Lucas_Evangelista_Perfil

Após a inacreditável derrota de domingo, com direito a Rogério Ceni perdendo pênalti e Aloísio tirando a bola de dentro do gol, o São Paulo está cada vez mais atolado no Z-4, na vice lanterna e mesmo com 2 vitórias consecutivas, continuaremos na degola. Hoje o adversário da vez é o ascendente Atlético-PR, no Morumbi. O Tricolor busca não só a reabilitação, mas também quebrar dois tabus: não vence no BR a 10 jogos e no Morumbi a 6 jogos.

O ideal seria um time sem improvisos… porém, pelo menos na prévia da partida temos um lateral esquerdo improvisado na direita, um volante improvisado na zaga sendo que temos opções da posição disponíveis. O grande problema do time é a zaga, e quanto menos invenções melhor. Sem Edson Silva e Paulo Miranda, lesionados, além de Lúcio (afastado) e Rhodolfo (emprestado) Lucas Silva seria uma opção.

Autor do golaço no último domingo, o jovem Lucas Evangelista pode ganhar espaço no time. Resta saber como Autuori armará o meio de campo: manterá 3 volantes com um único armador? Colocará Jadson e Ganso para aturarem juntos? São várias possibilidades… eu armaria o time com João Schmidt e Fabrício dando proteção a zaga, com Jadson e Ganso mais a frente, além da dupla Aloísio e Luís Fabiano no ataque. A responsabilidade é toda do São Paulo e atuando no Morumbi, acredito que o time tem que partir pra cima. Repito, essa é apenas a minha opinião.

Recém promovido de volta a elite, o Atlético começou o campeonato dando a impressão de que retornaria para a segundona, mas vem em franca ascensão. O time do Atlético-PR é nota 5, e olhe lá, mas vem de 4 vitórias nos últimos 5 jogos, saindo da degola e figurando em 6º lugar, a apenas 1 ponto do G-4. É nesta ascensão que o São Paulo deveria se inspirar. Os destaques individuais são poucos, e sem dúvidas os pilares do time são: o bom zagueiro Manoel lá atrás e o veterano Paulo Baier comandando o meio de campo.

Independente de quem jogar a vitória não pode passar de hoje! A sequência do São Paulo neste primeiro turno não é nada fácil: Flamengo, Fluminense e Botafogo.  Vivendo a pior fase de sua história, é agora, mais do que nunca, que o São Paulo precisa de seu torcedor! Chega de reclamar e não fazer nada para mudar! Pra quem tem condições de ir ao Morumbi, não pense duas vezes… torça, grite e incentive o SP o jogo inteiro! Para quem não tem condições, mande energias positivas, bons pensamentos! Somos uma só torcida, de 3 cores! Chegou a hora de parar de brigar entre nós e abraçar o SÃO PAULO FC!  Pra cima deles São Paulo!! Que venha o triunfo e que Deus esteja conosco! #salvemotricolorpaulista!

Por: Leandro Teixeira

 

SÃO PAULO X ATLÉTICO-PR

Data/Hora: 15/08/2013, as 19h30min (de Brasília)

Estádio: Morumbi, em São Paulo/SP

Árbitro: Anderson Daroco/RS

Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva/GO e Fabio Pereira/TO

São Paulo: Rogério Ceni, Clemente Rodriguez, Rafael Toloi, Rodrigo Caio e Reinaldo; Wellington, Fabrício, Lucas Evangelista e Jadson; Osvaldo e Aloísio. Técnico: Paulo Autuori

Atlético-PR: Weverton, Léo, Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho; Bruno Silva, João Paulo, Everton e Paulo Baier; Dellatorre e Marcelo. Técnico: Vagner Mancini

Transmissão: PFC

Estatísticas

Empurrado pela torcida, que promete comparecer em bom número ao Morumbi, o São Paulo enfrentará o Atlético-PR e tentará manter um tabu. Desde 1983, o Tricolor não é derrotado pelos paranaenses no Estádio. De lá para cá foram 16 jogos de invencibilidade sobre o rival desta noite, em duelo válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro 2013. Nesse período, foram 11 triunfos e apenas cinco empates.

Ao longo dos anos, a equipe são-paulina esteve frente a frente 48 vezes com o Atlético-PR. São 17 vitórias, 18 empates e 13 derrotas (71 gols marcados e 56 sofridos). No Morumbi, palco do confronto desta quinta-feira (15), às 19h30, foram 20 jogos. O Tricolor detém 11 triunfos, sete empates e apenas dois revezes (39 gols marcados e 19 sofridos).

Já em partidas pelo Campeonato Brasileiro, torneio que abrigará o duelo entre paulistas e paranaenses, o retrospecto é extremamente equilibrado. São 12 vitórias para cada lado e 13 empates. Nos 37 jogos entre os clubes, o São Paulo balançou as redes 51 vezes contra 45 do adversário.

Fonte: Site Oficial

Anúncios