Análise BR14: Vitória 1×2 SPFC

Nesta tarde ensolarada de domingo , nosso Tricolor foi até a capital baiana encarar o Vitória. Com um time misto de titulares e reservas a expectativa era de trazer de volta a São Paulo os 3 pontos e continuar sonhando com o título do nacional.

O jogo começou movimentado e com muita marcação de ambas as equipes. Porém o primeiro grande lance de chute a gol foi do SPFC. E, em cobrança de falta de Osvaldo, Luis Fabiano saiu da marcação e marcou de cabeça. 1×0 TRICOLOR!

A frente no placar, o Tricolor soube se impor no jogo não dando muitos espaços ao rubro negro baiano, que perdido , deu muitas condições de ampliarmos o placar.

Mais para o final do primeiro tempo, o Vitória começou a chegar um pouco mais e levar perigo a nossa área. Porém, nossos zagueiros estiveram bem postados e impediram qualquer perigo maior. Além disso, participação especial do apitador que sequer marcou faltas claras a nosso favor. Bom , isso vem se tornando comum em jogos do Tricolor. Faltas, só contra nós!

E assim terminou o primeiro tempo. Destaque principal para Luis Fabiano que correu bastante, marcou, livrou-se de marcação e ainda fez o seu gol.

O segundo tempo começou com domínio total do Tricolor. Pelo menos duas chances claras de gol com menos de 5 minutos, desperdiçadas por Osvaldo e Ademilson. Uma pena.

Por volta dos 10 minutos, o Vitória quase marcou em dois lances impressionantes que foram lindamente defendidos por Rogério Ceni. Mas na sequência, Kadu aproveitou uma sobra e chutou de longe , marcando um golaço. A meu ver, dava para RC defender mas a falha maior não foi dele e sim da marcação.

Com a entrada de Michel Bastos o São Paulo conseguiu corrigir um pouco sua marcação , passando a levar mais perigo à área baiana mas ou faltava objetividade ou o goleiro defendia.

E então, aos  32 minutos, numa falha grotesca de Roger Carvalho, LF roubou e tocou para Kaká, que marcou e nos colocou à frente no jogo novamente. 2×1 Tricolor!

O SPFC continuou dominando mas sempre dava uma ou outra chance ao Vitória, que aos 46 minutos quase marcou mas foi parado com defesa (mais uma) espetacular de Rogério Ceni. E aos 48 o juiz apitou o final do jogo. Vitória importante, fora de casa e que nos coloca cada vez mais na briga pelo título. Ainda dependemos de falhas do Cruzeiro mas nossa parte fizemos.

Tem que ter fé. Eu tenho!

Avante meu Tricolor!

 

NOTAS 

Vitória 1×2 São Paulo

 

 Rogério –  Quase não foi incomodado pelo adversário no primeiro tempo, no segundo fez duas defesas extraordinárias em seguida.  NOTA – 8,0

Auro –  Bem, tanto ofensiva quanto defensivamente. Bons cruzamentos.  NOTA – 6,5

Lucão –  Teve uma bobeada no segundo tempo quando furou uma bola fácil, dando chance ao atacante adversário c=dominar e chutar, mas foi salvo pelo nosso goleiro que não deixou a bola entrar .   NOTA – 5,5

Edson Silva – Seguro. Teve boa  participação no comando da defesa tricolor.  NOTA – 7,0

Álvaro Pereira –  Precisa jogar mais para justificar sua condição de titular da seleção uruguaia.   NOTA – 6,5

Denílson – Fez a sua parte e sem erros.  Mandou uma bola na trave em boa participação no ataque.  No segundo tempo deu alguns passes errados, mas não comprometeu. NOTA – 7,0

Souza – Tomou conta do seu setor e ainda teve fôlego para participar de jogadas no ataque. Jogador com boa visão de jogo . NOTA – 7,5

Ganso – Visão de jogo impecável.  Boas articulações no meio do campo, colocando quase sempre o atacante em boas condições de arremate.  Evoluiu demais como jogador. NOTA –  8,5

Ademílson –  Jogo para ele mostrar seu futebol. Não aproveitou a oportunidade, mesmo frente a um adversário tecnicamente mais fraco.  NOTA – 4,5

