Análise: Flamengo 0x0 SÃO PAULO – Notas, BC/BM

analise

 

A expectativa…

No estádio que leva o nome de um dos maiores jogadores que o futebol mundial viu, o SÃO PAULO foi até Brasília enfrentar o Flamengo, que busca consolidar o bom momento depois da reestruturação com a chegada de Mano Menezes, demitido do comando da seleção da cbf. São times em momentos distintos, dada a relação imensa de problemas do tricolor, que só não era maior que a fé. Era hora de acreditar naquilo que impossível, para que o bêbado possa surrar o adversário.

… E a realidade!

1º Tempo

Jogando “em casa”, o Flamengo começou a partida tentando pressionar o SÃO PAULO. Com menos de dois minutos, Gabriel tentou chute pela direita da defesa, foi interceptado. A bola sobrou na entrada da área e Cáceres pegou a sobra, mas isolou a bola.

O Flamengo, mais organizado, adiantava a marcação e criava problemas na saída de bola do SÃO PAULO, que tentava articular melhor as jogadas no meio-campo com GANSO e JADSON na armação. Aos 6 minutos, RODRIGO CAIO fez bom lançamento para ALOÍSIO na direita. O centroavante chegou à linha de fundo e cruzou. Felipe tentou a defesa, mas jogou a bola nas redes. Seria gol. Seria, não fosse o fato de a bola ter saído pela linha de fundo antes do cruzamento de ALOÍSIO. Dois minutos mais tarde, lance parecido. ALOÍSIO desta vez chegou antes da bola sair e cruzou com força, mas por cima do gol de Felipe, que só acompanhou.

E o time carioca chegava. Principalmente com Elias, que foi parado com falta aos 10. Na cobrança, a bola foi alçada na área e passou por todo mundo.

GANSO e JADSON estavam muito marcados, mas mesmo assim a bola começava a chegar. Como aos 13 minutos. GANSO, no meio campo, fez lançamento primoroso para OSVALDO, dentro da área, dominar no peito, virar e chutar fraco, rasteiro, facilitando a vida de Felipe.

Apesar de não estar mal no jogo, o SÃO PAULO apresentava as mesmas falhas de posicionamento defensivo dos outros jogos, dava muitos espaços ao adversário, que quando roubava a bola no meio campo, criava perigo. Como aos 14, quando Elias desarmou JADSON e puxou contra-ataque. André Santos recebeu pela esquerda, foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro, forte. A bola passou por todo mundo, com muito perigo, à frente de ROGÉRIO CENI.

Lance parecido ocorreu aos 16. Bola alçada da esquerda para a direita e Nixon ganhou de todos por cima e testou no chão, porém sem muita força, no canto esquerdo de ROGÉRIO CENI, que mergulhou para fazer a defesa.

O SÃO PAULO dava espaços demais, principalmente no meio-campo… E o Flamengo aproveitava para jogar, não deixando o SÃO PAULO sequer ficar com a bola. Aos 21, nova jogada pela direita da defesa, Gonzalez fez o cruzamento rasteiro e, de novo, a bola passou por todo mundo, na cara de ROGÉRIO CENI. O SÃO PAULO tinha muitos problemas para conter o ímpeto ofensivo do Flamengo, principalmente pelo lado direito da defesa.

O SÃO PAULO era um time assustado, em que os volantes assistiam o adversário jogar. FABRÍCIO e WELLINGTON não conseguiam encaixar a marcação, tanto que GANSO (???) em determinadas situações voltava para desarmar, tamanho o desarranjo em campo.

Aos 24, JADSON fez falta em Luiz Antônio na esquerda da defesa tricolor. André Santos cruzou na área e Hernane cabeceou no chão, para defesa de ROGÉRI CENI. A verdade era que o Flamengo sobrava em campo, e o SÃO PAULO faltava. No minuto seguinte, novo ataque do Flamengo, a bola sobrou parta Gabriel, pela direita da defesa, que soltou uma tijolada de fora da área, passando com perigo por cima do gol de ROGÉRIO CENI.

E o pouco que o SÃO PAULO tentava, dava errado. Estava muito, muito difícil. Não fosse o SÃO PAULO o clube da fé, era possível dizer que o gol do Flamengo era questão de tempo. Depois do começo razoável, o tricolor sumiu em campo. A falta de confiança era evidente. Mas aos 30 minutos, um oásis no deserto: JADSON cobrou falta da direita e mandou na área. ALOÍSIO, com a mão, marcou. O apitador, corretamente anulou. É ALOÍSIO deveria parar com essa bobagem de usar da malandragem para levar vantagem. Ou, em pouco tempo, o SÃO PAULO terá dois centroavantes marcados pela arbitragem. Se é que já não tem.

