Excursionar vale a pena??

eusebiocup

Nos últimos dias vimos dois dos principais clubes brasileiros irem além dos domínios brasileiros em busca de expansão e internacionalização de suas marcas e de valores astronômicos das cotas televisivas pela cobertura dos eventos transmitidos para muitos países do globo,  além de mais canecos para a galeria de troféus. O que foi esquecido na verdade foi o mais básico: apresentar um produto de qualidade ao mundo, ou seja, jogar futebol. É bem verdade que o São Paulo venceu o português Benfica, pela Eusébio Cup, mas é extremamente pouco para as expectativas nacionais e, por que não, as expectativas do público internacional. E assim, é inevitável questionarmos: em determinados momentos, vale a pena excursionar mundo afora?

Primeiramente, o que é preciso ser bem entendido e consequentemente praticado é o posicionamento das marcas desses clubes aqui no Brasil: há um real entendimento de onde se está ( e onde se quer chegar) aqui no Brasil? Quem são os consumidores? Estou atingindo-os de forma eficaz? Há satisfação? O trabalho é feito de forma coesa para podermos vislumbrar voos maiores? Falando de performance, é necessário principalmente entender o momento vivido pelas equipes, se há possibilidade de, com a participação brasileira, proporcionar um grande espetáculo e assim contribuir de forma significativa.

Um problema que enfrentamos por aqui é o calendário: ora, se é proposto enfrentarmos times da Europa, precisamos adequar nosso calendário à Europa. O que vimos no Camp Nou, por exemplo, foi sim um jogo em ritmo de treino por parte do Barcelona, mas um futebol acovardado do time santista. E é essa característica que é mais preocupante, que arranha não só a imagem do clube praiano, mas de uma nação que respira futebol. Afinal, no quesito exposição de marca, alguém acredita que o retorno tenha sido positivo? “Essas são as fortes e estruturadas equipes do chamado país de futebol”?

A verdade é que nosso futebol está muito ultrapassado, não há espaço para participações medianas como as que tivemos. Precisamos sim procurar formas de alavancar nossas receitas e mirar expansão de mercado – quando chega-se à conclusão estruturada que assim deve ser feito – em tempo. E é por isso que o título do post é válido.

Negócio & Esporte

96 comentários

  1. Bom dia,

    Acho que o excesso de jogos nao afeta mais alguns clubes ja que usam time B e prolongam a pre-temporada. Porem, começo de ano é pessimo pra amistosos na europa. Como eu sou contra adapar o nosso calendario ao europeu, nao tenho ideia de como resolver isso!

    Sobre a qualidade, acho que a formaçao dos jogadores no Brasil esta cada vez pior mas nao da pra igualar competitividade com a europa a curto prazo mesmo pq envolve uma questao geografica, economica e social. Temos que superar as limitaçoes na tatica e vontade.

  2. Bom dia!

    1º) Estou muito feliz pela evolução do SPFC durante essa viagem pelo mundo. Ao contrário da opinião geral, achei que estamos bem. Não dava pra esperar algo melhor contra o Bayern, eles são apenas o melhor time do mundo e nós um time na zona do rebaixamento do campeonato brasileiro, em crise, desfalcado e cheio de apostas. O empate no 1º tempo foi um baita resultado. “Ah, mas se não fosse o Rogério seria um massacre…” Sim, possívelmente, como seria um massacre contra o Liverpool, mas ninguém reclamou. A diferença é que aquele time de 2005 estava bem melhor do que o atual. Pena o Rogério ter perdido o pênalti. Contra o Milan eu nem comento, afinal era reservas x reservas, mas me surpreendeu a personalidade de alguns garotos. Contra o Benfica, só consegui ver do final do 1º tempo em diante. Do que vi, gostei muito. O tricolor dominou o Benfica, foi campeão merecidamente. Olha só: jogamos bem contra Bayern, Milan e Benfica, não dá esperança de vencer Portuguesa, Criciúma, Goiás, Náutico e cia?