Luis Fabiano – Boa participação. Não se limitou as jogadas de área, saiu para buscar o jogo e conseguiu bons lances.  Até deu assistência no gol do Kaka. Artilheiro.  NOTA – 7,5

Osvaldo – Algumas poucas boas jogadas no primeiro tempo, mas muito pouco para um jogador que um dia foi titular absoluto.  Péssimo nos cruzamentos e apático na maior parte do jogo.  Um segundo tempo ridículo.  NOTA – 4,5

Michel Bastos  –  Deu qualidade e opções ao time.  NOTA – 7,5

Kaka  –  Boa participação, belo gol.  NOTA –  8,5

Paulo Miranda – Pouco tempo em campo. Nem deu para comprometer .  Nota – Sem nota

 

Muricy Ramalho – O treinador pode não acreditar no “psicológico” para motivar seus jogadores, mas ao menos deveria colocar aos mesmos o quão importante são as vitórias. Muito da apatia do time em vários momentos de muitas partidas é motivado pela postura do treinador.

Não consegue fazer esse time jogar de forma consistente, convincente. Por mais fraco que seja o adversário, nem o mais eufórico torcedor pode apontar o time como favorito, já que o time não convence. NOTA –  4,5

 

Bola Cheia – As ausências do Sub e Vitão.

Os três pontos que são importantes para continuarmos na disputa e conseguirmos a participação na Libertadores.

 

 

Bola Murcha – Para a CBF que faz um time de ponta participar de uma verdadeira maratona em plena reta final de dois campeonatos.

Para a choradeira do Muricy que parece ser o perseguido do ano, como se as tabelas e os regulamentos fossem feitos para prejudicar apenas o SPFC.  Esquece-se o treinador que a desgastante viagem para o Equador só aconteceu porque o time foi desclassificado da Copa do Brasil pelo pífio Bragantino. Tivesse se classificado, as viagens seriam muito menos desgastantes.

Para o apagão que o time as vezes tem em campo, quando parece se importar pouco em ganhar, mesmo que a partida esteja fácil.

 

Análise: Kátia Firmino

Notas, BC e BM : Márcio Maciel

70 comentários

  1. Embora ainda possamos pensar em título, temos que avaliar nossas chances, reais, de libertadores.

    Abrimos 6 (seis) pontos para o sexto colocado (8 para o sétimo – Fluminense) e, temos um confronto direto com o Inter, vencendo, abrimos 9 do inter e 11 (podendo cair para 8) em relação ao Fluminense.

    Com Atlético e Cruzeiro entre os quatro primeiros, a quinta vaga também vale libertadores. Então, a vitória na quarta-feira será importantíssima, pois nos deixará muito bem pontuado faltando 4 (quatro) jogos.

  2. Qual Local no morumbi costumam ficar os visitantes? na Arquibancada Laranja? vou ir pela primeira vez no Clássico contra o Palmeiras e na hora que liberar a compra, qual local no estádio tem melhor visibilidade e não tem perigo com brigas?

  3. Boa noite,

    O inter vai vir mordido na quarta, e vai voltar com o rabinho no meio das penas.

    Parabéns ao comprometimento do Alexandre, só consegui ver a análise por ter recebido no email.

  4. As vitórias vão acontecendo e vamos acompanhando o líder no Brasileiro.

    Na Sulamericana estamos quase nas finais.

    Time voando?
    Não, na minha opinião está longe disso e os frutos dessas vitórias e essa boa condição nas tabelas vem muito mais da qualidade do futebol apresentado por alguns jogadores, vide Kaka, Ganso, A. Kardec, Michel Bastos, L. Fabiano (jogou muito hoje),Souza e eventualmente outros do que outros fatores, inclusive da parte técnica.

    Antes das críticas, das ofensas, das ironias tolas, digo que isso é apenas a minha opinião. Não há “pegação” de pé com o treinador e nem perseguição barata, apenas estou bastante desapontado e decepcionado com o seu trabalho, só isso.

    Para mim, se o técnico tivesse um pouco mais de lucidez, principalmente na disposição tática, nas escalações e sobretudo nas substituições, apresentasse aquilo que se espera de um treinador da sua qualidade, de um técnico top, estaríamos em muito melhores condições.

    Àqueles que acham que eu critico por criticar, sem critérios, eu digo que faço essas críticas porque eu espero muito mais do treinador e eu sei que ele tem potencial para fazer melhor. Só se espera alguma coisa de alguém que tenha a oferecer. Então eu não persigo, eu apenas estou decepcionado.