Aos 32, REINALDO foi acionado pela esquerda e fez o cruzamento. ALOÍSIO desviou no primeiro pau, com os pés, e a bola foi à rede, só que do lado de fora. Logo que efetuou o cruzamento, REINALDO recebeu entrada criminosa de Nixon, que voou com os dois pés sobre o seu tornozelo esquerdo. Jogada para expulsão, que o apitador nem falta, tampouco cartão amarelo, anotou. É…

O SÃO PAULO melhorava um pouco na partida, GANSO chamava a responsabilidade, mas a falta de opções em campo parecia acorrentar o seu jogo. Mas os espaços dados ao adversário, problema crônico do time, permaneciam. Aos 41, o Flamengo foi tocando, tocando… E chegou à linha de fundo pela esquerda da defesa do SÃO PAULO. Nixon fez o cruzamento para o meio da área e RODRIGO CAIO, bem posicionado, fez o corte para escanteio. Na cobrança, Hernane tocou de cabeça, por cima do gol.

E Nixon seguia dando trabalho. Aos 44 minutos, pela esquerda da defesa, o bom jogador do Flamengo foi para cima de DOUGLAS e, na linha de fundo, cruzou forte, mas nas mãos de ROGÉRIO CENI. Aos 46, o apitador colocou fim ao primeiro tempo. Apesar do bom começo, o SÃO PAULO não conseguiu encaixar a marcação no meio-campo e deu muitos espaços ao Flamengo, que foi superior e poderia ter saído da primeira etapa com vantagem no placar. GANSO e JADSON tentaram armar, mas bem marcados não puderam fazer muito, apesar de serem os responsáveis pelas poucas chances criadas da equipe. O SÃO PAULO, apesar do esforço, da luta, sofria demais com o peso do momento, com a falta de confiança e com a desorganização da equipe, que não “dá liga” de forma alguma.

 2º Tempo

O SÃO PAULO veio sem alterações para o segundo tempo.

Com mais toque de bola e um pouco mais de calma, o SÃO PAULO recomeçou melhor. Logo aos 2 minutos, ALOÍSIO foi caçado por trás. Gonzalez pisou na sua panturrilha, por trás. Falta desleal. E o cartão? Nada. Bola alçada na área por GANSO e Felipe afastou de soco.

Apesar de o jogo ficar mais truncado e concentrado no meio-campo, o SÃO PAULO dava mostras de volta mais aceso. Aos 6, OSVALDO partiu para cima da marcação pela direita, cortou para o meio e foi derrubado próximo da grande área. Falta, que o apitador não anotou.

O Flamengo quis assustar pela primeira vez aos 10. Paulinho, que acabou de entrar, fez boa jogada pela direita da defesa do SÃO PAULO e passou para João Paulo, que cruzou para atrás, visando o mesmo Paulinho, que recebeu e, desequilibrado, tentou finalizar de primeira e mandou a bola na arquibancada.

Aos 11, PAULO AUTUORI tirou OSVALDO e colocou LUCAS EVANGELISTA. E logo na primeira jogada o meia tricolor arrancou pela esquerda e foi parado com falta. Na cobrança, JADSON mandou a bola na área, mas Felipe, seguro, saltou e ficou com a bola.

Embora o segundo tempo fosse muito mais truncado que o primeiro, o SÃO PAULO, ao menos até os 14 minutos, jogava melhor. Contudo, não conseguia criar situações claras de gol. WELLINTGON e FABRÍCIO começavam a se entender na marcação, com destaque para o camisa 5, que ligado no jogo, era um dos que mais desarmava.

Aos 18 minutos, em cobrança de escanteio, o Flamengo não somente quis como de fato assustou. Bola no meio da área do SÃO PAULO pouco à frente da pequena área. Hernane cabeceou e a bola passou perto da trave direita de ROGÉRIO CENI. E, assim como fez no primeiro tempo, já começava a ter o controle do jogo, principalmente porque o SÃO PAULO errava passes demais, não tinha saída de bola, o jogo tricolor era só chutão para frente… Fé, mais que tudo, fé.

Porque o Flamengo se insurgia perante o domínio tricolor no segundo tempo. Aos 22, jogada rápida do Flamengo pela esquerda da defesa tricolor e a bola sobrou para André Santos avançar e dentro da área finalizar por cima do gol de ROGÉRIO.

AUTUORI tirou ALOÍSIO e mandou ADEMÍLSON para o jogo, aos 22 minutos. E aos 24 o pequenino fez boa jogada pela direita do ataque mas errou o passe final, interceptado pela zaga. No minuto seguinte, boa troca de passes do SÃO PAULO na intermediária do Flamengo, GANSO deixou ADEMÍLSON cara-a-cara com Felipe. O atacante tricolor tentou tocar por baixo, mas o goleiro defendeu.