    2º) Triste ver o oportunismo das pessoas. Até 10 dias atrás, todos destacavam Santos e São Paulo em viagens pela Europa. Aí, o São Paulo numa baita crise perde de 2 a 0 para o time que goleou o Barcelona por 4 a 0 e 3 a 0 e vira alvo de críticas. O Santos se abre e perde de 8 a 0 para o Barcelona e aparecem milhares de pessoas com o famoso: “eu não disse?” Queriam que o SPFC se abrisse e fosse humilhado também? As pessoas precisam entender que os times brasileiros não tem condição de bater de frente com Barcelona, Bayern, Real, Borussia… Os melhores times brasileiros do momento (São Paulo em 2005, Santos em 2011, SCCP em 2012, Atlético em 2013…) até podem bater de frente com Chelsea, Porto, Liverpool, os italianos de atualmente, mas contra os times que jogam um futebol de alto nível na Europa é suicídio. Falta humildade para torcedores e jornalistas brasileiros.

    3º) Triste o episódio de domingo na Gazeta, de ambos os lados. Nem MAC e nem Casares, assim como Juvenal, não merecem nos representar.

    4º) Que amanhã o Japão nos traga boas lembranças novamente.

  3. Bom dia,

    Acho que o excesso de jogos nao afeta mais alguns clubes ja que usam time B e prolongam a pre-temporada. Porem, começo de ano é pessimo pra amistosos na europa. Como eu sou contra adapar o nosso calendario ao europeu, nao tenho ideia de como resolver isso!

    Sobre a qualidade, o dia que o Brasil oferecer renda per capita alta, segurança e educação talvez seja possivel fazer comparaçoes com a europa, em qualquer setor. Por enquanto, no futebol, so da pra chegar perto se ultrapassa-los em vontade e tatica.

  4. Marcelo disse:
    6 de agosto de 2013 às 08:18
    Bom dia Pessoal,

    O que vocês acham do Renato ex-fla e gambás no tricolor?

    ___________________________________________

    Nunca gostei do seu futebol, para mim ele liga o nada ao lugar nenhum.

  5. Quem eu acho que vai acabar vindo para o São Paulo é o Antonio Carlos, zagueiro do Botafogo, é só palpite.

    Quando ele jogava no Atlético PR junto com o Rhodolfo, eu torcia para o São Paulo contratá-lo e não o Rhodolfo.

    Para minha surpresa o Rhodolfo foi muito bem no São Paulo, aliás esse só saiu por causa do laranja podre Lúcio.

  6. Engraçada essa entrevista do Ney Franco, se era desse jeito que ele falou pq nao pediu as contas??? E ele nao comenta que o Lucio, LF, Ganso reclamaram com ele do mesmo modo que o RC…

  7. Bom dia!

    Do jeito que está, com a disparidade entre os calendários e, principalmente quanto a à mentalidade do futebol que se pratica aqui, não sei se é bom negócio. O fato é que os clubes brasileiros precisam de receitas. Se é bom ou não futebolisticamente, financeiramente certamente é.

    Dizem que o SÃO PAULO embolsará mais de R$ 5 milhões, algo relevante no orçamento dos clubes.

  8. isso pra mim só mostra o quão “frôxo” e zé ruela ele e quem dirige o SPFC hj é, se o camarada (cogitando ser verdade o q ele diz) não ajuda em nada só atrapalha e só enxerga o seu próprio umbigo, cadê quem REALMENTE manda no clube pra afastar esse cara? o SPFC é de propriedade do RC??? não tem presidente no clube???

    • Acho complicado julgar dessa maneira. O RC está há muitos anos no clube. Muito mais que diretores, que técnicos que ali já passaram.

      Acho que existem exageros nessa história mas existem verdades também. De forma a concluir que a partir de jan/2014 algumas perguntas serão respondidas.

      • mas e aí o cara faz o que quer? a ponto de mandar e desmandar, aprovar e reprovar contratação, colocar seu interesse acima dos objetivos maiores do clube?

        se for assim é complicado mesmo, só mostra q o rabo tá abanando o cachorro…

      • Brassan, o que sempre ouvi e li é que ele é exatamente como disse o Ney Franco. Claro que este não saiu da melhor forma do clube e com certeza se supervalorizou na entrevista. Mas, não é de hoje que esse lance de “doninho do time” paira sobre a cabeça do RC. Lógico que a culpa não é só dele , muito mais sendo de quem preside o clube.

