças, entao o que eu acho:

    do time titular vamos perder:

    -r.ceni
    -kaka

    o kaka já tem sido substituido pelo m.bastos e a coisa tem dado certo….acredito que contratando um meia como o cleiton xavier a coisa estara bem encaminhada….teremos 3 boas opcoes para a posicao: m.bastos, c.xavier e boschilia

    r.ceni se aposentando….se a ideia é qualificar, o ideal, apesar de achar que deveria dar chance ao denis como titular no comeco do ano, seria ir atras do jefferson sim, que pela idade que tem poderia jogar tranquilamente uns 5 anos por aqui….

    no mais, o wesley pra disputar posicao com denilson e souza

    um bom zagueiro, pra elevar o nivel do sistema defensivo

    e um bom atacante velocista pra substituir o osvaldo, que esse ja deu, nao tem rendido mais, e poderia ser vendido pra tentar brilhar em outro lugar

    acho que com estas 5 contratacoes a coisa fica muito bem encaminhada pro ano que vem:

    -estrutura principal do time mantida
    -reforços pontuais para as poucas perdas
    -reforços pontuais para as carencias no elenco

    ainda mais se pouparmos os atletas do paulistinha,….melhor ainda…..chegaremos pra disputa do brasileirao em alto nivel

  14. Se esse time atual tivesse sido montado antes, certamente estaríamos à frente na tabela e já com a mão na taça. Perdemos o campeonato no 1.ª turno, onde nem conseguíamos entrar no G4.

  15. Na boa, até aceito que perder pontos para times pequenos foi uma falha enorme, agora, perder para a arbitragem, não tem fundamento… poderíamos estar a 2 pontos do Cruzeiro…

    Mas também, é complicado falar alguma coisa, essa filosofia implantada no São Paulo, de jogar até fazer 1 a 0 e depois ficar segurando, é uma das coisas mais imbecis que já vi no futebol

  16. Fábio
    17 de novembro de 2014 às 08:11
    Na boa, até aceito que perder pontos para times pequenos foi uma falha enorme, agora, perder para a arbitragem, não tem fundamento… poderíamos estar a 2 pontos do Cruzeiro…

    Mas também, é complicado falar alguma coisa, essa filosofia implantada no São Paulo, de jogar até fazer 1 a 0 e depois ficar segurando, é uma das coisas mais imbecis que já vi no futebol

    ———————————————————————————-

    Então torça para o São Paulo jogar nas fases eliminatórias da Libertadores, principalmente contra os brasileiros a 1ª fora e a 2ª em casa, pois o Muricy adora fazer 1×0 em casa e tomar sufoco lá fora, ou seja; Ser eliminado como aconteceu em algumas Libertadores, exemplos: 1×0 contra o Grêmio em 2007 no Morumbi, perda da vaga no jogo de volta, 1×0 contra o Fluminense em 2008 no Morumbi, perda da vaga no jogo de volta.

    • Também acredito, eu acho que o São Paulo já passou pelos jogos mais difíceis, e o Cruzeiro ganhando ou perdendo não está com essa bola, agora pegarão o Grêmio precisando da vitória, será diferente, pegarão o Chapecó precisando de uma vitória para escaparem do rebaixamento, pegarão o imprevisível Goiás e são fregueses do Fluminense.

      Tudo pode acontecer, está nas mãos deles, mas se ganharmos as 3 restantes torceremos por resultados normais e comuns, é diferente do quê ter que ganhar de 4 ou 5×0 e torcer para o outro time perder também de 4 ou 5×0, não são resultados improváveis ou surreal.

  17. Se o ETeimoso tivesse colocado o Michel Bastos no meio contra o Inter, talvez estaríamos mais vivos ainda na briga pelo título.

    São detalhes que todo mundo vê e só ele não vê, é uma falta de visão impressionante, o cara facilita para o inimigo, não tenta nada, não arrisca, não tem uma carta na manga.

    • Podia ter feito algo sim Vitão… Também penso dessa forma.

      O juiz falhou bisonhamente, falhou. Agora dava sim pra ter feito algo e buscado oxigenar o ataque no final do jogo pra buscarmos a vitória, pois era possível sim.

      Não adianta colocar Osvaldo e achar que o mesmo resolverá, pois hoje estamos vendo que não está. O certo seria ter colocado o Reinaldo e adiantado o Michel, como fez ontem. Mas são águas passadas já. Vamos acreditar nessas 4 últimas rodadas, 3 pra gente no caso.

  18. Acho que o SP deveria estudar a situação do Dudu que está no Grêmio e vem jogando muito bem. O empréstimo dele vai até dezembro/2014 e o Dínamo quer 6 milhões de Euros. De repente o Osvaldo poderia entrar nessa negociação

    • eu acho que o Ney Franco tentou essa contratacao – jogou com ele na selecao (com lucas e casa). bom jogador, marrento – daqueles que vao para cima do marcador

Deixe uma resposta