WELLINGTON, uma grata surpresa no segundo tempo. Ligado, era o que mais desarmava. E também aparecia no ataque. Aos 27, recebeu bola na esquerda, tocou entre as pernas do marcador, invadiu a área e finalizou rasteiro, nas mãos do goleiro Felipe que colocou para escanteio.

ADEMÍLSON colocou fogo no jogo. E o SÃO PAULO cresceu com ele. Aos 28, o pequenino recebeu bola de GANSO e num toque de primeira clareou o jogo para JADSON, que invadiu a área rubro-negra com velocidade, tentou o drible mas foi desarmado por André Santos.

Aos 33, o SÃO PAULO veio de novo. Em rápida troca de passes, JADSON recebeu triangulação e passou para ADEMÍLSON, que vinha de trás e sairia na cara de Felipe, mas o apitador anotou impedimento, alegando que JADSON estava adiantado. Não estava. No máximo, na mesma linha. Mas…

E, aos 34, a melhor chance do jogo para o SÃO PAULO. GANSO recebeu na direita e clareou o jogo para JADSON próximo a grande área. O 10 passou para ADEMÍLSON na entrada da grande área. O pequenino deu um corte na marcação, passou como quis por ela e saiu, sozinho, na cara de Felipe. Mas, por azar, incompetência, pela fase ou o raio que o parta, mandou por cima do gol! Era um daqueles gols imperdíveis! Triste demais!

O Flamengo não conseguia mais jogar. Era, naquele momento, o SÃO PAULO que sobrava. Aos 38, ADEMÍLSON foi acionado pela direita, foi à linha de fundo e cruzou rasante, por cima, com muito perigo. A defesa do Flamengo, providencial, desviou e evitou o gol do SÃO PAULO.

Aos 39, AUTUORI mandou MAICON no lugar de FABRÍCIO, que cansou.

E o Flamengo voltou a assustar: aos 40, depois de cruzamento pela direita da defesa tricolor, Adryan tocou de cabeça, para fora.

Então o fio de esperança. Aos 41, depois de bola cruzada na área, LUCAS EVANGELISTA foi empurrado dentro da área. Pênalti. Mas a fase não ajuda… Tudo dá errado… Não há mais o que dizer, não há mais nada a ser escrito: JADSON foi para a bola e chutou nas mãos de Felipe. O time está, profundamente amedrontado, perturbado… Uma tristeza sem fim! Só nos resta a fé, mesmo…

Mas o SÃO PAULO lutava bravamente contra tudo isso. Era o que podia ser feito. LUCAS EVANGELISTA invadiu a área aos 44, pela esquerda e bateu forte, rasteiro, mas nas mãos de Felipe.

O Flamengo era um arremedo de time no segundo tempo, o SÃO PAULO jogava mais, muito mais, mas o imponderável parecia querer o sofrimento tricolor. Inacreditável… Era uma derrota por 0x0! E uma derrota doída demais!

Até que, aos 48, o apitador colocou fim ao jogo, mas não ao sofrimento do SÃO PAULO, que atinge a marca de 12 jogos sem vencer. O SÃO PAULO tem um sério problema de confiança. Pior no primeiro tempo, superior no segundo, muito superior. No todo, talvez até tenha sido melhor no jogo. Mas, se a bola não entrou nada disso adiantou.

Fé! Porque neste momento, ela é a única que sobrevive!

Por: Paulo Martins

NOTAS

ROGÉRIO CENI: Boas defesas no primeiro tempo. 6

DOUGLAS: No primeiro tempo, sofreu demais com as subidas de Nixon. No segundo, melhorou a marcação pelo setor. 5

TOLÓI: Bem no jogo, apesar do sufoco no primeiro tempo, não sucumbiu. 6

RODRIGO CAIO: Improvisado na zaga, vem dando conta do recado. No mesmo nível de seu companheiro. 6

REINALDO: Faz o simples e essa é a sua melhor qualidade. Apesar de ter sofrido bastante no primeiro tempo, no segundo subiu de produção e fechou o setor. 5

WELLINGTON: Apesar do primeiro tempo não ter sido muito bom, pode se dizer que foi ou dos melhores da partida. Que seja um recomeço. Quase marcou um golaço. 7

FABRÍCIO: Assim como WELLINGTON, se acertou no segundo tempo, não dando chances ao meio-campo do Flamengo. 6

JADSON: Era, junto com GANSO, uma das válvulas de escape do time para sair para o jogo. No primeiro tempo, não conseguiu produzir muito. No segundo, fez a bola andar e cresceu com o time. Mas desperdiçou uma bola crucial, a do pênalti, que poderia ser o início da redenção do time no torneio. Imperdoável? Talvez. Mas é difícil dizer se outro jogador, nessa fase terrível que enfrentamos, teria condições de marcar aquele pênalti. 4