  9. Bom dia!

    Com relação a entrevista do Ney, ela é muito boa e reveladora.
    Primeiro ponto: vários jogadores reclamaram com o nosso antigo treinador, mas me parece que ele so guardou magoa do RC, com razão, afinal o arqueiro falou algumas coisas erradas após a saída do Ney.
    Depois: como o Ganso estaria sendo fritado pelo goleiro se ele mesmo disse que o RC conversa com ele e lhe da dicas de como melhorar?! Acho que tem algo errado ai.
    Agora uma coisa é de fato um problema: o RC se envolveu demais na política do clube. É errado, uma vez que ele precisa defender o SPFC, e estreitar relações políticas nao ajuda na harmonia do clube.
    Gosto e muito do RC, sou contra “brincadeiras” e oportunismos contra ele, mas nao sou cego quanto aos problemas que ele se envolve, que podem prejudicar o clube.

    Enfim, como disse a Katia, depois de dezembro veremos se ele é ou nao um problema.
    Se ele chegou a esse Status no clube, foi por seu mérito e pq deixaram ele se envolver. Mas vcs acham que isso começou agora, somente na má fase?! Ou acham que de 2005 a 2008 ele era um cordeirinho?!

    Isso eu acho oportunismo, criticar agora que o time vai mal…

  10. Éder… sobre este assunto RC, é o que sempre digo, mas quando falamos, é pq há perseguição etc…

    Aliás, há anos que o Amílcar já falava isso…

    Só que não se pode falar, pq é perseguição etc…

    Taí pra quem quiser ver, acreditar etc… eu continuo com as minhas convicções…

  11. Analisando as declarações do RC e do NF, só posso chegar a uma conclusão: os dois não deixam de ter uma certa razão, mas sem dúvida nenhuma cometeram exageros em suas declarações.

    Independente disso, errado está quem começou. Deveria ficar calado, até em nome da ética e do respeito a quem quer que seja.

    • Exato.

      Ainda mais quando se trata de questionar caráter. Geralmente acaba na justiça.

      Cada um se posiciona da forma que acha que convém. Mas se eu fosse Ney Franco, não botaria a boca no trombone agora.
      Primeiro, procuraria realizar outro bom trabalho em outro clube. Depois, caso o assunto viesse à tona novamente, me defenderia apenas com números, demonstrando além de ética, grande profissionalismo e respeito.

      Acho que o desespero bateu à porta após ele não conseguir emprego no Fluminense por acreditar estar com a imagem arranhada. Se sou eu quem contrata, após uma declaração dessas, ficaria mais em dúvida ainda.

      • Afinal, ele apenas foi questionado quanto ao seu desempenho profissional. Ao menos entendo “legado zero” apenas como aspectos futebolísticos.

        Entretanto, sua resposta foi um ataque pessoal.

  12. A verdade é uma. Ney Franco já tá fora. O RC, independentemente de ser verdade (o que o técnico da beira do caos diz) ou não, jogará até Dezembro.

    Agora que as coisas começaram a dar sinais de melhoria sai essa notícia. Os jogadores precisam de tranquilidade para trabalhar. A quem acham que essa troca de farpas interessa?

    A qualquer um, menos ao SPFC.

  13. Nao posso levar em consideração a palavra de profissional que soltou a frase: nao entro em campo e nem erro os passes.
    Nao me parece que mereça tanta consideração assim

    • Qualquer avaliação profunda de caráter feita sob algo que alguém tenha dito em um momento tenso, pode ser leviana.

      Que fique claro, não defendo ninguém nessa história pois não sei da verdade.

      • Sim, claro, nem para o bem nem para o mal.

        Tem verdades na entrevista dele?! Lógico, mas nao acredito que ele seja o novo Messias, onde suas palavras devam ser seguidas a ferro e fogo.

        Usar a entrevista pra criticar o RC, pra mim, parece até sacanagem… Ninguém nunca saberá a verdade.

    • Diferente de outros “jornalistas” que falam baseados em achismo o NF conviveu no ambiente e pode falar com propriedade, as pessoas gostando ou nao das suas atitudes.

      Mas o RC, que merece todo o meu respeito, parece um caso claro de “falta do momento certo pra aposentar”, pq ele funciona mais no SP como um diretor, manager ou etc. Impossivel conciliar o jogador Rogerio Ceni com o “manager” Rogerio Ceni. Um bloqueia o outro.