    Espero que ao lerem isso entendam o por que das notas ao treinador e ao menos respeitem a minha opinião, porque é apenas uma opinião.

    Vamos ser campeões? Espero e torço para que sim e se isso acontecer, eu ficarei feliz, evidente, mas eu continuarei afirmando que poderia ter sido muito mais fácil. Muito mais.

    Se não formos, paciência, já temos uma base e ano que vem estaremos muito melhor preparados, mas que alguns conceitos na cabeça do treinador precisam ser mudados. Duvido que aconteça, mas para termos melhor sorte, ele terá que repensar alguns (conceitos).

    • O que acho positivo que ele fez foi colocar nesse time uma outra mentalidade ao encarar as disputas (se bem que as vezes dá um apagão geral e eles parece que nem estão aí para o jogo) e fazer com que todos os jogadores em campo se dediquem a marcação. Hoje vimos o Ganso dando carrinho e isso é um fator positivo do que o Muricy implantou. Mas é pouco. Eu esperava muito mais.

      • Muito pouco.
        Reclama que não tem elenco, mas sempre usa os mesmos jogadores, nas mesmas posições.
        Não temos jogadas ensaiadas, não dá chance para jogadores com potencial como Auro, Boschila e Ewandro ou até mesmo não aprimora a tecnica deles..

  5. São Paulo conseguiu ganhar os dois jogos mais difíceis desta reta final pelas circunstâncias em que os adversários jogavam em casa e estavam desesperados para fugirem do rebaixamento.

    Não esperava tropeço do Cruzeiro contra Botafogo e Criciúma por considerar os jogos mais fáceis deles entre os 6 últimos.

    Devem tropeçar ao menos 3 vezes nos últimos 5 jogos, o time deles não é tudo isso, passou sufoco hoje e precisaram da ajuda do juiz.

    Sou muito mais São Paulo mesmo sabendo que não está fácil, jogaremos duas no Morumbi e se ganharmos com certeza encostaremos neles e colocaremos mais pressão ainda, temos que acreditar até o final.

  6. Do meio para a frente o São Paulo é muito técnico, está chegando fácil a área do adversário e não está aproveitando para liquidar o jogo fazendo mais gols, está faltando um pouco mais de objetividade e gana.

    Mais uma vez quando o jogo estava 1×0 deixamos de ampliar o placar por excesso de preciosismo, não podemos bobear neste tipo de jogo, tomar gol e colocar a vitória em risco, se capricharmos um pouco mais temos todas as condições de vencermos as 5 partidas restantes e ótimas chances de ser campeão se isso acontecer.

  7. Mais uma vez irritante a insistência com um esquema que não rendeu o ano todo, ainda mais com Osvaldo em péssima fase, e Ademilson que não tem o menor cacoete de ponta, não justificando a utilização do mesmo. SP achou um gol de bola parada e teve o contra ataque a disposição, e nem assim conseguiu matar o jogo pois quando a bola chegava nos “pontas”, a jogada morria. Aí o cara espera o time tomar o empate pra alterar o que todo mundo tava vendo de errado! Se não fosse a pixotada do zagueiro do vitória, estaríamos lamentando mais um tropeço contra times rebaixados.
    Destaque pro Ganso e M1to que jogaram muito hoje.

    • Se ele escalasse o Boschilia no lugar do Ademilson as chances de gols seriam maiores, nosso meio campo ficaria bem mais forte e o próprio Boschilia além de outros chegaria para concluir, até o Ewandro por ser um jogador veloz no lugar do Osvaldo poderia render mais, já que era pra poupar dava para arriscar com o Ewandro também, se não correspondesse era só trocar.

  8. Estava vendo os gols e os melhores lances do jogo.
    O Rogério fez duas defesas incríveis num mesmo lance. Defesas de puro reflexo, de um goleiro quarentão. E no gol do Vitória ele não teve culpa nenhuma, pois foi uma bola com uma curva incrível, que vinha no meio do gol e terminou quase na gaveta, sem chance nenhuma de defesa (opinião de quem já brincou no gol..rsrs). É muito bom saber que ele vai parar em plena forma, dando sua contribuição para o time brigar por títulos, ou por um final de temporada mais digna que nos últimos 05 anos.