GANSO: Jogou relativamente bem. Creio que, assim como JADSON, seu futebol seja limitado pela falta de movimentação inteligente dos atacantes do time. E, também, pelo péssimo momento do time. Hoje, deu bons passes e chamou a responsabilidade. 6

OSVALDO: Fez algumas jogadas no primeiro tempo, mas está longe, muito longe de ser o jogador que já foi. 3

ALOÍSIO: Lutador, dá muito mais do que tem. Mas precisa tomar cuidado com a malandragem, ou ficará marcado pela arbitragem, assim como LUÍS FABIANO. Porém, ainda é pouco, muito pouco para o que precisamos no momento. 5

[LUCAS EVANGELISTA]: Sua entrada ajudou o time a crescer no segundo tempo. Sofreu o pênalti e quase marcou, na jogada seguinte à cobrança. 6

[ADEMÍLSON]: Um dos maiores responsáveis pelo “acendimento” do time no segundo tempo. Rápido e insinuante, merecia melhor sorte. Só temo que fique marcado como o “artilheiro dos gols imperdíveis”. 7

[MAICON]: Entrou no fim para melhorar a saída de bola do time. Ajudou a pressionar e acuar o Flamengo, que não jogou no segundo tempo. 4

PAULO AUTUORI: No primeiro tempo, sofreu para ajustar o posicionamento do time, principalmente quanto à marcação do meio-campo do Flamengo. No segundo tempo, mesmo sem alterar o time, já fez com que a equipe crescesse no jogo. Com as alterações, sacramentou a superioridade e não fosse tudo o que está acontecendo, poderia ter sido decisivo para o time ter vencido o jogo.

Por: Paulo Martins

 

Bola+Cheia+Bola+Murcha

BOLA CHEIA

  • O segundo tempo do time;

BOLA MURCHA

  • A má-fase, o azar, a monumental falta de confiança, malditos sejam;
  • O primeiro tempo;
  • O pênalti perdido.

Por: Paulo Martins

94 comentários

  1. Eu não vejo o SP muito melhor no segundo tempo. No mínimo o Fla caiu absurdamente de rendimento. Várias vezes os caras nao tinham folego pra voltar e marcar e sobrava pro SP. Aí, nessa dádiva de situação, o Jadson, totalmente irresponsável, me manda na mão do Felipe.
    E pior, o RC fugir da responsabilidade. Se trocou o batedor que tivesse saído na imprensa antes do jogo. Agora a vão malhar em cima com razão e vai ser mais uma bomba pra segurar no vestiário.
    Que situação. Caminhamos para um ciclo tão vitorioso que parece acabar da forma mais melancólica possível.
    O SP só não é um bebado porque não tem cérebro. O Jadson parece não pensar, o RC idem, a direção idem… Oferecer uma bala pra um Goleiro na situação que vivemos??? A diretoria já desistiu e tá pensando em 2014 na série B?

    • Meu caro, o Fla caiu de rendimento, apenas. Dizer que caiu “absurdamente” de rendimento talvez conote que o time carioca estava dando um baile no SP, o que não aconteceu. Jogou melhor, apenas. Criou mais no primeiro tempo. Mas é um time limitadíssimo. Acho que hoje os papéis se inverteram na realidade atual da duas equipes e quem não aproveitou a situacao foi o Sao Paulo. Quanto ao pênalti, fatalidade. Nada de polêmico.

  2. Para mim o Jadson não jogou tão mal assim, como vi em alguns comentários acima, vi um cara se esforçando e tentando armar uma equipe desarrumada em certos momentos, LÓGICO que fiquei muito descontente com o Penal que ele perdeu, mais futebol é assim mesmo, a zica ta grande, prefiro em vez de ver a falha e crucificá-lo pelo erro, ver a personalidade dele em ir bater um penal naquele momento do jogo.

    • Eu prefria que ele tivesse enfiado uma bomba e errado do que fazer o que fez. Basta pensar, a situação é horrível, o gol diminui, o goleiro cresce, enfia a porrada no meio po. Não tem que inventar, faz o simples. Mas não o crucifico! Ele só é reflexo da situação que vivemos.

  3. Agora, é nos momentos mais difíceis que a gente percebe quanto ama esse negócio de futebol. Faz tempo que não sinto tanta emoção durante um jogo, pro bem e pro mal.