  14. E tem mais…

    Se o RC ou qualquer outra pessoa falou isso do Ganso não mentiu…na maioria das vezes é um a menos mesmo, infelizmente…

  15. Eu ainda considero absolutamente possível que o RC continue em 2014.
    E ao contrário de muitos, acho que ele ainda não mostrou estar tecnicamente em declínio.
    Não falo em termos físicos, pois nem tenho como avaliar.
    Mas tecnicamente continua mostrando as mesmas virtudes e as mesmas fraquezas que mostrou durante toda a carreira.

  16. Eu acho que o RC deveria ser olheiro, pois se ele reclamava do lucio e do Ganso e pediu a volta do Fabricio ele manja demais…

  17. Infelizmente, ainda colocam no mesmo balaio o São Paulo e o Santos nas excursões pela Europa.
    O que um fez é muito diferente do que o que o outro foi fazer.

    • Não dá pra comparar em termos de futebol. Pra uma competição fomos convidados e a outra é oficial. O Eusébio Cup foi o único que “arranjamos”. O Santos acordou o amistoso como forma de pagamento do calopsita anêmica.

      Agora, em termos de planejamento e marketing, estamos sim no mesmíssimo barco.

  18. Sobre ROGÉRIO CENI x Ney Franco, não coloco a mão no fogo por nenhum. Pelo que já vi, apesar de nunca ter conversado com ele sobre o assunto, comungo do mesmo pensamento que o mestre Márcio.

    Nem vou falar a respeito, apenas vou citar o que aconteceu com o Alex que hoje joga no Coritiba, nos tempos de Fener.

    Quando mudou o treinador, acho que no meio do ano passado, o treinador o chamou de lado e disse – segundo o próprio Alex – , mais ou menos assim: “Você é o melhor jogador do time, é ídolo aqui. Eu cheguei agora. Por mais que você seja bom, infelizmente não tenho como contar com você para o trabalho, porque você é muito maior que eu, de modo que a minha autoridade poderia ser questionada pelo grupo todo caso houvesse alguma divergência entre nós”. Então pediu desculpas e p Fener não renovou o contrato do craque.

    Sem querer fazer qualquer juízo de valor, apenas repetindo o que o Alex relatou recentemente.

  19. Bom dia amigos.
    eu acho wue vale apena sim, pelo lado financeiro e pelo de se afastar num momento de crise.
    sobre as declarações do NF sobre o RC.
    o RC não é nenhum santo, mas acho que esta tenfo um certo exagero, por coincidência depois de uma Vitória para espantar a crise.
    sobre o NF, oportunista quer arrumar uma desculpa pelo péssimo trabalho que ele fez, não tinha autoridade, nem treino ele dava, nesse caso alguem tinha que tomar uma atitude, e sobrou para o RC.

  20. Acho que algumas coisas da entrevista do Ney Franco devem realmente ser verdades, outras uma forma de se desculpar por erros… mas a única coisa que me lembro foi o 2×0 que aplicamos no Atlético/MG no Morumbi e Rogério Ceni falando “esse meu camisa 8 vale o dinheiro gasto, ele joga muito, diferenciado”… isso é fritura ou falsidade nível 10??? RC pode não ser santo, mas essa falsidade toda não acredito tb não!!!

  21. Muit do dito pelo Ney deve ser verdade, como por exemplo o envolvimento político do RC com o São Paulo, que todos querem seu apoio etc..
    Agora também acho que ele exagerou demais, fritura no Ganso? Se falasse no William José td bem, mas no Ganso? O próprio Ganso mete pau no Ney!
    E o Ney continua falando como se ele não tivesse errado nada no São Paulo, se ele não conseguiu controlar o elenco, por mais dificil que seja lidar com ele, isso é uma falha dele como treinador, ou vocês acham que só o RC é difícil de lidar no mundo do futebol?
    Vejam o Guardiola, que já começa a ter problemas no Bayern por exemplo.

    • Que já começa a ter problemas criados pela mídia, você quis dizer, né?

      Estão questionando a compra do Alcântara, como se ele fosse um perna de pau qualquer e só fora contratado pois é “espanhol”.

      Recomendo que filtre mais o que lê na mídia.