  9. Gostaria muito de ver a escalação do São Paulo dessa maneira, quando todos os jogadores estivessem a disposição:

    Rogério
    Auro
    Toloi
    Edson Silva
    Alvaro Pereira
    Hudson
    Souza
    Michel Bastos
    Ganso
    Kaká
    Luis Fabiano/Kardec
    Pato
    ,
    Acho que esse meio de campo teria muito poder de armação e muita qualidade técnica, não perdendo poder de marcação, pois Kaká e Michel ajudam bastante na marcação e o Souza e o Hudson poderiam dar mais liberdade para os dois laterais, que tem muita qualidade no apoio.

  10. Pessoal,

    Sei que vou comprar uma briga imensa, mas o Ademilson apesar de não ser craque ele é muito melhor que o senhor Osvaldo, ele sempre oferece muito mais riscos para o adversário que o Osvaldo.

    Eu torço para o sucesso desse garoto que acredito que vai nos ajudar muito ainda.

  11. Bom dia galera,

    E eu pensava que o serviço da Locaweb fosse bom…..rs. Bom sobre o jogo de ontem, destaques para Ganso, Souza, Denilson, RC, LF e Kaká. Pior do time ontem foi o Ademilson que foi peça nula na partida.

    Agora é torcer pro Cruzeiro perder pontos fora e o Tricolor ganhar as partidas em casa pra ver o que acontece.

  12. ftricolor
    10 de novembro de 2014 às 07:42
    Esqueçam titulo, alem de vencer todas o SP precisa que o Cruzeiro perca pontos em 3 das 5 partidas, ou pelo menos 2 derrotas em 5

    —————————————————

    É difícil, mas são só 5 jogos.

    E agora o São Paulo não tem mais jogos complicados, jogos em gramados ruins, campos pequenos com pressão de torcida.

    Se continuarmos no páreo os 3 jogos no Morumbi serão com casa cheia, não é certeza de vitória, mas as chances são grandes.

    O jogo que seria o mais difícil será na Arena Pantanal contra o Santos, com certeza teremos mais torcida que eles, escapamos da Vila onde estamos zicados de uns tempos pra cá.

    Não precisa do Cruzeiro perder 2 ou 3 partidas, se empatarem 3 também dá, pode ser 2 empates e uma derrota.

    O único problema é o Santos desanimar e entregar para eles, mas aí é outra história, fazemos a nossa parte e vamos ver o que acontece, eu acho que eles empatam ou perdem para o Grêmio, e por incrível que pareça o jogo que eu tenho quase certeza que eles perdem(Pode ser que o empate sirva) é contra o Chapecó se o Chapecó tiver chances de escapar do rebaixamento.

  13. E não ponho a minha mão no fogo pelo Cruzeiro nos jogos contra Goiás e Fluminense no Mineirão.

    Goiás é imprevisível, quando pensam que vai perder aprontam e metem 2 ou 3 gols no contra ataque.

    Fluminense só não é mais asa negra do Cruzeiro do que o São Paulo, sempre apronta no Mineirão, já vi eles enfiarem 6×2 neles lá no Mineiroca.

  14. Achei um quesito em que o Osvaldo é bom:

    Falta em 2 lances com cruzamento na área, o gol do Luis Fabiano foi num cruzamento seu, o gol do Antonio Carlos contra o Cruzeiro no 1º turno também foi num cruzamento seu, o gol foi parecidíssimo com o de ontem.

    Também acho o Ademilson mais útil que o Osvaldo, mas ontem o Ademilson se superou, conseguiu ser pior que ele, aquele chute fraquinho foi um traque e não chute ao gol, e tinha 2 jogadores livres só esperando o passe para concluir, Sr. Capella deve ter caído do sofá naquele momento.

  15. Pessoal na boa, sinceramente não entendo porque vocês odeiam tanto o Muricy, colocando o cara como um péssimo técnico. Esqueçam um pouco do Telê, sem fazer comparações, depois dele o Muricy foi o melhor técnico que o SP teve e ainda assim não tem o reconhecimento da torcida, por isso concordo as vezes quando dizem que a torcida do SP não valoriza os ídolos.

    Pensem um pouco, qual técnico tiraria o SP do rebaixamento ano passado, cita só 1…

Deixe uma resposta