  4. proximo jogo…de acordo com os ultimos jogos
    _____________rc______________
    dougl___toloi__pmiranda___reinaldo
    _____rcaio___fabricio____________
    _____ganso____lucas evangelista__
    ___aloisio_____ademilson_________

    • Aloísio não dá… nem Fabrício… Well e Luis Fabiano… ainda prefiro manter o Jadson no lugar do Lucas Evangelista que vem bem, ótima opção de banco, por enquanto…

  5. Tudo bem que chorei quando Jadson perdeu o pênalti, mas não vou dar o braço a torcer.
    Sou totalmente a favor de um trabalho de isolamento dos jogadores, sem eles terem contato com mídia alguma, sem contato algum com comentários de torcedores (incluindo os meus), e se fechando nos trabalhos de aprimoramento nos fundamentos, em penalidades máximas, motivação e trabalho em grupo.
    Eu acredito piamente que é possível sair dessa. Tenho certeza absoluta que o time tem um potencial muito acima para poder mostrar em campo cada vez mais. Mostrou um pouco hoje. É só continuar assim. É outro campeonato, é outra história que começa agora. E vai ter um final muito feliz.
    Superação!
    E vai sair dessa!

  6. Criticar o RC por não ter batido o penalti é uma beleza. Se ele bate e erra iriam reclamar que ele se acha dono do time e tem que largar o osso.
    E desde quando opção por batedor de penalti tem que ser anunciada previamente via imprensa para os adversários?
    É cada uma…

    • Vocês viram o post do cosme rimoli falando que o Rogério era egoista e o SP perdeu da portuguesa pelo egoismo dele.

      Quero ver o que ele vai falar agora.

      • Cara, ele é tão ridiculo que me fez comentar.

        Contra a Portuguesa e Baiern, o Rogério era o Batedor oficial, bateu e perdeu simples assim.
        Sem politicagem, ou satanizacao nem nada.
        Agora contra o Fla, o Rogério não era mais o batedor oficial e não bateu.
        Simpels também.
        mas a vontade de ter ibope é tanta.

        Esse cosme é um cara que eu realmente odeio.

      • A própria torcida tem culpa por dar ibope para esse tipo de gente.

        Mas com certeza daqui a pouco irão falar que ele foi covarde e que tinha que chamar a responsabilidade e bater. Ai se erra ele devia ter deixado outro bater e que é egoísta.

    • Que diferença faz o adversário saber quem vai bater?
      Espera pra ver como vão malhar em cima disso. Dar arma pra imprensa num momento desses é que é esperteza…

  7. Paulo, parabéns pela excelente análise, como sempre!

    Não lembro que falou aqui outro dia, mas repito : Sua análise merece um time a altura da qualidade e da lucidez com que escreve. Abraço

  8. Leonardo disse:
    18 de agosto de 2013 às 18:27 (Editar)
    Vocês viram o post do cosme rimoli falando que o Rogério era egoista e o SP perdeu da portuguesa pelo egoismo dele.

    Quero ver o que ele vai falar agora.

    —————————————

    Eu não quero nem ver o que ele vai escrever e, sem querer ser chato, acho que o melhor que você faz é não dar moral para o que esse estrume de gente pensa, escreve, faz.
    Se já tem como hábito visitar a página dele, coisa que até um tempo atrás eu fazia, vai começando a ignorar, a rir da inveja que ele sente, tirar sarro, etc. Daqui a pouco você nem vai lembrar que existe aquilo lá.
    Blogs/sites que não vejo mais:
    Rímoli, Kfouri, globoesporte.com, Neto…
    A gente vai ficando mais tranquilo depois que anula essas coisas da vida.
    rs

  9. Mais uma vez o São Paulo jogando só no segundo tempo, temos que arrumar isso, melhorar nosso primeiro tempo… Aloísio não dá, Fabrício está tendo a sequência que sempre quis, mas está errando passes demais… Ademilson jogou muito hoje, assim como no jogo anterior… gostaria dele sempre como opção para incendiar o jogo no segundo tempo, mas como não temos muitas opções, merece ser titular… Well jogou muuito no segundo tempo, esperança… time para o próximo jogo: RC, Douglas, Tolói, Antonio Carlos, Reinaldo, Well, Rodrigo Caio, Jadson, Ganso, Ademilson, Luis Fabiano…

    • É um sentimento estranho, não me decepciono mais quando perdem gols, nem quando perdem pênalti… quando faz gol já nem comemoro mais… esquisito…

      • O meu sentimento não é muito assim. Eu fico apreensivo, preocupado…
        Preciso parar de ficar assim, mas os últimos pênaltis batidos foram muito ruins.
        Só que, quando faz gol eu comemoro como louco, grito até perder a voz e passo vergonha na vizinhança.
        rsrsrs

    • kkk, vc tá muito melhor que eu… fazia isso antes, agora fico com medo, um sentimento de que a qualquer momento tomaremos um gol… uma zica, como se até um chute de longe irá bater no juiz e entrar no gol…

  10. Boa noite galera…

    Gostei do time hoje. Parece que o preparo físico do time vem melhorando a cada jogo. Wellinton fez sua melhor partida no ano. E Rodrigo Caio vem jogando muito na defesa.