      • Eu filtro o que leio claro.
        E a imprensa alemã tem seus problemas, com certeza, assim como a nossa. Mas usei de exemplo, pois, é possível sim ter problemas, e não precisa o cara ser perna de pau, mas se chega um novo treinador em um grupo com jogadores líderes e ele vem e muda algumas coisas, tira alguns jogadores em detrimento de suas contratações é possível que haja problemas (jogadores x técnico). O que não quer dizer que esses problemas vão fazer com que o time perca, pois é possível o time ganhar mesmo com tais problemas – daí a diferença entre o técnico que sabe e o que não sabe lidar com tais problemas.

      • Acho que deve ser analisado o contexto. A pergunta do repórter se referia à “erros de passes”. De fato, a única coisa que ele pode fazer é dar treinos específicos pra melhorar este quesito.

        E é fato que, conhecendo a mídia que temos, ele poderia procurar uma forma melhor de responder. Apenas alimentou a euforia da imprensa ao criar factóides e vender jornalecos. Ney Franco me parecia sem inteligência emocional as vezes.

  22. foi o RC que afastou o Fabricio, o Cortez, o Canete, e pediu o juan de volta?
    se o RC tivesse algum problema com o Ganso, não iria falar tudo aquilo depois da Vitória contra o atlético mg, e se ele tem tanta autonomia no clube ele vetaria alguma contratações. o Emerson Leão falou na Espn agora pouco que o RC nunca interferiu no comando dele, a deve ser porque o Leão tinha pulso firme e treinava o time.

    • Amigo, nem acho que agora devamos discutir ao ponto de encontrar quem tá mais errado na história. O que fica evidente é, sabe se lá o motivo, o clima nos vestiários tava/tá f*dido. Me parece que a aceitação do trabalho do Autuori é maior, devido ao fato dele ser mais próximo dos jogadores.

      O Ney usava seu auxiliar para dar treinos e cuidava do resto. Não acho ruim que seja assim, mas os nossos jogadores ainda não tem mentalidade suficiente pra entender que era apenas um método de trabalho. Me parece que isso irritava alguns.

  23. bdia…sou fça do rceni..mas acho que realmente esse tem que ser seu ultimo ano! acho que essas vaidades só atrapalham e não trazem nada de positivo…precisamos sempre ter alguem com espirito de liderança ,obviamente, ja o ney franco ao sair do sp, é mais facil falar….o entrave deveria ter sido resolvido quando ele estava la dentro…acho errado essa postura dele, pois não acrescenta nada ..sou do tempo que briga se resolvia na rua e não na internet.pra ser franco! …Esperamos que isso não se reflita no time e fique só nesse disse me disse..pois o time esta começando a criar confiança e espero que não atrapalhe e os jogadores digiram isso de forma errada , se lerem!

  24. Se o Rogério é o titular é lógico que ele vai jogar sempre, e jogando sempre vai bater recordes de participação mesmo, óbvio. O único que pode definir a aposentadoria é ele mesmo, assim como qualquer trabalhador. O que o SPFC pode definir é se ele vai se aposentar no clube ou não. Se ele não atende às necessidades do clube, é só mandar embora.

    O Ney Franco disse que o Rogério fritou o Ganso e o Lúcio, mas quem teve problemas com esses e outros jogadores não foi o Rogério, pelo contrário, foi o próprio Ney Franco.

    Deixou a entender que o Lucas só foi vendido porque ele fez o futebol do moleque crescer, mentira, já que o Lucas teve a melhor fase dele no time depois da venda.

    E se o Rogério interferiu na equipe é porque não tinha um técnico de verdade para fazê-lo, é só ver que quem recebia para isso não aplicava nem os treinamentos da equipe.

  25. jjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjjj

    Lucas foi vendido pelo JJ….O mérito foi só do JJ e do Lucas ter jogado bem é dele que tampou a boca da imprensa que falou que ele iria tirar o pé….

  26. “O Lucas teve um boom e foi negociado” – Ney Franco

    lucas foi vendido no inicio de agosto, ney franco chegou em julho…detalhe que Lucas disputos as olimpiadas…

  27. Boa tarde Rabugentos…rsrs

    O NF decepcionou como técnico do tricolor, isso é fato.
    O RC como todo ser humano tem seus defeitos, isso tbm é fato.
    NF vá procura m novo clube pra trabalhar e vida que segue

Deixe uma resposta