  11. Noite.
    Ceni disse que já estava definido que o Jadson iria bater o pênalti (caso houvesse). Acabou a polemica aqui já.

    Ademilson jogou muito hoje, já falei com outros usuários aqui, ele ainda é verde e com a bagagem ele pode melhorar e muito.

    Jadson jogou bem, no primeiro tempo ele estava isolado na faixa de campo, quando o Autuori mudou, as melhores chances vieram de passes deles.

    Ganso jogou bem, e ele tem que jogar mais.

    Rodrigo Caio jogou muito também e assim com o Reinaldo jogou muito bem.

    Wellington melhorou no segundo tempo, e espero que o time comece a engrenar pra valer.

  12. “São nesses pequenos gestos, quando Rogerio Ceni deixa de assumir algumas responsabilidades, como a cobrança da penalidade, que se nota, realmente, o quanto a situação do São Paulo é difícil.”
    Já começou. Do Paulinho. 7 anos de administração, Morumbi, Copa do Mundo, C13, direitos de transmissão e ninguém no SP ainda não percebeu o poder da imprensa?

    • ou seja, nunca está bom… se cobra o penalty falam q é fominha, se não cobra, fugiu da responsabilidade! Se ajuda o Autuori dando conselhos, falam que é o técnico do time, agora quando é o Seedorf no Botafogo é bacana… imprensa marrom é um câncer

  13. ainda bem que podemos selecionar o que queremos assistir ou ler… qdo vem esses oportunistas de plantão falar asneiras simplesmente desligo a TV ou nem leio notícia

  14. Eu vou no Morumbi contra o Fluminense e sair rouco. É isso que posso fazer pelo time. Ficar procurando culpados é absolutamente contraproducente.

  15. Leandro disse:
    18 de agosto de 2013 às 18:29 (Editar)

    Paulo, parabéns pela excelente análise, como sempre!

    Não lembro que falou aqui outro dia, mas repito : Sua análise merece um time a altura da qualidade e da lucidez com que escreve. Abraço

    ==========================================================

    Obrigado por prestigiar, caro amigo Leandro!

    Nunca é fácil escrever, mas atualmente a situação está extremamente difícil, porque aqui precisa escrever o dedo do analista, não o coração do torcedor.

    Em alguns momentos fico parado em frente ao computador sem saber o que escrever, olhando para o nada… Tá lôco!

    Confesso que, como o amigo Sub, chorei quando o JADSON chutou aquela bola nas mãos do Felipe, E doeu mais ainda por ver o escárnio dos rivais, que pipocaram de rojões o céu do “condado”. Incrível como nos odeiam, incrível como se incomodam com o SÃO PAULO…

    Enfim, não nos resta muito mais do que acreditar, ter fé.

    Valei-me, SÃO PAULO!

  16. Nao ganhamos, mas, ao menos, jogamos bem, especialmente no segundo tempo. À exceçao dos dois atacantes, Osvaldo e Aloisio, os jogadores se apresentaram relativamente bem. Ganso parece que volta a ser aquele jogador inteligente, com bons passes, e o Ademilson começa a mostrar que nao é só promessa. Vamos aguardar o que acontece com eles a seguir. O Jadson nao vinha bem, mas, mais à frente, melhorou, embora tivesse a infelicidade do penalti. L Evangelista, acho que pode entrar desde o começo. Começaria os jogos assim: Ceni, Douglas, Toloi, R. Caio (Antonio Carlos) e Reinaldo; Wellington, Fabricio (R Caio), Lucas Evangelista e Ganso; Jadson e Luis Fabiano (Ademilson). Mas o importante é que ha luz no fim do tunel, e acho que vamos sair dessa.

  17. O FLU vem jogando muito mal, ontem o Naútico dominou boa parte do jogo, na verdade foi uma pelada e o FLU achou um gol! Domingo começa a virada! Vamos acreditar! Time merece o apoio do torcedor pela luta de hoje, se não fosse a atual fase o SP teríamos feito pelo menos 2 gols no 2° tempo! Uma hora essa vitória vai chegar! Domingo é mais que final de campeonato! Tem que colocar pelo menos 40 mil no Morumbi!

  18. Temos que parar de achar que o São Paulo tem obrigação de dar satisfação de tudo o que faz, aliás é isso que vem atrapalhando muito a gente… Autuori deve ter conversado com Rogério e o mesmo deve ter dito que não está se sentindo confiante e ponto final…

    Fabrício temos que ter mais paciência com ele, mas foi mal hoje, única coisa que discordei dos comentários do Paulo… e talvez daria uma notinha um pouco maior pro Ademilson porque foi ele quem incendiou o jogo, ele melhorou o futebol do Jadson que vem errando muitos passes também… o gol perdido não podemos levar em conta, o São Paulo está uma panela de pressão e o Ademilson ainda é muito novo…

  19. Com resultados de momento, 6 pontos atrás da zona de rebaixamento (5, mas com número menor de vitórias, ou seja, 6 pontos para sair).
    🙁

    • Nem sabia que ele tinha ido para lá, bom, já sabemos da fórmula, nunca jogar na Arena Barueri quando enfrentarmos o Atlético-MG.

    • se ao chegarmos a 20 pontos com 19 jogos estará ótimo! Completaremos 20 jogos contra a Ponte. Fazendo a lição de casa (Fluminense, Criciúma e Ponte) além de beliscar quem sabe um ponto fora já atingiremos essa marca.
      aí o time espanta a urucubaca e inicia forte o returno precisando teoricamente de 25 pts pra se livrar da queda. Acho quase impossível fazer um returno tão ruim qto o turno

  20. Time todo jogou muito bem no segundo tempo, Wellington fez sua melhor partida no ano, facilmente, coincidência ou não após a diretoria definir que não irá sair. Fiquei feliz com a entrega do time, nessa hora importante pontuar, time chegará mais confiante no Domingo e espero um Morumbi apoiando, torcida do Tricolor deu show hoje!

  21. Para quem está interessado, este são os próximos jogos do SÃO PAULO, até o final do campeonato.

    16a São Paulo x Fluminense Morumbi
    17a Botafogo x São Paulo A Definir A Definir
    18a São Paulo x Criciúma Morumbi
    19a Coritiba x São Paulo Couto Pereira Curitiba
    20a São Paulo x Ponte Preta A Definir A Definir
    21a Vasco x São Paulo A Definir A Definir
    22a São Paulo x Atlético-MG A Definir A Definir
    23a Goiás x São Paulo A Definir A Definir
    24a São Paulo x Grêmio A Definir A Definir
    25a Santos x São Paulo A Definir A Definir
    26a São Paulo x Vitória A Definir A Definir
    27a Cruzeiro x São Paulo A Definir A Definir
    28a São Paulo x Corinthians A Definir A Definir
    29a São Paulo x Náutico A Definir A Definir
    30a Bahia x São Paulo A Definir A Definir
    31a Internacional x São Paulo A Definir A Definir
    32a São Paulo x Portuguesa A Definir A Definir
    33a Atlético-PR x São Paulo A Definir A Definir
    34a São Paulo x Flamengo A Definir A Definir
    35a Fluminense x São Paulo A Definir A Definir
    36a São Paulo x Botafogo A Definir A Definir
    37a Criciúma x São Paulo A Definir A Definir
    38a São Paulo x Coritiba A Definir A Definir

  22. E claro, sem palavras pra mais uma vez elogiar a análise!
    Parabéns, Paulo!!!
    Só pude ler agora, porque, sabe… vida de solteiro morando sozinho é dose. uma hora tem que limpar a casa. Hoje comecei a fazer a faxina e parei pra ver o jogo. Faltou o banheiro, que acabei de concluir.
    rsrs

    • Obrigado, meu amigo Sub… Agradeço demais a sua presença aqui, prestigiando a análise!

      Pois saiba que a vida de casado, hoje, não é muito diferente. Lady e eu dividimos literalmente tudo, até a faxina. Não tem jeito, são as agruras da vida moderna.

      Abração!

      • Mas, convenhamos.. dividir é melhor que fazer sozinho.
        hahahahahahah
        Lembro-me que já dividi as tarefas e era muito sussa.
        Mas, também tenho que considerar.. agora vivo bem melhor e é bem mais preferível fazer sozinho do que mal acompanhado.
        hahahahahahahah
        Mas, não vá abusar da Lady, meu velho! Faça a maior parte dos afazeres! Mulher tem que ficar mais tranquila que o homem nesse assunto.

  23. Acabei de chegar do jogo! Infelizmente perdemos muitas chances, principalmente no primeiro tempo. Mas é isso aí. O time jogou razoavelmente bem no segundo tempo. Falta mesmo é cabeça para o time.
    A maior torcida aqui do DF é a do Flamengo, mas pelo menos no estádio estava praticamente meio a meio. Mas em termo de apoio, a do SPFC foi muito melhor. Mal se ouvia a torcida do Flamengo. O apoio foi grande e até o fim. Com o penalti perdido, a torcida parecia não acreditar! A bola não entra! Mas vamos sair dessa!

    • Também achei que o apoio nosso estava maior.
      Ouvia muito mais os gritos a favor do São Paulo, mesmo que o gagá do Luciano do Valle insistisse em dizer que era da torcida do Flamengo.
      Ouvia-se claramente nossa torcida mais envolvida com o jogo. Apoio está tendo e o time parece estar sentindo isso.
      Mais uma vez abordo esse fator. Não se pode dar somente ouvidos à imprensa. Não se pode valorizar mais o que dizem do que o que sentimos e sabemos que não é verdade.

      Obs.: A qualidade da bandeirantes é tanta que não é de hoje, nem de ontem, nem do ano passado que temos um completo incapaz narrando o jogo (Luciano do Valle) a confundir incansavelmente os nomes de jogadores, times, países, técnicos… Daqui a pouco ele estará chamando a bola de trave e futebol de missa.

      Pobre Rodrigo Caio, que foi chamado de Rafael Caio, Renato Caio, Roberto Caio, Reginaldo caio, Estanislau Caio, Florisberto Caio… menos de Rodrigo.

  24. Com uma semana inteira de treinos eu acredito que a oscilação entre um tempo e outro deve diminuir e muito.

    Li que amanha já teremos treinos e vamos com força, a série acaba domingo. Por fim, gostei da equipe que terminou o jogo.

    Não esta ideal, o nivel ainda é baixo, mas, acredito que o Brasileiro desse ano esta nivelado por baixo …

  25. A equipe melhorou quando os setores se compactaram … Volantes apareceram e o Ademilson se mexeu …

    Para que Ganso e Jadson possam jogar, não da para o Aloisio só pensar em trombada e nem o Osvaldo sumir como ocorreu mais uma vez.

  26. Acho que Rogério e o Jadson eles dão muito na cara o canto que vão bater o penalti. Sem falar que a maioria dos penaltis que eles batem é sempre no canto esquerdo do goleiro.

  27. Time ficou meio paralisado em parte do primeiro tempo com Aloisio e Oswaldo pessimos e Jadson perdendo bolas boas atras. Melhoramos de produção no segundo tempo e não vale dizer que foi pq o Flamengo caiu de produção fisicamente…

    Alias, além da evolução tatica e tecnica, temos uma evolução na parte fisica tb. Eramos um time de inicio de temporada enquanto os outros já estavam no meio da temporada, isso graças ao tal do Alexandre Lopes, Ney Franco e diretoria.

    A vitoria hj esteve bem perto e o SPFC tem que sempre lutar por ela, mas ao menos estamos somando pontos. E vejo boas perspectivas para o time. Vamos sair dessa.

  28. Jàdson é bom jogador, mas vai me desculpar, na fase em que estamos não pode bater um pênalti desse jeito. Tem que mandar uma bica, arrebentar, afundar o goleiro no gol. Com raiva mesmo. Se pegar, pelo menos machuca ele com a força do chute.
    Apesar de pecar nas finalizações, Ademilson está melhor que os que vem sendo titulares e acho que merece uma chance de começar jogando.
    No mais, o time vem evoluindo e creio que basta uma vitória convincente pra maré mudar a nosso favor!

  29. O que gostei foi da postura da equipe no segundo tempo, estavam mais tranquilos, jogando como sou acostumado a ver meu tricolor, com aquela mentalidade iremos prá frente… Ademilson que até pouco tempo atrás eu criticava por achar muito fraco, hoje incendiou o jogo e deu esperanças de gols não só ao torcedor como também aos outros jogadores, algo despertou nele, dá a impressão que amadureceu um pouco, que sua habilidade é a mesma não importa quem esteja enfrentando… muito obrigado Ademilson, sua presença foi determinante para a nossa fé ter mais força, continue assim menino e você terá um futuro brilhante pela frente… Vamos meu Tricolor amado!!!

  30. E o pênalti pros travecos hein??
    Quando foi falado na transmissão do nosso jogo que tinha pênalti pra eles, já falei ‘roubado, certeza!’.
    Vi o lance depois, dito e feito!

  31. Eeeeeeeeeeee saudades da época que eu brincava com o “fantasma do rebaixamento”….agora nem posso brincar mais…vai que passa um anjo e fala “amém” rs

    Bom dia….o time vem melhorando…só a uruca que ta pior que o Juvenal que não larga o osso srsrrs

  32. Bom dia!

    Que a semana seja proveitosa para todos nós, inclusive — e especialmente — para o SÃO PAULO!

    O time estava necessitando dessa parada. Desde antes da excursão, foi uma correria danada. O time precisa descansar e se preparar. Essa semana livre será importante. Torçamos para que AUTUORI faça o que deve ser feito.

    Abraços!

Deixe uma resposta